Alerta! Novo coronavírus se espalha pela periferia e zona rural de São Luís

O Covid-19 começou a assustar de forma inesperada na capital maranhense. O que antes era notificado em bairros nobres como Ponta da Areia e Calhau, agora começou a se expandir pelos bairros da cidade e na zona rural de São Luís.

De acordo com informações prestadas hoje pelo secretário de Estado de Saúde, Carlos Lula (foto acima), novas medidas mais severas, porém necessárias, serão anunciadas hoje, sexta-feira (03), para evitar o avanço do novo coronavírus na ilha.

Lula citou bairros como Cidade Operária, Maiobão e João Paulo como áreas em que começaram a aparecer pessoas infectadas pelo vírus. Ontem, quinta-feira (02), o secretário alertou para a grande movimentação de pessoas em São Luís e chegou a lamentar que assim ficava difícil impedir o avanço da doença.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Coronavírus pode custar R$ 410 bilhões extras ao SUS, estima Ministério da Saúde

Por Estadão

Projeção está em documento, obtido pelo ‘Estado’, enviado pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, ao ministro da Economia, Paulo Guedes

  O presidente Jair Bolsonaro incluiu igrejas e agências lotéricas na lista de serviços e atividades essenciais que podem funcionar durante a situação de emergência no País em decorrência do novo coronavírus. A decisão, tomada por meio de decreto – que não depende de aval do Congresso -, abre brechas nas restrições impostas por governadores e prefeitos para reduzir a circulação de pessoas e evitar a propagação da doença.

Em uma mudança de orientação do governo, Bolsonaro tem criticado medidas adotada na maior parte do País para conter o avanço da covid-19. Na terça-feira, em pronunciamento em cadeia nacional de rádio e televisão, o presidente afirmou que “algumas poucas autoridades, estaduais e municipais, devem abandonar o conceito de terra arrasada”, em medidas como a “proibição de transportes”, o “fechamento do comércio” e o “confinamento em massa” – adotadas em diversos países para evitar a propagação do vírus e o colapso do sistema de saúde. O argumento é de que os efeitos na economia resultarão em milhões de desempregados.  O fim do isolamento, no entanto, contraria recomendações médicas e vai de encontro ao que o próprio Ministério da Saúde defendia até esta quarta-feira.

Bolsonaro já havia anunciado na quarta-feira, pelas redes sociais, que incluiria as lotéricas na lista de serviços autorizados a funcionar. Segundo ele, 2.463 dos 12.956 estabelecimentos no País estão fechados por decisões estaduais ou municipais. Também nesta quarta, ao ouvir a reclamação sobre o fechamento do comércio de um apoiador que se identificou como empresário, o presidente disse que havia conseguido resolver a questão das lotéricas numa “canetada”. “Hoje, por decreto, eu resolvi as lotéricas. Três mil lotéricas fechadas por prefeitos e governadores. Eu consegui resolver numa canetada. Estamos fazendo isso”, afirmou Bolsonaro, em frente ao Palácio da Alvorada.

Em relação às igrejas, o decreto afirma que seu funcionamento deve seguir as recomendações do Ministérios da Saúde. Os templos vinham limitando suas atividades presenciais para evitar aglomerações e se valendo das tecnologias virtuais para fazer cultos e missas e assim diminuir os riscos de propagação do vírus. Com a decisão de Bolsonaro, elas ficam liberadas da quarentena. Em alguns locais, como São Paulo e Santa Catarina, igrejas foram à Justiça para garantir a realização de cultos.

O decreto, porém, faz a ressalva de que as atividades religiosas devem seguir as orientações do Ministério de Saúde, que tem sido de evitar aglomerações e manter distanciamento social.

O fechamento dos templos também tem sido alvo de críticas do presidente. “O que eu vejo no Brasil, não são todos, mas muita gente, para dar uma satisfação para o seu eleitorado, toma providências absurdas… fechando shoppings, tem gente que quer fechar igreja, o último refúgio das pessoas”, disse Bolsonaro em entrevista ao Programa do Ratinho, do SBT, exibida na noite de sexta-feira. “Lógico que o pastor vai saber conduzir o seu culto, ele vai ter consciência, pastor ou padre, se a igreja está muito cheia, falar alguma coisa. Ele vai decidir, até porque a garantia de culto, a proteção ao ambiente de culto, é garantida pela Constituição. Não pode o prefeito e o governador achar que não vai mais ter culto, não vai ter mais missa”, acrescentou.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Ministro da Saúde sugere adiamento das eleições por conta do coronavírus: ‘Vai ser uma tragédia’

Partiu do pré-candidato a prefeito de São Luís, juiz federal aposentado Carlos Madeira (foto abaixo) a proposta de adiar as eleições municipais para o próximo ano considerando o momento de crise sanitária que vive o Brasil. Leia abaixo matéria do jornal o Globo sobre a posição do ministro da Saúde sobre o assunto:

Jornal O Globo

Em teleconferência com prefeitos neste domingo, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, recomendou o adiamento das eleições deste ano. Mandetta disse que esse é o momento de o Congresso Nacional tratar o assunto, para que o combate à crise do coronavírus não seja contaminado pela ação política.

