Prefeito de Pedro do Rosário, Toca Serra se reúne com o Ministro da Educação em busca de investimentos

    O Prefeito Domingos Erinaldo Sousa Serra, o Toca Serra, do Município de Pedro do Rosário, se reuniu na manhã desta quinta-feira dia 18 com o ministro da educação Milton Ribeiro, na sede do MEC em Brasília DF, durante o encontro o prefeito Toca Serra solicitou a liberação de recursos dos convênios em andamentos para conclusão de Creche, Escolas e Quadras Poliesportivas, Bem como assinatura de novos convênios para  construção de novas escolas e creches, quadras poliesportivas, ônibus escalares e mobiliário para as escolas conforme o PAR 2021, Planos de Ações Articuladas da Educação.

    O Prefeito Toca Serra disse que ficou satisfeito com a recepção do ministério as suas Demandas e que os Pedro Rosarienses podem aguardar que muitos Investimentos virão ao Município durante a sua gestão, que ele não medirá esforços para ir atrás de recursos para sua Cidade, tanto no Governo Estadual como Federal, Finalizou o Prefeito.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    O nível do BBB21 é tão baixo que até quem debocha de mortes na pandemia ainda sorriu

    Foi no mínimo repugnante um fato contado pela sister Sarah, ontem, quarta-feira (17) numa roda de amigos do BBB21, além da forma debochada ao falar sobre as mortes durante a pandemia. O público, aqui do lado de fora, é claro, deve ter sentido náuseas.

    Ao contar que levou uma bronca da produção do programa quando foi localizada em uma festa clandestina, em Brasília, e ser informada de que iria participar das seletivas para efetivar seu nome no reality, tratou com desdém quem já morreu na pandemia. Ela correu para o banheiro e atendeu ao telefonema.
    Do outro lado da linha, segundo postagem produzida por Raquele Martins Ribeiro, do Portal Metrópoles, o pessoal da produção lhe indagou se “a pandemia não existe para você? Ninguém está morrendo para você?”, ao que ela contou sorrindo ao responder seu interlocutor: “Eu não estou sentindo nada”. 
    Claro que um ser desprezível nada pode sentir com a desgraça alheia, que o sofrimento humano lhe serve de piada.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    LUTO NA PM! Sargento baleado em assalto morre após dias hospitalizado em São Luís

    O Sargento RR Péricles, da Polícia Militar do Maranhão, faleceu hoje (18) no Hospital São Luís. Ele estava internado desde a primeira semana de março e passou por cirurgia após ser baleado durante um assalto no Parque Vitória, na noite do último dia 3.

    Luto na PMMA

    O crime foi praticado por quatro homens que estavam em veículo Prisma de cor preta. O militar foi abordado pelos criminosos no momento em que chegava em casa. O policial reagiu e na troca de tiros foi atingido no abdômen.

    A PMMA lamentou mais uma perda na corporação.

    Reveja imagens do assalto que culminou na morte do Sargento RR Péricles.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Com medo da reação dos pais, adolescente grávida recorre ao suicídio em São Luís

    Uma adolescente de 14 anos de idade recorreu ao suicídio na Vila Luizão, Região Metropolitana de São Luís. A jovem se enforcou nos punhos de uma rede nesta quarta-feira (17) na casa onde estava morando.

    Cemitério da Raposa, onde a menor será sepultada

    Segundo apurou o Blog do Domingos Costa, a menina descobriu há poucos dias que estava grávida de dois meses e temia a reação dos pais.

    O corpo da adolescente será sepultado hoje no município da Raposa, cidade onde mora os parentes.

    O caso deve ser devidamente acompanhado pela Polícia Civil.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Jura Filho aceita convite de Edilázio e se filia ao PSD

    O ex-deputado estadual e vice-governador do Estado entre os anos de 2003 a 2007, Jura Filho, aceitou convite feito pelo deputado federal e presidente estadual do PSD e se filiou ao partido.

    Natural da cidade de Bacabal, onde consolidou forte base política após longos anos de serviços prestados à sociedade, Jura Filho disputará as eleições de 2022 pela legenda.

    Ele possui larga experiência no Legislativo e na administração pública, e segundo Edilázio chega como uma figura de peso ao partido.

    “Tenho a certeza de que ele tomou a melhor decisão ao aceitar o convite e se filiar ao PSD, e o partido ganhou um nome forte, com uma trajetória de excelência no serviço público”, disse Edilázio.

    Com a filiação de Jura Filho, Edilázio segue com a diretriz da direção nacional do PSD, de fortalecimento da legenda no Maranhão.

    Ele trabalha para a construção de uma chapa forte e pelo protagonismo do PSD nas eleições de 2022 no estado.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Prefeitura inspeciona casarões do Centro Histórico de São Luís

    A Prefeitura de São Luís realizou uma inspeção técnica preventiva, nesta quarta-feira (17), em três casarões no Centro Histórico de São Luís para fazer um levantamento técnico das condições estruturais dos imóveis e identificar famílias que moram nestes locais.

