PF prende servidor do INSS por cobrar propina de beneficiário

O Estadão

Ação policial que prendeu funcionário com 13 anos de carreira foi deflagrada nesta sexta, 5, a partir de informações repassadas pelo Instituto e pela vítima que denunciou o crime

A Polícia Federal prendeu, na manhã desta sexta, 5, um servidor do INSS que exigia propina de beneficiário para liberar valores depositados a título de crédito previdenciário.

A PF entrou em ação a partir de informação recebida do próprio INSS e da vítima que denunciou o fato.

O preso trabalha no INSS há 13 anos e vai responder pelo crime de corrupção ativa, cuja pena pode chegar a 12 anos de reclusão.

O servidor foi encaminhado ao sistema prisional onde ficará à disposição da Justiça Federal.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Jogador do Corinthians é morto a tiros ao lado da namorada por um PM de Goiás

O jovem de 18 anos , Leandro Augusto Santos Soares, que era da base do Corinthians, foi morto quando estava ao lado da namorada no entorno de Brasília. O principal suspeito é um policial militar da PM de Goiás. O lamentável fato ocorreu ontem, sexta, dia 05, por volta das 11h. A polícia do DF investiga o caso

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Prefeito de São João do Caru é acionado por crime eleitoral

A Promotoria de Justiça da 78ª Zona Eleitoral ingressou, em 19 de junho, com uma Denúncia contra o prefeito de São João do Caru, Francisco Vieira Alves, conhecido como Xixico. Na época do registro de candidatura, o então candidato teria apresentado documentos falsos à Justiça Eleitoral.

Xixico apresentou um Certificado de Conclusão do Ensino Fundamental emitido pela Prefeitura de São João do Caru, tentando comprovar que havia concluído essa etapa no Colégio Municipal Artur Costa e Silva. Também foi anexada uma “Declaração”, supostamente emitida em 9 de agosto de 2016, na qual a diretora da escola afirmaria que Francisco Alves havia concluído o ensino fundamental regular em 1988.

Uma Ação de Impugnação de Candidatura, no entanto, apontou que os documentos apresentados seriam falsos pois Francisco Alves era natural de Acaraú – CE, e só teria se mudado para São João do Caru na década de 1980, quando tinha, no mínimo, 24 anos.

Ouvida pelo Ministério Público, a diretora do Colégio Artur Costa e Silva, Neuza Almeida de Souza, afirmou que o atual prefeito nunca estudou na escola e que no período de 1980 a 1988 o colégio só tinha turmas até a 5ª série do ensino fundamental. Portanto, seria impossível que Xixico tivesse concluído a 6ª, 7ª e 8ª séries naquela escola.

Ainda em 2016, Neuza de Souza já havia emitido certidão na qual negava a emissão de declaração de escolaridade em nome de Francisco Vieira Alves e afirmava “não existir, nos arquivos da referida escola ou da Secretaria Municipal de Educação, qualquer documento que comprove a frequência do mencionado cidadão, no ano letivo de 1988 ou de qualquer outro ano”.

O Ministério Público do Maranhão também encaminhou os documentos para análise do Instituto de Criminalística (Icrim) que apontou indícios de montagem de arquivos digitais. “Portanto, trata-se de documento falso”, conclui o laudo.

Também ouvido pelo Ministério Público, Xixico negou a falsificação dos documentos.

De acordo com o promotor de justiça Fábio Santos de Oliveira, as condutas de Francisco Vieira Alves violaram os artigos 348 (“Falsificar, no todo ou em parte, documento público, ou alterar documento público verdadeiro, para fins eleitorais”), 349 (“Falsificar, no todo ou em parte, documento particular ou alterar documento particular verdadeiro, para fins eleitorais”), 353 (“Fazer uso de qualquer dos documentos falsificados ou alterados” e 354 (“Obter, para uso próprio ou de outrem, documento público ou particular, material ou ideologicamente falso para fins eleitorais”) do Código Eleitoral.

A conduta prevista no artigo 348 tem pena prevista de reclusão de dois a seis anos e pagamento de 15 a 30 dias-multa. Já o artigo 349 prevê reclusão até cinco anos e pagamento de 3 a 10 dias-multa. Nos artigos 353 e 354 do Código Eleitoral, as penas previstas são as mesmas atribuídas à falsificação ou alteração.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Parece piada, mas outra agência do Banco do Brasil é explodida em São Luís

Bandidos explodiram na madrugada de hoje, quarta-feira (26), usando dinamites mais uma agência do Banco do Brasil na nossa capital. Desta vez o crime ocorreu na agência do João Paulo, causando sérios estragos e deixando o setor de caixas eletrônicos isolado.

