Em acerto de contas, homem é executado e criança é atingida por bala perdida no Vinhais

Na tarde de hoje (24) dois homens estavam conversando no bar do Messias, no bairro do Vinhais, em São Luís. Duas pessoas se aproximaram e um deles atirou em Rafael Junior, que veio a óbito no local. 

Durante a ação a bala atingiu uma criança de 3 anos que estava acompanhada do pai em um outro ponto do bar. Os tiros acertaram a boca do menor, que não possui nenhum vínculo com o alvo dos assassinos. A criança foi levada para a UPA do Vinhais e foi logo encaminhada para o Socorrão I. O estado de saúde do menor é considerado grave e corre sério risco de perder a vida.

Segundo informações repassadas por policiais, Rafael Junior, possuía envolvimento com crimes.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Embriagado, marido de vereadora de Pirapemas atropela criança em São Luís

Paulo Roberto carvalho Novaes (foto abaixo), 67 anos, segundo a PMMA, estava dirigindo embriagado quando atropelou uma criança na avenida Quarto Centenário, em nossa capital. Ele foi autuado em flagrante, ele é esposo da vereadora Elda Falcão Nava Novaes (PTN), da cidade de Pirapemas. 

O taxista Jefferson Gonzaga Costa, que passou no momento do acidente, seguiu o carro do marido da vereadora que não prestou socorro à vítima. Foi quando uma guarnição tomou conhecimento do feito ordenou que o atropelador parasse seu veículo, um Duster da Renualt, placas OIX 1083.

Porém, o marido da vereadora não obedeceu as ordens dos PMs e ainda atirou o carro dele contra a guarnição, obrigando a autoridade a efetuar um tiro pra cima. Ele parou e foi conduzido para a Delegacia de Trânsito.  Após o atropelamento, o marido da vereadora da cidade de Pirapemas, Elda Falcão  (PTN), Paulo Navaes, de 67 anos, foi acusado de supostamente atropelar uma criança. Ocorrência registrada na Delegacia de Trânsito (veja abaixo) relata que após o atropelamento o marido da vereadora foi seguido pelo taxista Jefferson Gonzaga Costa até o bairro Renascença.

Paulo Roberto Carvalho Novaes foi conduzido para a Delegacia no Plantão Central das Cajazeiras e embora atuado em flagrante foi liberado após pagar a fiança estabelecida pelo delegado de Polícia Civil Luiz Carlos dos Santos. Confira abaixo o registro do Boletim de Ocorrência:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Polícia prende suspeito de agiotagem com cartões e cheques de terceiros no Maranhão

Durante a operação “Artrópode”, policiais civis de Santa Luzia prenderam hoje de manhã Wesley Galber Ribeiro Lopes (foto abaixo), mais conhecido por “Grilo”, dezenas de cartões bancários, dinheiro em espécie e talões  de cheques, além de armas de fogo.

As investigações duraram quatro meses até que a operação fosse deflagrada. Com a prisão, a polícia espera obter novas informações do elemento para desvendar outras ramificações do grupo dele, principalmente com atuação na agiotagem naquela região.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Mais um delegado da Polícia Federal é morto durante assalto dentro de casa

A morte do delegado da Policia Federal, Mauro Sérgio Salles, ocorrida hoje de manhã na residência da autoridade no bairro do Morumbi, São Paulo, tem características semelhantes ao assassinato de que foi vítima o delegado, também da PF, no Maranhão, David Farias Aragão, morto no sábado, dia 05, na Praia do Meio, Araçagy, numa casa de praia da família. Lá, assim como aqui, os bandidos entraram por uma casa ao lado onde não estava ninguém para assaltar e acabaram matando a autoridade policial que reagiu a ação dos meliantes.

Policiais rendem dupla que tentou assaltar delegado da Polícia Federal   (foto G1)

Em São Paulo, o delegado Salles, que foi socorrido mas não resistiu e veio a óbito, conseguiu atingir um dos bandidos no braço. Aqui em São Luís, o delegado David Aragão também atingiu um dos bandidos no braço, mas foi esfaqueado, baleado e levado ao hospital, onde morreu.

Os bandidos que mataram o delegado paulista foram presos minutos depois, na casa abandonada ao lado. Aqui, um foi presos quando fazia curativo na UPA da Vila Luizão e os outros dias depois.

Na Praia do Meio a autoridade policial estava com a família comemorando o aniversário da filha de cinco anos no momento do assalto. No Morumbi, o delegado da PF estava com a família, a esposa e uma filha de 16 anos que presenciaram as cenas.

Um dos bandidos que assassinou o delegado Mauro Salles estava em liberdade condicional, do indulto dos Dia das Mães, e teria que retornar amanhã ao presídio.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Desmoralizou! Bandidos invadem delegacia em frente ao Quartel da PM e roubam metralhadora e dinheiro

Como se não bastassem assaltos a bancos, comércios, residências e até igrejas, bandidos invadiram na madrugada de hoje (13) a delegacia da cidade de Pirapemas, levando uma metralhadora, três coletes e uma caixa com dinheiro referente a taxas de licenciamentos.

