Abre o olho, presidente Osmar Filho! Perseguição e chibatas contra funcionários da Câmara

O clima na Câmara Municipal de São Luís é de pânico, terror, perseguição e demissões até sem a menor justificativa. Com tarefas políticas diárias e enfrentando desafios para viabilizar seu nome como candidato do PDT à sucessão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, o vereador Osmar Filho talvez não saiba como as coisas estão acontecendo naquele poder. 

Raimunda Nonata Azevedo, com mais de 26 anos de Casa, sofreu um AVC e ficou paralítica, apenas deitada o dia todo em uma cama e tendo que usar fraldas. Não fala e perdeu a função dos braços. Familiares seus entraram com um ofício ao setor de Recursos Humanos da Câmara de São Luís.

A triste surpresa veio com a demissão da doente, que tem três filhos. Ao contrário da compreensão, o conselho para que procurasse se aposentar pelo INSS. Sem saber o que fazer e para não passar fome, a agora ex-barnabé teve que ir morar com os irmãos no interior. Quanta maldade! A mesma maldade que vai, sempre volta.

Um funcionário antigo do setor de Segurança fez uns comentários ao vereador Marcial sobre as demissões que estão acontecendo na naquela Casa e logo foi surpreendido com o corte de seu nome da folha de pagamento. O clima é de medo, presidente Osmar Filho!

Várias pessoas pediram exoneração dos quadros da Câmara Municipal e pleitearam a devida indenização. Aí veio o susto! Aos que trabalharam por mais de 30 anos, a mísera indenização de R$ 5 mil. O jeito foi procurar a Justiça.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Emendas impositivas serão aprovadas pela Assembleia Legislativa a partir de 2020

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Othelino Neto, informou hoje em entrevista ao jornalista Roberto Fernandes na TV Mirante que não tem dúvidas da aprovação das emendas impositivas, como já existem em diversos estados, na Câmara Federal e no Senado Federal.

Othelino disse que a futura lei não foi aprovada até agora por causa do tempo que levou para ser debatida e explicou: “É algo que vem sendo construído e amadurecido, mas tenho certeza que a partir de 2020 será instalada”.

Através da emenda impositiva o governo terá que acatar os pedidos dos deputados para que sejam colocados recursos aos seus pleitos, geralmente indicações para obras em saúde, educação, segurança e infraestrutura.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Glacial Fest chega a Santa Inês repleto de atrações

Jonas Esticado, Mano Walter e Banda Beijo de Menina agitam evento organizado pela cerveja Glacial no próximo dia 14

Santa Inês, no Maranhão, recebe no próximo dia 14 o Glacial Fest, festival itinerante organizado pela Glacial, cerveja que faz parte do portfólio do Grupo Heineken no Brasil, em parceria com a gravadora Som Livre. O evento, que será realizado na Praça de Eventos Dona Zima, contará com apresentações dos cantores Jonas Esticado e Mano Walter, e da Banda Beijo de Menina.

Evento proprietário, o Glacial Fest percorre os Estados do Norte, Nordeste e Sudeste. Este ano chega à sua décima edição, com o objetivo de democratizar a música, proporcionar momentos de descontração e ainda estreitar a relação entre a cerveja e seus consumidores.

“Estamos animados de trazer para Santa Inês o Glacial Fest. Para nós, a realização do festival aproxima a cultura regional da marca, além de proporcionar ao público uma experiência inesquecível. Nesta décima edição, trabalhamos para oferecer música boa e diversão, levando uma estrutura de grandes eventos, com segurança e conforto. Tudo isso regado a muita cerveja gelada e refrescante”, afirma Gustavo Hila, gerente de marketing da Glacial.

