Caxias: Fábio Gentil e Paulinho reúnem secretariado e inauguram novo modelo de gestão municipal

Blog do Daniel Matos

Em reunião nessa quinta-feira (23), o prefeito de Caxias, Fábio Gentil, e o vice, Paulo Marinho Júnior, definiram um novo modelo de gestão municipal em Caxias. Os gestores apresentaram um balanço das últimas ações realizadas e traçaram metas para tornar a administração ainda mais dinâmica, com foco em mais melhorias para a população.

Ao lado do prefeito Fábio Gentil, o vice, Paulo Marinho Júnior, destacou que o novo modelo de gestão trará importantes benefícios para o povo de Caxias

Fábio, Paulinho e todos os secretários passaram o dia reunidos para estabelecer metas e planejar ações em benefício dos caxienses. “Nosso compromisso sempre foi e continuará sendo com o nosso povo, e ninguém mais”, reafirmou o prefeito.

Os membros do secretariado apresentaram as ações das suas respectivas pastas nos últimos 15 dias

Pensada em conjunto por Fábio Gentil e Paulo Marinho Júnior, a nova fase na gestão pública municipal em Caxias, em 2020 , consiste em manter a administração focada em metas e resultados. Foi a segunda reunião de avaliação e monitoramento.

No modelo implementado para este ano, o gestor municipal trabalha um novo conceito na gestão pública, traçando metas para cada secretaria, em busca de resultados que atendam cada vez melhor a população.

O prefeito, o vice e os secretários definiram um cronograma de reuniões periódicas para ajustar e aperfeiçoar a gestão municipal

Durante o encontro, cada secretário e secretária teve 10 minutos para apresentar os resultados da pasta que comanda nos últimos 15 dias. “As reuniões de avaliação e monitoramento serão feitas constantemente, a cada 15 dias, marcando um novo momento da gestão pública municipal em Caxias”, anunciou Paulinho.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Prefeitura de São Luís certifica 154 educadores do programa Mais Educação

Certificação é referente ao Ciclo de Formação Continuada, realizado ao longo do ano de 2019; ação integra a política educacional da gestão do prefeito Edivaldo

Um total de 154 educadores do programa Mais Educação foram certificados na tarde desta quinta-feira (23) pela Prefeitura de São Luis, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), no auditório do Centro de Ensino Benedito Leite – Escola Modelo. A certificação é referente ao Ciclo de Formação Continuada, realizado ao longo do ano de 2019, com ações formativas em encontros presenciais sobre diversas temáticas. A ação integra a política educacional da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior.

Para o secretário municipal de Educação, Moacir Feitosa, o momento da certificação é uma celebração do programa Mais Educação, que além de beneficiar mais de 6.800 estudantes da rede municipal, também desempenha um importante papel na formação continuada de professores.

“O programa possibilita a ampliação da jornada escolar do estudante, com atividades no contraturno, estimulando a permanência dele na escola, aprendendo atividades complementares, e ao mesmo tempo, garante aos monitores e facilitadores que atuam no programa uma ampliação de sua formação pedagógica, com a oferta de oficinas, diálogos e palestras. É um orgulho para nós da Semed conseguir desenvolver ações como esta”, afirmou.

Para inspirar os professores e trazer reflexões sobre a educação pública no Brasil, a cerimônia de certificação contou com a participação do medalhista olímpico maranhense, José Carlos Gomes Moreira, velocista, natural do município de Codó, que conquistou medalha de bronze no atletismo na modalidade revezamento masculino 4x100m rasos dos Jogos Olímpicos Pequim 2008; e da professora doutora da Universidade Federal do Maranhão, Lucelma Braga.

Em sua fala, José Carlos destacou a importância do esporte aliado à educação para conquistar um futuro melhor. “O esporte mudou a minha vida. Saí da periferia de Codó e hoje posso dizer que conheço mais de 22 culturas pelo mundo. Incluir o esporte no processo educativo é fundamental. Eu espero poder transmitir tudo o que eu aprendi para os estudantes do meu estado e trabalhar para que tenham oportunidades”, disse.

A professora Lucelma Braga ministrou palestra com o tema “Educação Pública: obstáculos, dilemas e desafios” e destacou que conhecer a realidade da educação pública no Brasil é essencial para atuar na área e buscar mudanças que ampliem a oferta, o acesso e a qualidade do ensino.

“Eu penso que é o ponto de partida. Quanto mais compreensão a gente tiver sobre os obstáculos, dilemas e desafios que estão colocados para a educação pública hoje, mais potencialidade a nossa educação vai ter. Compreender essa realidade é fundamental. Como é que a gente vai se motivar para fazer a luta em defesa da educação pública se a gente não compreender os riscos que ela corre?”.