A ação dos bandidos chamou a atenção dos moradores da cidade pelo fato de que nem o prédio da polícia está livre dos marginais.

Após o ocorrido varias viaturas se deslocaram ao local, mas ainda não encontraram nenhum dos criminosos.

Não havia nenhuma policial dentro da delegacia no momento da ação criminosa. O que demonstra que colete, armas e dinheiro não tinham nenhuma segurança.

Aguardem novas informações…

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Por confiar em pouco tempo de prisão e na impunidade, assassino não se arrepende de matar músico em São Luís

Quando matam, sequestram, estupram, assaltam ou agridem mulheres, e podem contratar bons advogados, os criminosos já sabem que terão tempo curto na cadeia, com possibilidade real de sair impunes. Essa é a certeza dos que praticam os crimes. Ontem, em depoimento, o assassino Fernando Veiga (foto abaixo entre os policiais), que matou músico José de Jesus Menezes dos Santos Júnior em São Luís, disse aos delegados que não tinha arrependimento do crime cometido. 

Mais conhecido por “Fernandinho dos Perfumes”  o assassino matou o músico em dezembro do ano passado e fugiu. Preso na segunda-feira na cidade de Itaituba, no Pará, estava morando na casa do pai, que é secretário de Transportes naquele município, que montou um depósito de bebida para o filho.

O assassino vivia bem, frequentando as altas rodas, indo a cinemas tranquilamente. Ele chegou quarta-feira e durante depoimento disse não estar arrependido do que fez. Foi transferido para o presídio de Pedrinhas, podendo voltar às ruas em pouco tempo. E, quem sabe, pronto para fazer uma nova vítima.

Veja abaixo o protesto dos familiares e amigos da vítima quando olharam o assassino:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Reaja, governador! Duas crianças são baleadas e mortas em São Luis quando voltavam de cultos

Duas crianças quando voltavam de cultos evangélicos foram vítimas de balas assassinas que interromperam vidas e sonhos. A primeira no Bairro de Fátima, no domingo, dia 6, a segunda ontem, na Vila Olímpica. Nenhum governador quer o pior para o seu povo. Portanto, Flávio Dino, reaja!  

 

Ontem, a menor Luciele Nádia de Brito Ferreira, 10 anos, vinha de um culto evangélico com familiares, no período da noite, quando balas cruzaram a via por onde ela passava. Luciene foi atingida na cabeça.

Levada ao Socorrão II, nada resolvido. No Socorrão I não resistiu e veio a óbito. Até quando nossas crianças serão mortas por balas em ruas e avenidas?

No domingo, dia 6, o menor 7 anos, Pedro Mathias, estava vindo de uma escola dominical evangélica com os pais. Um bala trocada entre bandidos de facções alcançou a cabeça da criança, que morreu no local.

O fato aconteceu no Bairro de Fátima, onde as famílias têm medo de sair. A morte de Mathias servirá para alertar os pais de que é um perigo andar com filhos menores, até mesmo para levá-los ao colégio.

Então, governador, é preciso enfrentar a bandidagem com coragem. É necessário oferecer às famílias indefesas segurança.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Lamentável, mas em vários assaltos não precisa nem reagir, o bandido leva tudo e ainda atira

O empresário Otávio Ribeiro (foto abaixo), dono da Grand Fitness, foi mais uma vítima de assaltos desenfreados que acontecem todos os dias em São Luís e que deixam a população em pânico. Ele foi assaltado na mesma noite (sábado, dia 05) em que bandidos mataram o delegado da PF, David Farias Aragão. Tavinho, como é mais conhecido, mesmo entregando todos os pertences aos bandidos, ainda levou tiro na região do olho e ficou com a bala alojada na cabeça.

O caso de Tavinho é mais um dentre tantos outros em que a população indefesa assiste na capital. Os bandidos agem com violência. Tomam tudo e, sem a menor necessidade, por pura crueldade, atiraram para matar.

O jovem dono de academia estava na porta da casa do pai, na rua do antigo Jaguarema, quando os dois bandidos se aproximaram em uma moto. Armados, anunciaram o assalto, pegaram os celulares da vítima e, sem precisão nenhuma, atirar no rosto do rapaz.

Vejam no vídeo abaixo a cena de crueldade. O rapaz, após o tiro na região rosto, indefeso, tentando correr, enquanto os bandidos fogem tranquilamente.

Enquanto o rapaz permanece deitado em um leito do Hospital São Domingos, aguardando pelos médicos a cirurgia que pode ou não levá-lo a ficar sem um olho, os bandidos planejam novos assaltos, futuras vítimas.

E se eles, por acaso, forem presos, a Justiça os mandará de volta para ruas. E nós, aqui fora, que já vivemos em nosso lares como presídios, nem temos a quem recorrer.

Veja o vídeo e pergunte: é este o país que queremos viver?