Foto: Reprodução/ TV Mirante

Os criminosos teriam realizada a ação por volta das 3h e, segundo as primeiras informações, a explosão não conseguiu abrir os caixas eletrônicos e, portanto, o dinheiro não teria sido levado pelos bandidos.

Do lado de fora do banco, uma sacola  com algumas bananas de dinamites ainda intactas e uma carteira de identidade que a polícia ainda vai periciar a procedência.

Esta é a quinta agência explodida pelos bandidos em seis meses na capital. No dia 3 deste foi vítima a agência do BB da avenida dos Holandeses e no dia 14 a agência da avenida Santos Dumont, no São Cristovão. Antes, a agência do mesmo banco na Holandeses ao lado da sede recreativa da AABB, no Calhau. Outra atingida pelo explosão criminosa foi a agência do bairro da Alemanha, que fica na avenida dos Franceses.

BB não oferece segurança

A insegurança nas agência do Banco do Brasil chama a atenção dos correntistas a partir do período da noite. Recentemente um casal foi assaltado na agência do Jaracaty quando fazia um saque. O namorado, que é militar, atirou contra os bandidos e foi baleado na perna e a namorada atingida nas costelas veio a óbito no dia seguinte. Não havia um segurança armado no local.

A explosão aos caixas eletrônicos, que já ocorreu em grande escala no interior do Maranhão, mudou de endereço e se fixou na capital. A ausência de seguranças facilita a ação criminosa.

O BB não tem a menor preocupação, pois todo o dinheiro que encontra-se nas agência está segurado, inclusive os prédios que geralmente são alugados. Em outras capitais, os bancos usam mecanismos de segurança para evitar explosões de caixas eletrônicas, como um que expele fumaça na hora da explosão dos caixas impedindo a visão aos criminosos.

Mas ao Banco do Brasil, como se percebe, o que interessa mesmo é o lucro fácil e pouco importa a seguranças de seus clientes.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Sobrinho de colunista social do Maranhão é sequestrado e morto

O sobrinho da colunista social e jornalista Wilma Wicky França, Bruno Rafael, foi encontrado hoje (24) morto em sua residência no Sítio Natureza. A família informa que a namorada da vítima teria dito que ele fora sequestrado.

Segundo familiares, ontem (23), foi o aniversário da namorada e comemorado na casa de Bruno. Depois disso ela teria comunicado aos familiares que o namorado teria sido sequestrado. Comentário ainda que um homem teria entrado na casa do sobrinho da colunista, tentado estuprar a namorada e o levado como refém, no que não acreditam os parentes.

Abalada com a morte do sobrinho, a colunista Wilma França procurou atendimento médico no hospital Socorrão II, ela reclama de não ser atendida enquanto duas médicas, segundo ela, não faziam nada. Confira o desabafo da jornalista:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Reviravolta na morte do pastor: filho disse que tudo foi armado por três irmãs e pela mãe deputada federal

A parlamentar, que vinha defendendo os filhos da não participação no crime, não respondeu as acusações. O filho, que não foi revelado o nome, informou em depoimento que a mãe e mais três irmãs colocavam remédios nas refeições do pai e que, por isso, ele andava debilitado.

E mais: que o pastor Anderson Carmo recebeu ameaças de morte desde fevereiro e que a deputada federal havia dito que o pai estava com os dias contados. Ele falou de uma proposta que uma das irmãs ofereceu o dinheiro para irmão Lucas matar o pai. E negou que teve participação de motos no episódio do assassinato.

Filho adotivo de pastor e de deputada federal confessa que matou o pai por causa de traição

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Filho adotivo de pastor e de deputada federal confessa que matou o pai por causa de traição

Lucas, filho adotivo do pastor Anderson do Carmo Souza e da deputada federal e cantora gospel, Flordelis confessou hoje em depoimento que matou o pai a pedido do irmão e que o motivo seria por causa de uma amante que o pastor teria arrumado.

Com 18 anos, Lucas dos Santos, disse aos policiais que obedeceu ordens do irmão Flávio Rodrigues de Souza, 38 anos, que é filho biológico da deputada viúva.

O crime foi descoberto porque o Lucas aparece em uma das cenas do crime e usou como argumento o fato de uma suposta traição do pai adotivo.

