Merck mudará para Barra do Corda

A multinacional Merck, localizada na Vila Ivar Saldanha, está de malas prontas para se instalar na cidade de Barra do Corda, onde tem fezandas.

A empresa alemã, que resistiu pressões de governadores, prefeitos e até deputados  para deixar a Ivar Saldanha por causa da alta poulição, foi vendida para um laboratório americano.

A Merck conseguiu do governo Roseana Sarney 75% de isenção do ICMS por 20 anos. Então, não será surpresa nenhuma se logo aparecer na mídia que a multinacional abrirá  mais de 30 mil novos empregos. Agurdem!

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Prefeito acusado de crime de pedofilia apresenta atestado médico para não depor

O prefeito de Pirapemas, Eliseu Moura, apresentou atestado médico para fugir do depoimento que seria prestado hoje, no período da tarde, na CPI do Combate a Pedofilia.

Moura alegou que estava sob cuidados médicos para tratar de pneumonia. Ele é acusado por duas jovens de manter relações sexuais quando elas ainda eram menores de idade.

Segundo familiares das  moças, o prefeito prometeu mundo e fundos para iludir as vítimas. Ambas engravidaram, tiveram os filhos e Eliseu Moura se recusa a reconhecer a paternidade e nunca aceitou fazer o exame de DNA.

A presidente da CPi da Pedofilia, deputada Eliziane Gama, informou que tão logo a Assembléia Legislativa retorne do recesso, no final de janeiro, o prefeito será convocado a depor.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Doação de prédio para o TJ cria crise entre a Câmara e Assembléia Legislativa

A Assembléia Legislativa aprovou ontem projeto de autoria do presidente Marcelo Tavares doando o antigo prédio da AL, na rua do Egito, para o Tribunal de Justiça.

A Câmara Municipal de São Luís sonhava em ocupar o prédio e reagiu. “O Marcelo Tavares sempre teve a vontade de entregar o prédio para outro órgão que não fosse a Câmara Municipal”, afirmou o vereador Isaias Pereirinha.

O presidente da Assembléia Legislativa, durante a votação do seu projeto, informou que a Câmara nunca tinha manifestado desejo de receber o prédio.

“É mentira. Ele é mentiroso”, bradou Pereirinha, no saguão da AL, acompanhado de um grupo de vereadores que foi protestar contra a medida.

Pereirinha lembrou que na mudança dos deputados e funcionários para a nova sede, no Rangedor, os vereadores chegaram a ocupar o prédio da rua do Egito, por determinação do então presidente João Evangelista. 

“Foi o Marcelo Tavares assumir a presidência e logo recebemos uma contra ordem. Tentamos negociar de todas a maneiras, mas sempre havia resistência”, explicou o presidente da Câmara Municipal de São Luís.

Há duas semana, os vereadores aprovaram monção de aplausos ao deputado Joaquim Haickel que fez apelo aos deputados para que o prédio fosse doado para a Câmara Municipal.

O vereador Isaias Pereirinha creditou ainda a medida do presidente da Assembléia Legislativa ao fato dele declarar apoio ao governo de Roseana Sarney.

“Isso é retaliação. A Assembléia não é imparcial e está sendo usada para fazer politicagem. Além disso, o deputado ´presidente mostrou que não tem nenhum compromisso com São Luís porque sempre foi eleito pelos votos dos currais eleitorais do interior”, disse o vereador Lourival Mendes.

Dos deputados presentes, votaram contra a doação do antigo prédio para o Tribunal de Justiça, Gardênia Castelo, Manuel Ribeiro, Márcia Marinho e Joaquim Haickel.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Aécio Neves desiste de candidatura a presidência da República

O governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), anunciou nesta quinta-feira (17) que não será candidato à Presidência da República em 2010. A confirmação foi dada em entrevista em Belo Horizonte com o presidente do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE).

 

 “Deixo a partir deste momento a condição de pré-candidato do PSDB à Presidência da República, mas não abandono minhas convicções e minha disposição para colaborar, com meu esforço e minha lealdade, para a construção das bandeiras da Social Democracia Brasileira”, disse Aécio Neves.