    A ação conjunta foi coordenada pela Fundação Municipal do Patrimônio Histórico (Fumph) com a participação das Secretarias de Segurança com Cidadania (Semusc) – por meio da Defesa Civil de São Luís; de Obras e Serviços Públicos (Semosp); e da Criança e Assistência Social (Semcas), em que foram vistoriados casarões públicos localizados nas Ruas de Nazaré, do Sol e Humberto de Campos.
    Nos três prédios, as equipes técnicas avaliaram a situação estrutural, que inclui a pavimentação, telhado, paredes, vigas, lajes, sistema elétrico, dentre outros. O objetivo é elaborar um diagnóstico das condições em que se encontram esses imóveis, que subsidiará um plano de ação emergencial a ser executado pelo Município. “Os diagnósticos e demandas apontados pelos técnicos dos órgãos que participaram dos trabalhos de vistorias permitirão uma visão detalhada das condições dos imóveis e auxiliarão a Fumph na adoção dos procedimentos emergenciais necessários a garantir a segurança nestes locais”, disse Kátia Bogéa.

    Paralelo à análise das edificações, as equipes da Defesa Civil e da Semcas também realizaram o trabalho de orientação e notificação de moradores em dois imóveis, quanto aos riscos da construção, de desabamento no local e se sofreram danos por problemas relacionados à chuva. “Fomos chamados para fazer parte dessa operação, com o intuito de detectar essas danificações que comprometem a estrutura desses prédios. O nosso trabalho é identificar os pontos frágeis das edificações, com possíveis indícios de desabamento, sobretudo nesse período chuvoso. Então, vamos pontuar tudo isso em laudos, para que providências sejam tomadas. Com relação ao caso da Rua de Nazaré, onde há uma família ocupando o imóvel, a Semcas está providenciando a assistência para que não fique desamparada”, explicou o superintendente da Defesa Civil de São Luís, Alexssandro Nogueira.

    O secretário da Semusc, Marcos Affonso, ressaltou que a ação foi importante para melhorias na qualidade de vida da população. “Estamos oferecendo dignidade para as famílias, uma vez que os imóveis precisam de reparos e esse trabalho em parceria com a Fumph, Semosp e Semcas é fundamental para que esse processo seja alcançado. A Defesa Civil de São Luís está sempre pronta para contribuir dentro de suas competências”, enfatizou.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Prefeitura de Godofredo Viana prorroga medidas restritivas até o dia 22 deste mês

    Foi estabelecido toque de recolher no município no período compreendido entre às 21h e 05h da manhã.

    O prefeito Sissi Viana (Republicanos) assinou novo decreto prorrogando até o dia 22 deste mês medidas restritivas já adotadas com o objetivo de conter o avanço do novo coranavírus no município de Godofredo Viana.

    Continuam suspensas as aulas presenciais nas redes pública e privada de ensino da cidade.

    Festas e eventos de qualquer natureza permanecem proibidas.

    Em todos os locais públicos e de uso coletivo, ainda que privados, cujo funcionamento seja autorizado na forma deste Decreto, é obrigatório o uso de máscaras de proteção, descartáveis, caseiras, ou reutilizáveis, conforme determinado pela ANVISA.

    Deve ser observado o distanciamento social, limitando-se, ao estritamente necessário, a circulação de pessoas, estando terminantemente proibida aglomerações de qualquer natureza.

    Fica suspensa as atividades e estabelecimentos como: depósitos de bebidas, bares, restaurantes, pizzarias, conveniências, sendo autorizados a funcionar apenas por meio do comércio eletrônico/delivery, estando com horário de funcionamento definido a partir de 7h da manhã até às 21h.

    Fica autorizado apenas o funcionamento de atividade essencial, tais como: supermercado, farmácia, posto de gasolina, assistência à saúde, incluídos os serviços médicos e hospitalares, serviços funerários, as respectivas obras de engenharia, unidades lotéricas, trânsito e transporte interestadual e internacional de passageiros, atividades de segurança pública e privada, incluídas a vigilância, a guarda e a custódia de presos, de acordo com o Decreto nº 10.282, de 20 de março de 2020.

    Nas Igrejas, Templos ou qualquer recinto de culto religioso, fica proibida a aglomeração de pessoas, devendo estar guardado o distanciamento social, bem como respeitar a redução de capacidade de pessoas no percentual de 30% (trinta por cento), observando o horário limite para funcionamento até às 21h.

    As academias de ginástica poderão funcionar com a capacidade de pessoal reduzida, no percentual de 30% (trinta por cento), observado o limite de funcionamento das 06h da manhã até às 20h.