O monitor do Mais Educação, Ivo Borgneth, formado em Licenciatura em Teatro, concorda. Em sua primeira experiência em escola pública, ele afirma que aprende muito convivendo com os alunos e nas formações oferecidas pelo programa.

“Eu entendo que o programa me permite construir e desconstruir porque apesar de ser formado, tem muita coisa que a gente não aprende na universidade. Na escola é um processo de reciclagem todo tempo, de rever as pedagogias, os interesses, a relação com os alunos. Eu sou um professor melhor quando eu entendo melhor o meu aluno”, revelou.

FORMAÇÃO

Em 2019, o Ciclo de Formação Continuada abordou nove temáticas. Entre elas, alfabetização e letramento, orientações pedagógicas, estratégias para promoção de acessibilidade para pessoas com deficiência em eventos esportivos escolares, Sistema Municipal de Avaliação Educacional de São Luís (Simae), escola como espaço de prevenção à violência sexual contra crianças e adolescentes e neurociência em interface com a educação integral.

As formações somaram 52 horas de carga horária e contaram com a participação de 220 facilitadores, que atuam em 49 unidades de educação básica do Ensino Fundamental.

A monitora de Teatro, Larissa Rocha, participou de todas as formações e contou que muito do que aprendia nas formações, conseguia colocar em prática com seus alunos na U.E.B. Ana Lúcia Chaves Fecury, do bairro São Bernardo.

“Participar de um programa que possibilita a formação continuada com o Mais Educação é realmente espetacular. A cada formação a gente vai tendo inspirações, e isso é o mais legal de cada formação, é a gente ouvir algo, lembrar de outras coisas e conseguir colocar na prática algo que vai de acordo com aquela realidade do aluno”, explicou.

O programa Mais Educação oferece atividades no contraturno dos estudantes que envolve macrocampos de acompanhamento pedagógico, esporte e lazer, cultura e artes. De acordo com o coordenador geral do Mais Educação, Luiz Gonzaga II, o programa segue a mesma proposta política pedagógica da rede municipal de São Luís.

“A política pedagógica da rede municipal garante o processo formativo dos seus professores. No Mais Educação seguimos essa metodologia e conseguimos transversalizar os conteúdos, trazendo ações formativas sobre os mais diversos temas da realidade relacionando com o contexto escolar. A escola ganha muito com isso, principalmente os alunos que vivenciam experiências proporcionadas pelos monitores do programa”, disse.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Osmar Filho anuncia calendário 2020 de pagamento dos servidores da Câmara de São Luís

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Osmar Filho (PDT), anunciou a versão 2020 do calendário de pagamento dos servidores da Casa de Leis.

A exemplo do que ocorreu ano passado, quando o mecanismo foi instituído pelo pedetista de forma pioneira, o funcionalismo, a partir de agora, sabe novamente o dia exato no qual receberá, mensalmente, o seu salário, além do 13º, cujo pagamento será efetuado em dezembro.

O pagamento referente a este mês de janeiro estará nas contas dos servidores neste sábado (25).

A criação do calendário, além de valorizar os funcionários, contribui para que os mesmos possam gerir melhor suas contas, contribuindo, ainda, com o aquecimento da economia local.

Vale destacar que, em 2019, a direção da Mesa Diretora da Câmara efetuou o pagamento dos salários sempre dentro do mês vigente, o que ocorrerá este ano.

Outras ações – Mostrando zelo com a coisa pública e respeito à legalidade, Osmar Filho cumpriu todas as etapas do primeiro concurso público para provimento de cargos na estrutura administrativa da Câmara, tendo, inclusive, já tendo empossado novos servidores e autorizado a convocação, este mês, de mais 43 aprovados e classificados.

Osmar adotou outras medidas de valorização do funcionalismo. Ele assinou, por exemplo, convênio com a Faculdade Estácio para a qualificação dos servidores, que estão sendo beneficiados com desconto de até 50% nas mensalidades dos cursos de graduação, pós-graduação e educação à distância oferecidos pela instituição de ensino superior.

O presidente criou o setor de Gestão de Qualidade e também já promoveu cursos de capacitação e seminários direcionados para boa gestão pública.

Calendário 2020 de pagamento dos servidores da Câmara Municipal de São Luís:

Janeiro – dia 25
Fevereiro – 25
Março – 25
Abril – 25
Maio – 26
Junho – 25
Julho – 25
Agosto – 25
Setembro – 25
Outubro – 27
Novembro – 25
Dezembro – 25
13º – 20 de Dezembro

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Albérico Filho, Ruivo e Magno Teixeira seguem investigados por contratos com empresa de fachada

Blog Atual 7

Procedimentos apuram suspeita de esquema com a Ipiranga Empreendimentos. Maninho de Alto Alegre também é alvo de investigação na PGJ

A PGJ (Procuradoria Geral de Justiça) do Maranhão decidiu prorrogar por mais 90 dias as investigações sobre a contratação de uma empresa de fachada pelas prefeituras de Barreirinhas, Cantanhede e Presidente Juscelino.