Ele não esteve sozinho na hora da execução e disse ainda que teve que dopar os cães da casa. Lucas e Flávio foram presos na segunda-feira, dia 17 deste, durante o enterro do pastor. Um detalhe chamou a atenção: a maioria dos mais de 30 tiros se concentrou na região peniana da vítima.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Filho de deputada é levado para depor em delegacia do RJ

R7 Notícias

Segundo informações da Record TV, ele é suspeito de participar da ação que matou Anderson Carmo; os autores do crime não usaram máscaras na ação

Um dos filhos da deputada federal Flordelis (PSD-RJ) e de Anderson Carmo foi detido, na tarde desta segunda-feira (17), para prestar esclarecimentos sobre a ação que matou o pastor na madrugada de domingo (16). Segundo informações da Record TV Rio, ele pode ser um dos suspeitos.

A Polícia Civil revelou que os suspeitos de assassinarem Carmo estavam sem capuz no momento do crime.

As imagens do circuito interno da casa da deputada foram recolhidas pela Polícia Civil. O resultado do exame toxicológico do cachorro da família sai nesta terça-feira (18) e poderá apontar se o cão foi dopado para evitar acordar a família com latidos.

A DHNSG (Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo), responsável pelo caso, não descartou nenhuma possibilidade. Entretanto, a hipótese principal é a de execução.

Flordelis pediu para que não especulassem se algum dos seus 55 filhos – quatro biológicos e 51 adotivos – fosse o responsável pela morte de Anderson.

Segundo a deputada, ela e seu marido foram perseguidos por duas motos enquanto voltavam de um evento. Anderson foi morto quando voltou à garagem para buscar um objeto em seu carro.

Pastor é assassinado na presença da esposa deputada federal

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Filho de vice-prefeito mata comerciante ao tentar roubar celular na Macaúba

Dois homens armados tentaram roubar o celular do comerciante Delson (na foto abaixo com a esposa)  e como ele reagiu e foi alvejado e morto. Um dos suspeitos já foi preso e trata-se do filho do vice-prefeito de Coroatá, Domingos Alberto.

O fato aconteceu ontem à noite, por volta das 19h no Bar do Delson, que é casado com a senhora Cássia, que trabalha no Hospital Macorregional de Coroatá. A morte foi na Vila Macaúba.

Ontem, quinta-feira (13) em um povoado teve um homicídio, 19hs. Os dois criminosos estavam em um moto e fugiram, mas uma deles foi localizado (foto abaixo), que é o filho do vice-prefeito, segundo informações ao blog.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Sobrinha de prefeito baleada durante assalto na agência do BB em São Luís morre no UDI

O assalto foi feito por dois homens que dominou um casal que estava fazendo um saque durante o período da noite. O namorado, um policial militar ainda conseguiu evitar sacar todo o dinheiro alegando que o limite havia excedido.
Os bandidos, então, solicitaram que o casal deitasse ao piso da agência e na hora em que se retiravam, o militar sacou de uma arma a atirou contra os assaltantes. Porém, os bandidos revidaram, atingindo o policial na coxa e a namorada na região da coluna vertebral.

Ela foi encaminhada às pressas para o Hospital UDI e a polícia conseguiu capturar um dos bandidos que estava baleado no momento em que estava sendo atendido em uma UPA de São Luís.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Auxiliar penitenciário sacou 11 mil da professora assassinada na Ufma e foi tomar cerveja

O auxiliar penitenciário Márcio Jorge Lago Marques, que confessou o crime de morte contra a professora Rosiane Costa, em depoimento, contou que na mesma noite do assassinato levou o dinheiro da vítima e foi tomar cerveja. Revelou também que ficou com o cartão de crédito da professora e sacou nos dias seguintes R$ 11 mil e aproveitou para fazer compras à sua família. 
O assassino disse que tinha um romance extra-conjugal com a professora e que devia a ela a quantia de R$ 2,5 mil. Ele alega que Rosiane vinha lhe cobrando nos últimos dias. Ela foi morta dentro da casa dele, que aproveitou a ausência da esposa, e deu um golpe mata leão para enforcá-la.
Em seguida, colocou a vítima dentro do carro e jogou o corpo na área do campus da Ufma. Ele levou R$ 700 e o cartão de banco da professora para no dia seguinte fazer retiradas que totalizaram R$ 11 mil. Aproveitou para fazer uma compra alta em supermercado para sua família.
Para chegar ao auxiliar penitenciário, a polícia contou com a ajuda das imagens das câmeras de vídeo de monitoramento. Ontem, o assassino foi preso quando tomava cerveja no Bar Capitão do Mar, na Litorânea.
Abaixo o vídeo de apresentação de Márcio Jorge em coletiva de imprensa hoje, conforme divulgado no Blog Eduardo Ericeira:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.