Serviço:
Glacial Fest Santa Inês
Data: 14 de dezembro de 2019 (sábado)
Local: Praça de Eventos Dona Zima
Line-up: Jonas Esticado, Mano Walter e Banda Beijo de Menina
Horário de abertura dos portões: 22h30
Pontos de venda físicos:
– Central Bruts
– Lojas Noroeste
Valores: pista, R﹩ 40,00; front, R﹩ 80,00.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

MPF no Maranhão instaura procedimento para apurar o estado da rodovia BR-010

A PRM/Imperatriz, que investiga a precariedade da rodovia, oficiou o Dnit e a Sinfra para que se manifestem sobre laudo que aponta a deterioração em elevado grau da passarela que está localizada na região do “Entroncamento”

O Ministério Público Federal (MPF) no Maranhão (MA), por meio da Procuradoria da República no Município de Imperatriz (MA), instaurou procedimento para apurar o estado da BR-010, no perímetro urbano do município e no seu entorno e das vias que lhe dão acesso a outros municípios, bem como a falta de estrutura, de sinalização, de obras e de aparelhos aptos a propiciarem melhor e mais segura mobilidade dos veículos, ciclistas e pedestres que nela trafegam.

No dia 12 de novembro, foi realizada reunião entre vários órgãos e autoridades para a deliberação de várias medidas, entre elas, a de que a Secretaria de Infraestrutura (Sinfra)/Imperatriz se comprometeu a enviar, até o dia 20 de novembro, ao Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit), um projeto com intervenções de engenharia, em pontos considerados críticos na BR-010. Além disso, o Dnit se comprometeu a responder a respeito dos referidos projetos até o dia 6 de dezembro.

No entanto, enquanto aguarda-se tais providências, o Instituto de Criminalística de Imperatriz elaborou um laudo que teve por objeto de perícia a passarela de pedestres sobre a BR-010, localizada na região do “Entroncamento”, em Imperatriz/MA. De acordo com o parecer, a passarela vistoriada obteve “Nota de classificação 1”, ou seja, condição crítica, em decorrência das fissuras apresentadas e das condições de deterioração dos elementos estruturais, como pilares e vigas.

O documento atesta, ainda, que a passarela não apresenta condições funcionais de utilização; bem como encontra-se em elevado grau de deterioração, apontando problema já de risco estrutural e/ou funcional.

Assim, a PRM/Imperatriz determina que o Dnit e a Sinfra sejam oficiados para que se manifestem sobre o laudo em até 48 horas, comprovando se já tomaram conhecimento da situação e se já tomaram providências ou quais medidas pretendem adotar e em quanto tempo, para sanar os problemas descritos no laudo do Instituto de Criminalística de Imperatriz.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Prefeito Luciano autoriza pagamento do 13º dos efetivos nesta quarta-feira

O prefeito de Pinheiro, Luciano, autorizou o  pagamento do 13º salário dos servidores públicos municipais para esta quarta-feira dia 11. Os efetivos do município já poderão sacar logo cedo os seus proventos – “Ganham os servidores, que terão mais tempo para as compras de Natal, e a economia pinheirense, que se manterá aquecida”, pontuou o prefeito Luciano.

O prefeito Luciano vem trabalhando de maneira incansável para contornar o período econômico de grandes turbulências, mas com planejamento e organização o município deve fechar o ano com todas as contas pagas para começar 2020 com o pé direito.

“Queremos movimentar o nosso comércio e também garantir mais fôlego para nossa receita no final do ano, para conseguir cumprir todos os compromissos assumidos. Mesmo diante de dificuldades orçamentárias, nossa prioridade continua sendo o compromisso com o servidor público”, destaca o prefeito Luciano Genésio.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Veículo com ocorrência de furto em Marabá é recuperado pela PRF em Imperatriz

Em 11 de dezembro do ano de 2019, por volta das 07 horas e 30 minutos, no km 260 da BR 010, no município de Imperatriz, agentes da PRF abordaram uma caminhonete L200 de cor branca e após consultas aos sistemas de segurança constataram ocorrência de furto em Marabá/PA para o referido automóvel.

Diante das informações obtidas foi constatada, a princípio, ocorrência de Receptação de Veículo. O condutor de 38 anos e a caminhonete foram encaminhados para o Plantão Central da Polícia Civil.