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Polícia Federal no Maranhão emite nota de pesar pela morte do delegado David Aragão

A Superintendência da Polícia Federal no Maranhão, através da delegada Cassandra Parazi, lamentou o fato ocorrido com o delegado e afirmou que continuará envidando todos os esforços  para colaborar na elucidação dos fatos e prisão dos criminosos. Abaixo a nota

 

NOTA DE PESAR
Com profundo pesar, a Superintendência da Polícia Federal no Maranhão lamenta o trágico falecimento nesta data, 06 de maio, do Delegado de Polícia Federal DAVID FARIAS DE ARAGÃO, ocorrido durante assalto em sua residência localizada em São Luís/MA.O estimado colega era natural desta capital, tinha 36 anos, era casado e tinha duas filhas. Ingressou na Polícia Federal há mais de doze anos, com atuação exemplar e comportamento louvável, coordenou várias operações policiais e contribuiu intensamente em ações de combate ao crime. Atualmente chefiava a Delegacia de Repressão aos Crimes Fazendários.Logo após o crime, a Polícia Federal, em um esforço de todo seu efetivo, iniciou os trabalhos que já culminaram com a prisão de um dos três envolvidos no crime. O inquérito policial que apurará o latrocínio já foi instaurado e será conduzido pela Polícia Civil do Estado do Maranhão.A Polícia Federal continuará envidando todos os esforços possíveis para colaborar na elucidação dos fatos e prisão dos criminosos, solidarizando-se com familiares, amigos e colegas de trabalho, lamentando profundamente o triste episódio que retirou, de forma precoce, a vida do policial que deixará imensa saudade no nosso convívio.

Fica estipulado luto na instituição pelo prazo de 3 dias.

CASSANDRA FERREIRA ALVES PARAZI
Delegada de Polícia Federal Superintendente Regional da SR/PF/MA

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Cidade violenta: menor de 7 anos é morto com um tiro no olho em São Luís

O menor, Pedro Matias, 7 anos, recebeu um tiro que lhe atingiu um olho e morreu. O fato lamentável aconteceu no Bairro de Fátima, na Vila Sapo, hoje de manhã. O bandido, além da criança, atingiu um outro morador nas costas durante troca de tiros com um elemento de facção rival. 

No bairro de Fátima, o clima é de comoção e revolta pela morte prematura de uma criança. É esta a cidade que queremos?

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Suposto assassino do delegado da PF em São Luís é preso na UPA da Vila Luizão

Wanderson de Morais Baldez (foto abaixo), 20 anos, seria um dos assassinos do delegado da Polícia Federal, Davi Aragão Farias, e foi preso quando se tratava de um ferimento à bala no braço esquerdo, na UPA da Vila Luizão. Antes de ser assassinado, o delegado ainda deu tiro em um dos bandidos e teria atingido o braço.

O jovem preso é da região da Vila Luizão. Um oficial da PM confirmou ao Blog tratar-se de um dos bandidos que mataram o delegado, que comemorava o aniversário da filha de cinco anos, na Praia do Meio, no Araçagy. Três bandidos chegaram ao local armados com facas e uma pistola falsa.

O delegado reagiu ao assalto e se atracou com os bandidos. Dois conseguiram agarrá-lo enquanto outro lhe aplicava as facadas, inclusive na região do pescoço. O delegado da PF ainda foi levado às pressas para a UPA do Araçagy e de lá ao Hospital São Domingos, onde chegou morto.

Os bandidos trataram de fugir com a arma do delegado e, de acordo com informações policiais, são da região da Vila Luizão. A Vitima é filho do médico Pedro Aragão, um dos sócios da clínica São Marcos, e era o responsável pelas investigações do crime de contrabando que foi desvendado em parte no Maranhão.

Os dois outros supostos assassinos do DPF foram identificados como David Castro Martins E Leandro,. mas não foram localizados.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Em confronto com policiais, morre o assassino do campeão mundial de Jiu-Jitsu no Maranhão

Procurado desde o dia 24 de abril pela morte de Thiago Guma (foto abaixo) , campeão mundial de Jiu-Jitsu, Wilsimar Sousa e Silva, conhecido por Cimar, trocou tiros ontem, sábado (28) com policiais militares na cidade de Governador Luiz Rocha. A informação ao blog por policiais garante que ele teria reagido ao saber que seria preso.

Depois que o corpo chegou a um hospital do município, pessoas chegaram a reconhecer como o homem que matou com três disparos, sendo dois na cabeça, o lutador maranhense. A morte foi na cidade de São Domingos do Maranhão por causa de discussão no trânsito, no dia 24 deste.

Com a morte do assassino, a polícia vai investigar outra linha, a de que poderia ter sido crime de execução. Algumas testemunhas informaram que houve a discussão e que Cimar teria seguido o lutador em uma moto e já de arma em punho.

Depois do primeiro tiro, quando eles chegaram a se atracar, com Guma no solo, o assassino ainda disparou dois tiros na cabela da vítima.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Página 1 de 912345...Última »