Endoidou de vez: Michel Temer será candidato e vai arrebentar Roseana no Maranhão

O sinal vermelho acendeu na meia noite de hoje na Casa Mal Assombrada, no Calhau, e respingou fagulhas na direção de dois luxuosos apartamentos no pedaço mais caro da Península da Ilha, no Condomínio Murano, Ponta d’ Areia. E rasgou faíscas na cobertura, onde reside José Sarney e dona Marly Sarney. Foram as declarações corajosas do presidente Michel Temer que garantiu disputar a renovação do mandato agora em outubro.

O ato peitudo para quem goza de impopularidade de mais de 90% em todo o país e beirando os 100% negativos no Maranhão, tirou o sono do ex-presidente maranhense do alto da sua cobertura, o metro quadrado mais caro do Nordeste. E fez a ex-governadora Roseana sair do sonho para cair em pesadelo profundo. 

Temer disse em entrevista para a revista IstoÉ que  “Acho que seria uma covardia não ser candidato”, e confirmou que já decidiu entrar na disputa. Assim sendo, até o titular do Blog ganha dele. 

Ocorre que Sarney aguarda o apoio total e irrestrito do Palácio do Planalto para a candidatura da filha. Mesmo com uma bancada menor em relação a que apoia o governador Flávio Dino, Temer tem feito gestos decentes para o grupo Sarney, inclusive retirando o nome do deputado maranhense Pedro Fernandes que estava com um pé no Ministério do Trabalho.

Além disso, as demandas do Maranhão em Brasília estão primeiro passando pelas mãos de Roseana, Lobão e Sarney Filho. Tudo com o objetivo do governo federal eleger a filha de Sarney governadora do Maranhão e Edison Lobão e Sarney Filho senadores.

O presidente da República, semana antes de anunciar que será candidato, já estava se queixando a amigos o fato de Sarney Filho não creditar ao nome Temer as realizações do Ministério do Meio Ambiente. Claro, o filho de Sarney sabe que falar em nome de Temer no Maranhão é sinônimo de perder votos.

E agora, Roseana, Lobão e Sarney Filho, vocês irão fazer campanha para o presidente da República correndo o risco de afundar junto com ele?  O certo é que o golpe no trio vai favorecer unicamente ao governador Flávio Dino. Afinal, Michel Temer hoje é tipo cerca velha, cai e derruba os outros.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Eletrobras chama Cemar de mentirosa e se omite pelo apagão de ontem

Durante o apagão de ontem, que deixou sete estados do Nordeste sem energia elétrica, assim como 217 municípios do Maranhão, e causou enormes prejuízos com danos matriais a centenas de consumidores, a Cemar emitiu nota responsabilizando  do a Eletrobras pela problema que durou mais de 1 hora. A Eletrobras, tirou o dela da reta, reagiu hoje e dementiu a Cemar, Confira nota abaixo: 

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Procedimento cirúrgico de Lobão foi bem sucedido, informam os médicos

Ainda internado no Hospital Santa Lúcia, em Brasília, o senador Edison Lobão (na fota abaixo com Sarney Filho e Roseana) foi submetido nesta madrugada de segunda-feira (19) a um procedimento cirúrgico em função da queda que lhe fraturou a perna esquerda. O quadro, segundo os médicos, é estável e Lobão deve sair até quinta-feira do hospital para ficar em repouso domiciliar. 

Confira abaixo o primeiro boletim médico depois do procedimento cirúrgico:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Eles pensam que enganam a gente: oligarquia Sarney reinou durante 32 anos no Maranhão

Não são 50 anos, como espalha a oposição ao grupo Sarney e muito menos 20 anos como proposital e equivocadamente tenta valer como verdade os amantes da oligarquia comandada pelo ex-presidente da República, José Sarney. O império vem desde 1966, mas com vácuos de quatro e até um ano entre alguns governos.

A oposição ao Sarney teima vergonhosamente em afirmar que a oligarquia Sarney durou 50 anos, o que pelos números englobaria dois anos de Flávio Dino. Portanto, de 1966, quando Sarney assumiu o governo do Maranhão para completar 50 anos, chegaríamos a 2016.