Fonte: PRF

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Após 25 anos de espera, asfalto chega no bairro Aviação, em Godofredo Viana

Os moradores da Rua Antônia Coelho, no bairro Aviação, no município de Godofredo Viana, estão em festa.

A gestão do prefeito Sissi Viana finalizou os serviços de asfaltamento na localidade.

A obra era uma reivindicação que já durava cerca de 25 anos. Sua conclusão pôs fim ao martírio vivido pelos moradores que, em administrações passadas, foram obrigados a viver um ciclo negativo marcado por poeira, lama e buracos.

Um dos moradores mais antigo da Rua, Idelino Araújo Morais, de 73 anos, ficou feliz com a chegada do “chão preto”.

“Agora melhorou bastante, pois antes havia muitos buracos e no verão muita poeira. Só temos a agradecer ao prefeito Sissi Viana”, disse.

“A felicidade dos moradores também é nossa. Cada conquista obtida pela comunidade reflete o comprometimento do prefeito Sissi Viana, que busca melhorias constantes e oferta qualidade de vida aos godofredenses”, ressaltou o secretário de Obras, Claudemir.

Outras ruas

Os serviços de pavimentação seguem avançando em Godofredo Viana nas travessas Gregório Ângelo Costa Filho e a José Crispim dos Santos, também no bairro da Aviação, as quais já foram concluída. Os serviços agora concentram-se na rua Professora Fúlvia Simão Maia, no Centro da cidade.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Prédio do BEM já consumiu cerca de R$ 30 milhões em reformas

Por Silvio Martins, Jornalista

Há mais de uma década a prefeitura de São Luis adquiriu o prédio onde funcionou o extinto Banco do Estado do Maranhão – BEM, na rua do Egito, Centro. E, até hoje, esse prédio continua em reforma. A previsão para conclusão da obra, de acordo com a assessoria de comunicação da prefeitura, é para o ano que vem, antes do final da atual gestão.

Arrematado por R$ 1.543.236,50 em um leilão, o edifício de 12 andares tem passado por reformas e adaptações que já consumiram cerca de R$ 30 milhões do erário municipal. Dinheiro que possivelmente daria para construir um novo.

A aquisição se deu em 2009 na gestão do então prefeito João Castelo. O objetivo da compra era transformá-lo num Centro Administrativo, para abrigar secretarias e órgão municipais, reduzindo assim despesas com locações, além de revitalizar o Centro Histórico da cidade.

Mas o que era para ser solução, virou um problema. Em 2010, teve início uma reforma que desconsiderou o fato do prédio ser tombado como patrimônio histórico pelo Governo do Estado, pelo Governo Federal e pela Unesco.

A reforma descaracterizava as fachadas do prédio, o que levou o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN, a embargar a obra, exigindo da prefeitura um projeto executivo de reabilitação das fachadas.

A prefeitura providenciou e apresentou o projeto, no entanto, para que a reforma continuasse, o IPHAN aplicou na prefeitura um Termo de Ajuste de Conduta – TAC, que passou por sucessivas prorrogações e aditivos.

De 2010 a 2014, as obras de reforma e adaptação não pararam, porém ficaram lentas. Durante esse período, a prefeitura adiou o prazo de conclusão da reforma por 5 vezes. Uma das empresas contratada em 2012, para tocar a obra, foi a Cristovam S. Santos pelo valor de R$ 530 mil.

Em 2013, já na gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, a prefeitura lançou o programa Avança São Luis, que incluía ações de desenvolvimento do Centro Histórico. Uma dessas ações era a conclusão da reforma do prédio.

Na época, o secretário adjunto da Secretaria de Urbanismo e Habitação (Semurh), Diogo Lima, anunciou um orçamento em torno de R$ 5 milhões para restauração do edifício, e, prazo para a conclusão até o primeiro trimestre de 2014. O que não aconteceu.