Considerada a partir do último dia 5, a prorrogação foi necessária para análise das evidências já descobertas e a realização de novas diligências. Por se tratar de procedimentos investigatórios criminais que têm como alvo os próprios gestores municipais —Albérico Filho, Ruivo e Magno Teixeira, respectivamente—, os levantamentos estão sendo feitos no âmbito da Assessoria Especial de Investigação, privativa para apurar atos ilícitos praticados por agentes políticos detentores de foro por prerrogativa de função.

O prefeito Maninho de Alto Alegre, que comanda o município de Alto Alegre do Maranhão, mostrou o ATUAL7, também é investigado por suspeita de esquema com a mesma empresa.

Segundo levantamento preliminares, trata-se da Ipiranga Empreendimentos e Locação Ltda, que celebrou contratos milionários com as prefeituras para fornecimento de transporte, inclusive escolar, embora não seja proprietária de sequer um único automóvel, de acordo com base de dados do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) do Maranhão.

Além disso, pesquisas ao histórico da empresa apontaram que ela sofreu ao menos três alterações no seu quadro societário, sendo que nenhum de seus sócios fundadores permaneceu no quadro. Também houve mudança no local da sede da empresa várias vezes nos últimos anos, tendo pulado de endereço entre as cidades de Santa Inês, Vargem Grande e Nina Rodrigues.

Esse tipo de rotatividade de sócio e de endereço é típico de empresas fraudulentas, criadas com objetivo de lavar dinheiro e desviar recursos públicos.

Antes das investigações serem abertas pela PGJ, revelou o ATUAL7, o Ministério Público de Contas do TCE (Tribunal de Contas do Estado) do Maranhão já havia representado contra a empresa e as administrações municipais com base nas mesmas suspeitas de irregularidades e ilegalidades.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Atenção: parlamentares devem indicar Municípios para emendas até 4 de fevereiro

O prazo para deputados e senadores indicarem Municípios para emendas parlamentares se encerra em 4 de fevereiro, terça-feira. Neste ano, há duas modalidades de repasse: especiais e de finalidade específica. Vale lembrar que as novas regras para transferência direta dos recursos para os Entes, decorrentes das Propostas de Emenda à Constituição (PEC) 61/2015 e 48/2019 ¬- promulgadas como EC 105/2019 – já estão vigentes.

Nesta segunda-feira, 20 de janeiro, a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) 2020 foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) estabelecendo que, até 4 de fevereiro, os valores e os beneficiários indicados devem ser cadastrados diretamente no Sistema Integrado de Planejamento e Orçamento (Siop).

Por ser último ano de mandato dos gestores municipais, o Município pode pedir prioridade aos recursos de emendas especiais para custeio – recurso limitado a 30% do orçamento de cada parlamentar. Portanto, entre em contato o mais breve possível com seu parlamentar para agilizar a indicação, sob pena de o Município não ser contemplado com esses recursos.

Para mais informações, consulte a base legal: art. 166, § 14, da Constituição Federal; Emenda Constitucional 105/2019; e art. 67, I, da Lei 13.898/2019 (LDO 2020).

Da Agência CNM de Notícias

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Falha em notas do Enem ocorreu em duas etapas, afirma gráfica

R7 Notícias

Responsável pela impressão das provas encaminhou documento ao Ministério da Educação explicando os problemas encontrados no processo de correção

O Ministério da Educação recebeu documento da gráfica Valid, responsável pelo Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, sobre a falha em parte das provas.

Em ofício ao MPF (Ministério Público Federal), o governo diz que a explicação dada pela gráfica foi de erro em duas etapas da impressão. Na Justiça, o MEC enfrenta ao menos 17 ações para revisar notas – e já houve duas liminares favoráveis a estudantes.

As falhas na impressão, segundo a explicação da Valid, resultaram na correção das provas com gabaritos de versão diferente. O primeiro erro teria ocorrido durante a impressão, com os códigos de barra de identificação do gabarito, que relaciona o candidato à cor da prova feita por ele. A segunda falha ocorreu em um sensor de leitura dos cadernos de prova.

Os servidores avaliam que a explicação dada até o momento pela gráfica, segundo apurou o jornal O Estado de S. Paulo, é insuficiente para o MEC garantir a confiança na prova e nas notas dos candidatos. A gráfica não tem se manifestado à reportagem.

Segundo a pasta, houve erro na correção de 5.974 provas, entre 3,9 milhões de alunos. A pasta sustenta ainda que as notas foram corrigidas e diz não haver prejuízo a nenhum aluno.

Segundo a Advocacia-Geral da União (AGU), houve 17 ações ajuizadas, em dez unidades da Federação, com questionamentos após a divulgação das notas com erros.