Fazendo as contas corretas do domínio do clã Sarney, basta somar os períodos de efetivo comando do ex-presidente e os vácuos dos rompimentos dos ex-governadores com ele. Portanto, vamos retomar a história política do Maranhão:

1  –  Sarney dominou os 4 anos de seu governo;

2 –  Pedro Neiva de Santana foi indicado por Sarney para a ditadura militar em 1970 e rompeu com ele dois anos depois. Portanto, foi aliado somente dois anos;

3 –  Nunes Freire foi escolhido pelo regime militar de 1974 a 1977, inimigo de Sarney durante quatro anos;

4  –  Escolhido pelos militares por indicação de Sarney, João Castelo governo de 1978 a 1982, mas rompeu com o oligarca no começo do último ano de mandato;

5  –  Luiz Rocha foi eleito em 1982 pelo voto direto e foi até o final de mandato em 1985, mas nunca rompeu com Sarney, quem se considerava a régua e o compasso do seu líder maior, tanto que engoliu Cafeteira como sucessor;

6  –  Cafeteira governou o Maranhão de 1986 a 1990, mas rompeu com Sarney no último ano e impediu que o oligarca fosse candidato a senador aqui pelo nosso Estado;

7  –  Lobão administrou o Maranhão quatro anos sem romper até hoje com Sarney;

8  –  Aí veio Roseana, a filha de Sarney que governou durante sete anos, de 1995 a 2001. Aqui dispensa comentários;

9  –  Zé Reinaldo iniciou aliado de Sarney em 2002, vindo a romper efetivamente em 2004 com o seu pai político, tornando-se o maior embaraço para os planos da oligarquia.

10 –  Jackson Lago foi eleito com a ajuda de Zé Reinaldo em 2006, assumiu em 2007, mas teve o mandato cassado em 2009.

11 –  Roseana Sarney volta ao comando do Maranhão em 2009, se reelege no primeiro turno em 2010 e governa até 2014, portanto seis anos e sete meses.

12 –  Flávio Dino se elege em 2014 no primeiro turno e começa a governar em 2015. Então, encerrou bem aqui o ciclo da oligarquia Sarney.

O que para a oposição ao clã são exagerados 50 anos de comando, para o mais ferozes defensores da oligarquia não passam de 20 anos de reinado. Com o pé no chão, independente, e com os olhos nos números frios, o Blog do Luis Cardoso esclareceu tudo.

Abaixo os números equivocados dos loucos pela oligarquia:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Prefeita Irlahi participa da 3ª Conferência Intermunicipal de Educação e destaca avanços em Rosário

Na manhã de terça-feira, 13, a prefeita Irlahi Moraes participou da abertura da 3ª Conferência Intermunicipal Maranhense de Educação, realizada pela Unidade Regional de Educação de Rosário. O evento é uma etapa preparatória para a Conferência Maranhense de Educação (Comae), agendada para abril deste ano, com foco na avaliação dos Planos de Educação (Nacional, Estadual e Municipais) e proposição de políticas educacionais para efetivação de suas metas e estratégias.

“Nestes dois dias, nos debruçaremos nas proposições de políticas educacionais para avaliar as metas e estratégias do Plano Nacional de Educação e de que forma podemos pensar ações tanto a nível estadual quanto municipal”, falou o representante da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), Luís Alberto Pinheiro, na abertura das atividades.

Estiveram presentes também no encontro o secretário municipal de Educação, Joaquim Neto; o gestor da URE de Rosário, Claudiney Frazão; o presidente da Câmara Municipal de Rosário, Luís Carlos (Kiko), além de secretários municipais, vereadores, representantes, técnicos e gestores dos municípios de Barreirinhas, Axixá, Presidente Juscelino, Cachoeira Grande, Humberto de Campos, Santo Amaro, Bacabeira, Morros e Icatu.