Já em 2016, a prefeitura decreta que o prédio se tonará a nova sede da Secretaria Municipal de Fazenda – Semfaz. A empresa Fonmart Tecnologia Ltda é contratada por R$ 6.952.846,17 para o serviço de implantação dos sistemas elétricos de informática, cabeamento, telefonia, datacenter, segurança patrimonial e serviços de montagem, instalação, configuração e garantia.

Em 2017, o prefeito determina que o prédio passe a se chamar Edifício João Castelo Ribeiro Gonçalves. Isso, dois meses após a morte do ex-prefeito. Oficialmente o nome do prédio era  Governador Matos Carvalho. São também comprados, nesse ano, dois elevadores no valor de R$ 30.000,00 da Hexcel Ltda.

No ano de 2018, no valor de R$ 2.128,000,00 , a prefeitura contrata para prestação de serviço de piso elevado, com regulagem de altura, confeccionado em resina temoplástica e revestimento em placa vinílica, a empresa SMS Engenharia e Comércio.

Ainda em 2018, foi contratada a empresa Ambianch Industrial LTDA para serviço de instalação de divisórias, incluindo portas e quadro de vidros. Valor do contrato: R$ 1.699,647,00 . Nesse ano também foi adquirido 5 datashows e 25 smarts TV de 48 polegadas por R$ 64.969,75.

Em 2019, já foram contratas as Empresa Carry Refrigeração LTDA por R$ 4.181.962,67 para serviços de climatização. E, a empresa de engenharia Junior Ferreira por R$ 555.325,69 que tem prazo de 120 dias para concluir a reforma.

Para cuidar da segurança e vigilância desse patrimônio, a prefeitura tem contrato desde 2017, com a Empresa Clasi Segurança Privada LTDA, que somam  R$ 1.148,021,04.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Bolsonaro exonera Kátia Bogéa da presidência do Iphan e nomeia Luciana Feres

Blog Diego Emir

O governo federal fez mais uma troca na área cultural e exonerou nesta quarta-feira a presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico (Iphan), Kátia Santos Bogéa. Para assumir a presidência do Iphan, o governo está nomeando Luciana Rocha Feres. Os atos de exoneração e nomeação estão publicados na edição desta quarta-feira (11) do Diário Oficial da União.

Conforme o jornal O Estado de São Paulo já tinha noticiado, a demissão de Kátia Bogéa era dada como certa dentro do governo. Ela ocupava o posto desde 2016 e é ligada ao ex-presidente José Sarney. Na terça-feira, 10, o secretário especial de Cultura, Roberto Alvim, havia dito que o governo de Jair Bolsonaro não irá “aparelhar” a produção artística do Brasil e afirmou que ainda avaliava sobre a troca da presidência do Iphan. “Estamos estudando o caso do Iphan. Meio bilhão de reais que o órgão lida por ano. É um caso muito complexo. A gente está estudando delicadamente e com muito esmero o caso”, disse.

Em outro ato, também publicado no Diário Oficial da União desta quarta, o governo está exonerando o secretário de Direitos Autorais e Propriedade Intelectual da Secretaria Especial de Cultura, Maurício Carlos da Silva Braga, e nomeando para o cargo Marcos de Almeida Villaça Azevedo.

Fonte: Isto É

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Motorista de carreta é preso após apresentar documento falso em fiscalização da PRF na BR 010

Em 10 de dezembro do ano de 2019, por volta das 10 horas, durante fiscalização em frente à Unidade Operacional da PRF de Imperatriz localizada no km 260 da BR 010, foi abordado o veículo Scania de cor branca, tracionando o semirreboque Sr/Randon de cor vermelha conduzido por um homem de 42 anos.

Durante a fiscalização ao CRLV do cavalo-trator, foi verificado que o mesmo apresenta diversos indícios de falsificação. Ao consultar o veículo no sistema, é possível verificar que o mesmo possui restrição de média monta devido a um acidente e que não poderia estar em circulação sem antes passar por vistoria.

Dessa maneira, diante desses fatos, o condutor bem como o documento foram encaminhados para a Polícia Civil em Imperatriz.

Fonte: PRF

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.