 Aécio explicou que desejava construir um quadro amplo de alianças para a disputa presidencial de 2010, mas que para implementar o projeto precisava que o partido definisse o candidato até o final do ano. Aécio disputava com o governador do São Paulo, José Serra, a candidatura pelo PSDB à Presidência da República.

“Sempre tive consciência de que uma construção com essa dimensão e complexidade não poderia ser realizada às vésperas das eleições. Quando, em 28 de outubro, sinalizei o final do ano como último prazo para algumas decisões, simplesmente constatava que, a partir deste momento, o quadro eleitoral estaria começando a avançar em um ritmo e direção próprios, e a minha participação não poderia mais colaborar para a ampla convergência que buscava construir”, disse o governador.  


Quando, em 28 de outubro, sinalizei o final do ano como último prazo para algumas decisões, simplesmente constatava que, a partir deste momento, o quadro eleitoral estaria começando a avançar em um ritmo e direção próprios, e a minha participação não poderia mais colaborar para a ampla convergência que buscava construir

Segundo o presidente do PSDB, Aécio será candidato ao Senado. “Hoje o governador nos informa que não disputará nem é mais candidato à Presidência da República. É candidato ao Senado.” 

O governador de São Paulo, que participava na tarde desta quinta-feira de um evento em São Paulo, não comentou com jornalistas presentes ao evento a desistência do colega de legenda

Guerra disse que o governador de Minas teria todas as condições para se candidatar e governar o Brasil, caso eleito. “Sua liderança, todos reconhecemos. Sem dúvida, o PSDB tem nele um grande quadro”, afirmou o presidente do PSDB.

 

  • Segundo a assessoria do governador, Aécio pretende deixar o cargo no dia 31 de março, data-limite de desincompatibilização para que possa concorrer nas eleições de 2010. A assessoria informou ainda que o governador “rechaça e sempre rechaçou” a possibilidade de vir a ser candidato a vice em uma “chapa pura” do PSDB, encabeçada por Serra.

 

Serra estava em um evento em São Paulo e perguntado sobre a decisão saiu sem falar com a imprensa e retornou ao Palácio dos Bandeirantes.

Mais cedo, o senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) havia dito ao G1 que Aécio ia anunciar a decisão. “Ele está fazendo um discurso em Belo Horizonte agora anunciando isso. Está retirada a candidatura dele à Presidência”

DEM

Aliado preferencial do PSDB em 2010, o DEM recebeu bem a decisão. O presidente do DEM, Rodrigo Maia (RJ), afirmou que o quadro agora está mais claro para a próxima eleição com o governador José Serra (SP) pela oposição e a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) pelo governo. 

 

  • O importante é que o quadro começa a ficar mais nítido. Agora é Dilma contra Serra. Essa decisão coloca o Serra como pré-candidato e cabe a ele agora definir quando assumir essa posição

“O importante é que o quadro começa a ficar mais nítido. Agora é Dilma contra Serra. Essa decisão coloca o Serra como pré-candidato e cabe a ele agora definir quando assumir essa posição”, disse Maia ao G1.

Maia elogiou a posição de Aécio de deixar a disputa. “Acho que ele tomou a decisão correta porque essa situação estava criando um desgaste permanente.”

O presidente do DEM disse esperar que, mesmo sem ser candidato, o mineiro esteja disposto a ajudar a aliança oposicionista em outros estados. “Foi uma decisão acertada a de fortalecer o projeto em Minas Gerais, mas ele continua sendo uma peça fundamental da engrenagem e espero que colabore com a nossa campanha em outros estados no próximo ano.”

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Assembléia aluga carros para deputados

Tenho respeito e admiração pelo deputado Marcelo Tavares.  Por isso, nos últimos dias, tenho alertado o presidente da Assembléia Legislativa para que acerte na condução daquele poder, sob pena de comprometer a sua história e futuro político.

A sua equipe técnica mais atrapalha do que ajuda nas decisões que envolvem, principalmente, os servidores da Casa. As reclamações soam em todos os cantos.

Faço cobertura jornalista das atividades da Assembléia Legislativa desde 1978. 

No ano seguinte, o Congresso Nacional tomou medida moralizadora, cortando a mordomia dos deputados membros da Mesa Diretora das duas Casas (Senado e Câmara Federal).