Na oportunidade, Irlahi Moraes (PMDB), que está no segundo mandato da gestão municipal, destacou os avanços nas políticas públicas em educação para o município de Rosário, com ações de infraestrutura, serviços e obras, qualificação de docentes e diálogo com a sociedade civil.

“Não podíamos deixar de participar desse encontro e aproveitar para convidar a todos para as comemorações dos 398 anos de fundação de Rosário, no dia 6 de abril, ocasião em que vamos realizar a entrega de diversas obras, avenidas, estádios, quadra e uma escola. Precisamos nos unir pela educação e garantir mais formação, mais desenvolvimento, uma escola de formação na área de português e matemática, por exemplo”, sugeriu a prefeita Irlahi.

Avanços na educação

A Secretaria Municipal de Educação também apresentou dados e investimentos. Até o final de 2017, 38 escolas foram reformadas, 7 ampliadas e 6 construídas. Em março deste ano, mais duas escolas foram ampliadas e entregues à população antes do início do período letivo. Além disso, 20 unidades de ensino hoje estão totalmente climatizadas.

Outros projetos também estão sendo desenvolvidos como complementares no processo de ensino-aprendizagem. É o caso do projeto ‘Educando e Produzindo Hortaliças na Escola’, voltado a crianças matriculadas em creches municipais e a estudantes de até 12 anos de idade, com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento de hábitos alimentares saudáveis e para a criação de vínculos com a produção agrícola. Já no projeto ‘Alimentar-se bem para crescer com saúde’, educadores direcionam na identificação e diferenciação dos diversos tipos de alimentos e a importância de cada um para a saúde.

Para diminuir a evasão escolar, a Prefeitura executa o Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd), desenvolvido desde 2003, e o projeto ‘Banco do Saber’, cujos resultados positivos fizeram com que o modelo fosse adotado por outras prefeituras. Funciona por meio de méritos, levando em consideração fatores como presença em sala de aula, bom comportamento, boas notas, participação dos pais nas atividades escolares, dentre outros.

Qualificação

As políticas públicas na área de educação também apontam para a qualificação dos docentes, por meio de programas de capacitação, a exemplo da Oficina de Formação Pedagógica dos Professores da Educação Infantil, realizada por especialistas da Editora do Instituto Prisma de Desenvolvimento Humano (IPDH). Nesta ação foram beneficiados 230 professores.

Outro projeto desenvolvido pela Prefeitura beneficiou 322 educadores da Educação Infantil, do 1º ao 3º ano do Ensino Fundamental, e os que atuam no projeto Mais Educação, tanto da sede, quanto dos povoados de Rosário. Nesta capacitação, os educadores foram divididos em três turmas, que trabalharam as temáticas ‘O fazer pedagógico na Educação Infantil’, ‘A leitura’ e ‘Escrita como processo de conhecimento’.

“Por considerarmos que o desenvolvimento de uma cidade passa pela educação é que temos trabalhado cada vez mais em ações de melhoria e, sobretudo, contemplado a participação da sociedade civil, por meio do Conselho Municipal empossado em janeiro deste ano e também o seletivo com 330 vagas para ocupação imediata e 330 para cadastro reserva. Todas estas ações colocam o município de Rosário em destaque no cenário do estado”, finalizou a prefeita Irlahi Moraes.

Sobre o Comae 2018

A Comae 2018 tem como tema “A consolidação do Sistema Nacional de Educação (SNE) e o Plano Nacional de Educação (PNE): monitoramento, avaliação e proposição de políticas para a garantia do direito à educação de qualidade social, pública, gratuita e laica”. A Comae 2018 será precedida pelas Conferências Livres, Municipais e pelas Conferências Intermunicipais que acontecerão nas sedes das 19 Unidades Regionais de Educação do Estado, com a finalidade de cumprir as etapas preparatórias da 1ª Conferência Nacional Popular de Educação (Conape) e da 3ª Conferência Nacional de Educação (Conae), coordenadas respectivamente pelo Fórum Nacional Popular de Educação (FNPE) e pelo Fórum Nacional de Educação (FNE).