    Devem os munícipes se recolherem em suas residências no período compreendido entre às 21 horas de um dia e às 05 horas da manhã do dia seguinte.

    Os supermercado, Lotéricas e Correspondentes Bancários, devem manter seu atendimento ao público, respeitando as regras estabelecidas pela ANVISA, em especial sobre o distanciamento mínimo de 01 (um) metro para cada pessoa na fila de espera, sendo obrigatório o uso de máscaras, estando com horário de funcionamento definido a partir de 7h da manhã até às 21h.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Defesa Civil Municipal atua para minimizar danos em áreas de risco de São Luís

    A Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania (Semusc) reforçou as ações de prevenção em bairros da capital. Foram identificadas 66 áreas de risco mapeadas no Plano de Contingência 2021, da Prefeitura de São Luís.

    Na última segunda-feira (15), a Defesa Civil de São Luís compareceu, nas primeiras horas, ao bairro Alemanha, logo após o deslizamento de parte de uma barreira. Imediatamente, os agentes tomaram algumas providências, no sentido de minimizar os impactos decorrentes do problema. Os moradores foram alertados sobre os cuidados a serem tomados, sobretudo quando acontecem as tempestades, intensas e prolongadas, sendo acompanhadas de trovões e relâmpagos.

    “Importante dizer que nós temos acompanhado, sempre, essas áreas de risco, inclusive, antes do início das chuvas. Nós fizemos o mapeamento completo. E a gente já sabe quais são os locais onde acontecem os problemas com maior frequência. Também fazemos visitas constantes nessas localidades e entramos em contato direto com as comunidades”, explicou o superintendente da Defesa Civil de São Luís, Alexssandro Nogueira. Segundo ele, esse procedimento é fundamental para que os moradores avisem sobre as ocorrências.

    Além de intervenções em áreas com deslizamentos de barreiras, a Defesa Civil municipal realiza ainda um mapeamento dos pontos de alagamentos em São Luís, em um trabalho conjunto com a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp).

    Precauções

    O superintendente Alexssandro Nogueira elencou algumas orientações aos moradores, para que estes não corram perigos. “Quando há saturação do terreno, há desprendimento da encosta. Então, pedimos que o morador fique atento aos deslocamentos desses locais. Se há postes ou árvores, é sempre bom observar se estão inclinando. Caso sim, são sinais de que há movimentação no solo por conta das chuvas. Partindo desse princípio, quando esses indícios se manifestam, a recomendação é que as famílias nos procurem, para que possamos fazer a avaliação técnica”, pontuou o superintendente.

    O secretário Marcos Affonso, da Semusc, também reforçou essas recomendações, destacando, por exemplo, que as pessoas que residem perto dos córregos verifiquem a altura da água. “É importante não jogar lixo nesses locais, não cortar árvores, enfim, essas práticas devem ser evitadas. Durante os temporais é recomendável não sair de casa. Em regiões onde o solo está coberto de água, bueiros abertos representam um perigo. Também pode ocorrer queda de fiação elétrica, que se propaga com facilidade em ambiente aquático”.

    A Defesa Civil do Município funciona durante 24 horas. Quem precisar pode entrar em contato com o órgão por meio do telefone 3212-8474.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Efeito do fechamento de escolas durante a pandemia pode durar 15 anos

    Agência Brasil

    Impacto no aprendizado e na produtividade será de catástrofe, diz SPE

    Sala de aula vazia

    O fechamento das escolas durante a pandemia de covid-19 poderá ter impacto profundo e de longa duração – cerca de 15 anos – sobre a economia brasileira. A avaliação é da Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia, que divulgou hoje (17) o Boletim MacroFiscal com um box especial sobre os custos socioeconômicos dessa medida.

    Segundo a secretaria, o impacto será sentido no Produto Interno Bruto (PIB, soma de todas os bens e riquezas produzidos no país), no aprendizado e produtividade do trabalho e no aumento na desigualdade social, já que o acesso ao ensino remoto, ofertado em substituição às aulas presenciais, é distinto, de acordo com as faixas de renda da população.

    A SPE considerou que os efeitos da atual crise podem se estender até o final de 2022, resultando em um hiato de três anos na educação de uma grande parcela da população que hoje tem entre 5 e 20 anos (idade escolar). “Um prejuízo de dimensões incalculáveis”, diz o boletim.

    “Há duas formas extremas de lidar com o problema. É possível imaginar também soluções intermediárias entre elas. A primeira seria simplesmente deixar o hiato educacional cobrar seu preço no estoque de capital humano brasileiro, de modo que jovens entrem no mercado de trabalho com a mesma idade que entrariam sem a pandemia, porém com uma quantidade menor de anos de educação formal”, diz o boletim. “Essa alternativa seria uma verdadeira catástrofe na acumulação de capital humano e na produtividade do trabalho de uma geração inteira”, avaliou a SPE.