Eles foram obrigados s devolver os carros que foram comprados pela presidência de cada parlamento. Além disso, houve acentuada redução com gastos em combustíveis.

Recordo-me que as Assembléia Legislativa de todos país seguiram na mesma direção, inclusive a nossa do Maranhão. Apenas o presidente tinha direito a carro e combutível.

Eis que a nossa atual Assembléia Legislativa alugou carrões importados para cada dos oito membros da Mesa Diretora. Um erro que pode ser corrigido.

Em contrapartida, tomaram os carros que eram usados pelos diretores. Quem quiser que faça os serviços da Casa com seu próprio veículo.

Antes que esqueça, aos deputados foram doadas cestas gordas a caríssimas de natal. Afinal, o bom velhinho não é ruim pra todo mundo. Feliz Natal!

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Miltinho deixou Barreirinhas na UTI

Ambulância 2

Após assumir a prefeitura de Barreirinhas, o novo prefeito Albérico Filho encontrou o setor de saúde municipal na UTI. Além de laboratório sem equipamentos, desvio de recursos, uma ambulância permanece presa numa oficina de São Luís por causa de dívida.

Conforme informou a secretária-adjunta de Saúde de Barreirinhas, Dalila Vasconcelos, “o laboratório não estava funcionando por falta de equipamentos”. Foi conseguido um microscópio para que pudesse funcionar o controle de endemias e de tuberculose.

A secretária de Saúde, Ana Carolina, afirma que sem equipamentos não podiam ser realizados exames. “Para que a população não fosse penalizada, tivemos que fazer terceirização, até que o laboratório esteja aparelhado”, disse Ana Carolina.

Com uma população de mais de 50 mil habitantes, Barreirinhas conta com apenas duas ambulâncias. Uma terceira ambulância permanece presa na oficina de carros Kalil Peças em São Luís há quase dois anos.

O blogue foi informado de que a ambulância está retida por causa de uma dívida de 22 mil reais.
O prefeito Albérico Filho vai mandar fazer auditoria nas contas da Saúde, mas acredita que houve desvio de verba de forma irresponsável.

Ambulância 1
A administração de Miltinho durou pouco mais de quatro anos e neste período recebeu recursos para construir e equipar um posto de saúde na localidade Sobradinho.

O posto de saúde sequer foi terminado. Mas o dinheiro para construir e equipar o posto de saúde não se encontra na conta específica.
“Começamos a mudar o quadro da saúde em Barreirinhas, que era coisa de calamidade pública. E em breve tudo estará funcionando dentro das normas do Ministério da Saúde e dentro do que espera a população”, garante Albérico Filho.
Albérico garante que as irregularidades serão todas denunciadas aos órgãos competentes. “Ninguém tem o direito de brincar com a saúde da população e ficar impune. O que faziam com a saúde em Barreirinhas era desrespeito mesmo”, afirmou.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Descaso

Insisto em observar que o deputado Marcelo Tavares precisar olhar com atenção a forma que a Assembléia Legislativa, por ele presidida, vem sendo administrada.

Hoje, por exemplo, os banheiros sequer tinham papel toalha.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Gardeninha vota com o governo

Nunca estiveram em alta como agora as relações entre a governadora Roseana Sarney e o prefeito de São Luís, João Castelo.

Hoje, a deputada Gardênia Castelo votou com o governo pela aprovação de empréstimo que vai endividar mais ainda o Estado.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Assembléia vota contra mais recursos para a Defensoria Pública

A bancada governista na Assembléia Legislativa votou contra uma emenda ao Orçamento Geral do Estado que aumentava os recursos para a Defensoria Pública.

O maior defensor do reajuste dos recursos, deputado Victor Mendes, foi o primeiro a votar contra, seguindo as ordens do Palácio dos Leões.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Nelma Sarney é derrotada no TJ

A presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargadora Nelma Sarney, foi derrotada agora a pouco no plenário do Tribunal De Justiça do Maranhão.

Por 14 a 9 votos, ela não foi reconduzida para a corte do TRE. Perdeu a vaga para o desembargador Raimundo Cutrim.

A decisão da maioria dos desembargadores não significa derrota para a família Sarney, que esteve distante do processo de escolha do novo membro para o próximo biênio para a corte eleitoral.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.