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Estratégias para acomodar alianças não prejudicarão Márcio Jerry

O que parecia uma investida alucinada para Márcio Jerry sair como o deputado federal mais votado da história política do Maranhão, conforme apontado ontem pelo Blog, agora se revela uma estratégia para acomodar alianças e apoios ao projeto de reeleição do governador Flávio Dino. Então, neste caso, o secretário não perdeu seis prefeitos como equivocadamente anunciado por outros sites.

Na verdade, Flávio Dino liberou seu homem de confiança para ampliar apoios e segurar lideranças com a finalidade de alinhavar costuras futuras e ajudar os candidatos nos quais o Palácio dos Leões aposta na eleição de deputado federal. É o que vem acontecendo, mas sem ameaças de que Jerry não seja o mais votado nestas eleições, disputando com o deputado estadual Josimar do Maranhãosinho.

Primeiro a ser liberado para apoiar o nome de Gastão Vieira foi o prefeito de vargem Grande, Carlinhos Barros, do PCdoB, que estava fechado com o forte secretário. Depois, dentro do mesmo acordo, mais outros quatro também do Partido Comunista do Brasil e, até agora, apenas um do PDT.  São eles:  Aluisinho Filho, de Esperantinópolis; Orlando Arouche, de Senador Alexandre Costa; Henrique Salgado, de Pindaré-Mirim; Arlindo Filho, de Fortuna; e André Portela, de Capinzal do Norte.

A estratégia, também armada por Jerry, busca fazer a maior bancada federal aliada e eleita pelo governador Flávio Dino, o que deve ocorrer. Com maestria, a agulha e a linha adornam a renda e fecham as bordas para evitar entradas e saídas que possam comprometer a textura da peça.

Estratégia de Othelino Neto

Em conversa ontem com o titular do Blog do Luis Cardoso, o deputado Othelino Neto também desfez o equivoco de que esteja trabalhando para ser o mais votado para deputado estadual e chegou a informar que tem conversado com lideranças que o procuram para ajudar na eleição de outros aliados. Ele é um dos principais articuladores do projeto de reeleição de Flávio Dino, assim como Márcio Jerry.

Othelino Neto, desde que assumiu a presidência da Assembleia Legislativa, afirmou que trabalha duro para ajudar o governador a eleger a maior bancada estadual da história do Maranhão, o que deve acontecer. Na avaliação de analistas políticos mais aprofundados, ainda assim ele deve despontar entre os quatros melhores posicionados, como Cleide Coutinho, Detinha, e Andréia Resende, que vai substituir o marido deputado Stênio Resende.

É aguardar e conferir!

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Rejuvenescido, Lobão cai em campo e muda cenário na disputa pelo Senado

O blog divulgou há quase um mês um cenário sobre a disputa para o Senado Federal não muito favorável ao senador Edison Lobão. O quadro, é verdade,  ainda é de indecisão, mas a disputa é dinâmica e as peças no tabuleiro se movimentam como as nuvens. O nome do senador Edison Lobão, ganhou força e, se a eleição fosse hoje, ele estaria entre os dois eleitos, conforme leituras de várias pesquisas realizadas nos últimos tempos, as quais os blog teve acesso.

Embora se mantenha distante do eleitorado e só apareça com mais frequência no período da eleição, o senador sempre surge como uma fênix. Ainda mais agora com um novo visual facial e uma veste azulada que lhe cai bem durante as visitas.

Lobão é um político experiente, já foi deputado federal, governador, senador por vários mandatos e ministro nos governos de Lula e Dilma.

Mesmo com o pé na lava jato, o poder de convencimento lhe ajuda até a carregar outro colega de chapa ao mesmo cargo. Em 2010, puxou João Alberto para o podium e, ao que parece, vai carregar Sarney Filho também.

Nestas visitas iniciadas por Roseana Sarney em várias cidades, o senador tem marcado presença e dado uma importância enorme à candidata ao governo. Parece uma coisa milagrosa que tem nome e sobrenome: carisma. Resultado também do governo bem avaliado que fez.