    A segunda alternativa seria cobrir esse hiato com anos adicionais de estudo após o término da pandemia. “Mas o efeito visual de se postergar por três anos a entrada dos jovens no mercado de trabalho é ‘dramático’”, diz a secretaria, já que haverá uma proporção menor de adultos em idade laboral e, assim, um encolhimento da população que gera riqueza no país.

    De acordo com o boletim, esse efeito deve durar por aproximadamente 15 anos após o término da pandemia, possivelmente até 2038, até que toda essa parcela da população atingida com a paralisação das aulas entre no mercado de trabalho. “Portanto, escolas fechadas hoje causam um país mais pobre amanhã. E esse amanhã deve perdurar por quase duas décadas.”

    Desigualdade de renda

    Por outro lado, o boletim destaca que o impacto negativo da pandemia sobre o aprendizado dos alunos não é homogêneo na população, já que há o ensino remoto como substituto do ensino presencial, “embora esteja longe de ser um substituto perfeito”. “Ele [o impacto] tende a ser tanto maior quanto mais baixa é a renda familiar, uma vez que a existência de barreiras para o estudo remoto correlaciona-se fortemente com a renda. Um computador conectado à internet, e um ambiente adequado na residência para o ensino a distância, são requisitos praticamente inatingíveis para milhões de famílias de baixa renda”, acrescenta o boletim.

    Para a SPE, é possível, inclusive, que crianças que têm condições materiais para acesso ao ensino a distância também tenham experimentado algum déficit de aprendizado, mas “o prejuízo terá sido muito maior para crianças pobres, porque foram destituídas de qualquer tipo de ensino em 2020”.

    A secretaria explica ainda que os efeitos da educação sobre o crescimento econômico são muito bem documentados na literatura macroeconômica e estima-se que cada ano adicional de educação é capaz de impulsionar o crescimento do PIB em cerca de 0,58% no longo prazo. Outra estimativa é que aproximadamente 40% da diferença de renda entre o Brasil e os Estados Unidos são fruto do atraso educacional em nosso país.

    “Para se ter uma ideia, enquanto em países desenvolvidos, como a Alemanha e os Estados Unidos, a população tenha médias de anos de estudo de 13 ou 14 anos, no Brasil esse número é pouco maior do que 7 anos. Essa diferença evidencia não só uma das razões para o tímido crescimento brasileiro, como também para a baixa qualidade de vida do nosso povo”, diz o boletim.

    Além disso, os impactos do baixo nível educacional somam-se a questões relacionadas à disponibilidade de escolas e creches, o que reduz a oferta de mão de obra, em especial, das mulheres; à qualidade do ensino e uma cadeia de outras conexões, como evasão escolar e saúde mental, que potencializam os efeitos da educação sobre o bem-estar econômico no curto e no longo prazos. E isso tende a ser transmitido para as gerações futuras.

    Para a SPE, as ações de fechamento de escolas foram justificáveis diante da total incerteza no início da pandemia, mas evidencias recentes vêm demonstrando que a abertura delas pode não ser um fator de risco para a propagação do coronavírus.

    “Nosso país optou pelo fechamento completo das escolas públicas no ano de 2020 e por um período muito mais extenso do que o registrado em outros países (média de 40 semanas no Brasil, contra 22 semanas no resto do mundo). E mais: essa política persiste, ressalvadas algumas exceções, em 2021. Nesse sentido, todos os números apresentados até aqui podem ser entendidos como a previsão mais otimista dentre as possibilidades”, ressalta o boletim da SPE.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Veículo de luxo é apreendido pela PRF na saída de São Luis, na BR 135/MA

    No dia 17 de março de 2021, por volta das 11h50, na cidade de São Luís/MA, BR 135, Km 02, sentido saindo da capital maranhense, foi abordado o veículo Toyota Hilux SW4, cor prata. Após o condutor apresentar documentos pessoais e do veículo, foram verificados vários indícios de adulteração nos seus elementos identificadores, com forte suspeita de ser veículo clonado.

    O condutor afirmou inicialmente que o veículo pertencia a um amigo. Posteriormente, informou que comprou o veículo na praça  Catulo da Paixão Cearense, no centro de São Luís/MA, há aproximadamente 2 meses, de um corretor que não lembra o nome e nem tem o telefone do mesmo. Que pagou a quantia de R$ 40.000,00 (quarenta mil reais) mais uma comissão de R$ 700,00 (setecentos reais). Uma parte do dinheiro foi sacado no Banco do Brasil e outra parte emprestado com um amigo.

    Diante dos fatos, ocorrência, veículo e conduzido foram encaminhados para a Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos em São Luís/MA.

    O automóvel passará por perícia técnica para exame mais aprofundado a fim de identificar a placa original.

    Fonte: PRF

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.