Na quinta-feira (23), a Justiça Federal do Pará ordenou que o MEC revise a nota de uma aluna em até 48 horas. No pedido, ela destacou não considerar correto o prazo e o meio escolhidos para receber pedidos de nova correção.

“O ministro da Educação publicou no Twitter do Inep (órgão do MEC responsável pelo Enem) um e-mail para que candidatos prejudicados com a correção errônea pudessem fazer suas reclamações, concedendo-lhes o prazo até as 10 horas do dia seguinte”, diz. A Justiça concordou com a alegação. Outro pedido foi acatado em Goiás. Duas ações foram negadas.

Após o erro nas notas, o MEC estendeu até domingo (26) – dois dias extras – o prazo de inscrições no Sisu (Sistema de Seleção Unificada), plataforma que reúne vagas no ensino superior público. Não atendeu ao pedido do MPF, de suspender as inscrições.

Em nota, o Inep disse que a AGU toma as medidas cabíveis. A AGU informou estar recorrendo em todos os casos. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 40 milhões no sorteio deste sábado

Agência Brasil 

O concurso 2.228 da Mega-Sena deverá pagar neste sábado (25) R$ 40 milhões a quem acertar os seis números. O sorteio será feito a partir das 20h, no Espaço Loterias Caixa, em São Paulo.

As apostas podem ser feitas até às 19h (horário de Brasília) de hoje em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa em todo o país e também pela internet. A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

Quanto mais números o apostador marcar, maior será o preço da aposta e maiores as chances de faturar o prêmio.

As informações são da Caixa Econômica Federal.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Todas as praias estão impróprias para o banho, diz Sema

Por G1MA

Dados foram coletados entre o mês de dezembro de 2019 e terminou no mês de janeiro de 2020, e valem para o período de férias.

Foto: Reprodução/TV Mirante

De acordo com último laudo de balneabilidade divulgado pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente do Maranhão (Sema) os 21 pontos localizados em praias entre São Luís e São José de Ribamar continuam impróprias para o banho. Os dados foram coletados entre o mês de dezembro de 2019 e terminou no mês de janeiro de 2020, e valem para o período de férias.

Em São Luís, a praia da Ponta d’Areia é uma das praias que lidera a lista de poluição em relação a pontos impróprios para o banho. De acordo com o resultado do laudo, a praia da Ponta d’Areia possui seis pontos impróprios.

Já a praia de São Marcos possui cinco pontos impróprios para o banho. A paria do Calhau, também na capital, possui três pontos poluídos e na paria do Olho d’Água tem dois pontos impróprios para o banho. Em São José de Ribamar, município situado na Região Metropolitana de São Luís, existem dois pontos de poluição na praia do Meio e na praia do Araçagy há três pontos impróprios para o banho.

A recomendação de quem faz estas análises e também de estudiosos no assunto é de que os banhistas não devem entrar ao mar durante o período em que a água estiver poluída a fim de evitar o contágio de doenças.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Aureamélia pede exoneração e oposição cresce na câmara de Caxias

A vereadora Aureamélia Brito Soares, encaminhou ao prefeito de Caxias, ofício solicitando sua exoneração do cargo de Secretária da Mulher do município.

Aureamelia reassume seu mandato na câmara municipal, para integrar a bancada de oposição, comandada pela vereadora Thaís Coutinho (PDT), e que já conta com os vereadores Tevi(PDT)e Edilson Martins (PSB)

Com o lançamento da pré-candidatura a prefeito, na eleição de outubro próximo, o deputado Adelmo Soares(PCdoB) que já tem o apoio da deputada Cleide Coutinho(PDT), deve receber adesão, em breve, de mais 3 vereadores que passarão a integrar a bancada de oposição, pois não aceitam mais a forma como são tratados pelo atual prefeito de Caxias.

Confirmada estas novas adesões, a oposição contará com 7 vereadores e poderão aprovar CPI’s para investigar o atual prefeito, acusado de inúmeros desmandos com o dinheiro público da cidade.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deputados fecham acordo em Caxias para as eleições de 2020

A deputada estadual Dra. Cleide Coutinho (PDT) e o deputado estadual Adelmo Soares (PCdoB), com o aval do Presidente Estadual do PCdoB, Deputado Federal Márcio Jerry, fecharam acordo político para as eleições municipais deste ano na cidade de Caxias.

Pelo acordo, Adelmo Soares encabeçará a chapa majoritária como candidato a prefeito e Dra. Cleide indicará o candidato a vice-prefeito.

O acordo político de Caxias foi recebido com entusiasmo pelas principais lideranças políticas do estado, secretários estaduais, vereadores e lideranças populares de Caxias.

Com o acordo fechado hoje, 23/01, analistas políticos avaliam que é grande a possibilidade de vitória de Adelmo Soares na eleição caxiense em Outubro de 2020.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.