A continuar assim, Lobão pode chegar ao final do pleito sendo o mais votado em todo o Estado do Maranhão, como em 2010, quando obteve mais votos que a própria candidata ao governo, Roseana Sarney, que venceu no primeiro turno.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

O blog bem que avisou: durante a caravana, Roseana diz que comunistas jogam baixo

Não foi por falta de aviso dado pelo blog das provocações e ataques baixos que a ex-governadora Roseana Sarney (MDB) sofreria durante sua caravana em 30 cidades maranhenses (reveja aqui). Ontem, em Imperatriz, a pré-candidata pediu o apoio do povo e explicou a razão: “eles jogam baixo”.

Disputar contra uma máquina estadual, que tem o apoio de mais de 150 outras máquinas municipais, não é fácil, principalmente quando seu adversário tem o controle da polícia e até de outros poderes.

Pior mesmo é jogar contra os comunistas que estão no poder. Eles usam, abusam e cometem até atrocidades para se manter os donos da situação.

Durante  a caravana pelas cidades, Roseana tem sido bem recepcionada com sua comitiva, considerando que não é comício, mas sim encontro com lideranças. Ainda assim, sofre todo tipo de perseguição de gente infiltrada, além das distorções dos fatos.

É a “militância” comunista justificando seus contratos. São centenas de pessoas ganhando para dificultar a vida do inimigo, numa verdadeira batalha que inclui nerds, jornalistas, radialistas, blogueiros e ativistas na capital e no interior, sem falar nos bombados seguranças.

E olha que a guerra propriamente dita ainda não começou. Por isso, todo cuidado é pouco!

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Roseana Sarney X Flávio Dino: o povo começou a comparar….

Bastou os primeiros passos da ex-governadora no interior maranhense para que o eleitor começasse a perceber quem fez e quem não fez pelo Maranhão

ELA FAZ. Roseana e um hospital de Santa Inês, que Flávio Dino tentou usurpar….

A questão é sutil, mas de uma força política essencial: a população do interior maranhense visitado esta semana pela ex-governadora Roseana Sarney (MDB) começou a comparar a suas gestões com a  atual, do governador Flávio Dino (PCdoB).

E começou a tirar as próprias conclusões sobre quem fez o quê pelo Maranhão.

Durante os quase quatro anos de seu governo, Flávio Dino navegou sozinho pelo Maranhão, vendendo como suas as obras deixadas pelo governo Roseana Sarney (2009/20014).

SEGURANÇA. em Bom Jesus das Selvas a obra foi para Polícia Militar. Flávio Dino também tenta dizer que é sua

O comunista usurpou até as obras dos hospitais que ele próprio criticava quando fazia oposição.

Foi exatamente por isso que Roseana decidiu seguir pelo Maranhão, começando por Santa Inês e região, onde estão muitas das obras do seu governo que Flávio Dino usava como suas.

São hospitais, postos de saúde, escolas, prédios na área social e de segurança pública, além de estradas, muitas estradas.

PARCERIA. No governo Roseana, o Ifma teve acesso a vários municípios, com apoio da gestão estadual

Para mostrar o eleitor – que agora pode comparar quem fez o quê pelo Maranhão – a equipe de Roseana tem usado fotos, banners, panfletos e registros documentais das obras que ela deixou.

Assim, o próprio cidadão pode comparar as duas gestões.

E poderá deduzir por si mesmo quem fez o quê pelo Maranhão.

Simples assim…

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Zé Reinaldo garante que não voltará ao grupo Sarney e que vai apoiar Braide

Em entrevista concedida ao jornalista Benedito Buzar, redator da coluna Roda Viva, do jornal O Estado do Maranhão, o deputado federal e ex-governador, José Reinaldo Tavares, garante que não voltará ao grupo Sarney e informa em quem vai apoiar na sucessão estadual:  “nessas eleições vou apoiar Eduardo Braide, para governador. Acredito muito nele, um jovem e promissor talento que desponta na política do Maranhão, com muito futuro”

O parlamentar lembra que no início do governo de Flávio Dino foi criado um conselho político, do qual fez parte, mas que não passou de uma reunião seguida de almoço. E foi naquele dia em que o comunista garantiu que ninguém merecia mais ser candidato que ele (Zé Reinaldo) ao Senado federal. E hoje deu no que deu.

Depois de afirmar que não acredita mais no governador Flávio Dino, a quem ajudou a entrar na política, Tavares deixou claro que  não tem mais volta ao grupo comunista. “Não existe mais relação de confiança entre nós que permitisse isso”, enfatizou. 

O ex-governador disse não acreditar que o atual governo eleja algum senador e defendeu uma terceira via para ser o próximo governador. “Acredito na terceira via, pois temos Braide, Roberto, Maura, Ricardo, entre outros, uma realidade muito importante na política do Maranhão”, apostou. 

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

No Maranhão, DEM só filia peixinho e vende o que não tem

O dirigente do DEM no Maranhão, deputado Juscelino Filho,  passou quase um mês anunciando o ingresso de no mínimo cinco parlamentares, sendo quatro estaduais e um federal, no caso Eliziane Gama. Vendeu o que não tinha e acabou entregando uma mercadoria falsa.

Juscelino Filho imaginando que enganou ACM Neto, presidente do DEM nacional

A começar pelo não ingresso da deputada Eliziane que, escabreada, preferiu ficar onde está. Investiram em dois outros federais, mas não conseguiram nada.

Resende levou a Brasília o prefeito Luis Fernando (sem partido) que não assinou a ficha de filiação do Democratas. Conseguiram embarcar Neto Evangelista, que pulou fora na hora de ingressar no partido. Uma decepção. Aliás, Juscelino Filho se gaba de ter entrado na Executiva Nacional do DEM, mas só esquece de lembrar que foi em um cargo pequeno de suplente.

O DEM local conseguiu somente a filiação do deputado Rogério Cafeteira e mais ninguém do parlamento estadual. Festejam a filiação de Felipe Camarão, secretário de Educação, mas peso morto eleitoral.

Então, foi o jeito apresentar uns peixinhos inexpressivos como  Gleydson Rezende , prefeito de Barão de Grajaú, Marfran Bringel, prefeito de Loreto, Vianey Bringel, Prefeita de Santa Inês, Robert Bringel , ex-prefeito de Santa Inês, Andréia Martins pré-candidata a deputada estadual, Gildasio Angelo, diretor-presidente do NASSP-MA, e Daniele Tema, pré-candidata a deputada estadual.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

O que o Blog previu vai acontecer: Cabo Campos não será afastado e nem mandato cassado

Centenas de mulheres e suas organizações sociais e de lutas ocuparão hoje o plenário e outras dependências da Assembleia Legislativa. Já devem ter sido recepcionadas com um robusto café da manhã, e o que as espera no lanche da tarde, será coberto de veneno. O agressor da própria mulher, deputado Cabo Campos, será salvo pelo corporativismo da Casa, pelos ombros amigos dos colegas homens e até de alguma mulheres deputadas.

A primeira obstrução já está quase pronta. Trata-se da apreciação pela Comissão de Ética do pedido da Procuradora da Mulher na Assembleia Legislativa, deputada Valéria Macedo, já protocolado junto a Mesa Diretora, do afastamento cautelar por 60 dias do Cabo Campos do mandato.

E já encontraram a saída. Dirão que não existe amparo legal no Regimento Interno do Legislativo para adotar a suspensão temporária. E irão deixar que as investigações sejam concluídas pela Delegacia da Mulher e, após apreciação do Ministério Público e decisão da Justiça, podem ou não levar o caso para a cassação do mandato.

Ora, o processo de investigação é lento, a apreciação do MP não será rápida e na Justiça para julgamento final vai durar muito. Afinal, trata-se de um deputado, um parlamentar da base do governo.

E mais: justificarão falta de tempo para reunir a Comissão de Ética porque estarão em plena campanha buscando reeleição. Aí Cabo Campos passará batido e só o voto do eleitor consciente é que julgará o destino dele.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Página 1 de 21812345...102030...Última »