O ministro fez a sugestão ao responder ao questionamento do prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho (PSDB). Coutinho pediu a liberação de recursos que, segundo ele, estariam sendo represados pelo estado do Pará, governado por Helder Barbalho (MDB).

Ele indicou ainda que é preciso ter um diálogo aberto e eficiente entre os entes da federação.

“Nós não podemos (repassar recursos) de forma desintegrada. Eu faço de um jeito, vocês de outro. Se não daqui a pouco vocês vão estar pagando mais para um médico de hospital A, menos para o hospital B. Tira enfermeiro de lá e traz para cá. Assim vai haver bateção de cabeça. Eu vou descentralizar e fazer com que vocês trabalhem o máximo liberdade”, disse Mandetta.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Aumenta número de mortes decorrentes da H1N1, em São Luís.

A Secretaria de Saúde do Maranhão (SES) afirmou hoje, quarta-feira (11), o registro de mais um óbito em decorrência da gripe Influenza A (H1N1), sem informar que a morte de uma criança de dois anos foi no Hospital São Domingos. Oficialmente este foi o terceiro óbito na capital em 2020 pelos mesmos motivos.

O Blog do Luis Cardoso obteve também a revelação de que nesta semana teve um óbito no Socorrão 2 decorrente da mesma infecção, mas nada oficialmente confirmado. Em São Luís, hospitais púbicos e particulares estão lotados com pessoas se tratando contra a gripe. Não existem dados oficiais, mas são fortes comentários que boa parte com H1N1.

No caso da criança de dois anos, a SES informou que medidas de prevenção foram adotadas com medicamento aos cinco idosos que tiveram contato com a paciente.

Enquanto no Brasil a preocupação com o novo coronavírus consome as autoridades de Saúde, a gripe H1N1 mostra-se mais letal que o Covid-19, tanto um lugares onde os casos estão confirmados ou não.

Em 2019, foram registrados 3.430 casos de H1N1, com 796 mortes. Em 2018, computados de janeiro a maio, 222 óbitos. Conforme o Ministério da Saúde, essa gripe é altamente virulenta e de fácil transmissão.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

O coronavírus é nossa maior preocupação em saúde?

R7

No Brasil há doenças como dengue e febre amarela que possuem um grau mais elevado de letalidade do que o coronavírus

Dra. Beatriz Quental Rodrigues*

Coronavírus causa preocupação, mas Brasil tem outras doenças muito mais letais

Nas últimas semanas temos observado uma grande preocupação no Brasil com o aparecimento de casos de infecção por um novo coronavírus que se originou na China, e que tem se espalhado por diversos países do mundo. Esta preocupação vem do fato de tratar-se de um vírus novo, com chances de infectar um grande número de pessoas, e cujas informações ainda são escassas.

Entretanto, é importante que o Brasil não perca o foco em outras doenças infecciosas, como dengue, febre amarela e sarampo, com elevado potencial de transmissão no nosso país e, muitas vezes, causando casos graves e até mortes.

No caso da dengue, segundo dados do Ministério da Saúde, em 2019, foram notificados 1.544.987 casos prováveis no país, com um aumento de 525% em relação a 2018. Desse total, 1.419 foram casos de dengue grave e 18.740 de dengue com sinais de alarme. Ocorreram 782 mortes, o que significa uma letalidade da forma mais grave da doença de 3,8%, mais elevada do que a descrita para o novo coronavírus até agora.

No caso da febre amarela, entre 1º de julho de 2017 a 30 de junho de 2018 foram confirmados 1.376 casos no país e 483 óbitos. Ou seja, uma taxa de letalidade de 35%.

Tanto o vírus da dengue quanto o da febre amarela são transmitidos pela picada do mosquito Aedes aegypti. Desta forma, é importante que o país adote estratégias para eliminação de focos do mosquito. Além disso, temos que nos preocupar com as estratégias de vacinação para febre amarela e sarampo, esta última doença transmitida por contato pessoa a pessoa.

Não queremos, com isso, dizer que a infecção pelo Coronavirus não é importante. Mas é importante atentar-nos para doenças que estão em circulação no Brasil, com estratégias de prevenção bem estabelecidas e que não podem ficar esquecidas pela ansiedade causada pelo aparecimento deste novo vírus.

*Dra. Beatriz Quental Rodrigues é médica infectologista e coordenadora do Serviço de Controle de Infecção Hospitalar do Hospital Moriah

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Secretário de Saúde informa que existem nove casos de Influenza em São Luís e um óbito

Ao contrário do alarme sobre o Coronavírus, com 182 casos suspeitos e apenas um confirmado no Brasil, sem nenhum óbito até agora, a gripe Influenza, essa sim, tem dado preocupação para o sistema público de saúde. Já foram mais de mil vítimas em um ano no país. No Maranhão, um óbito e nove casos confirmados.

Em entrevista dada hoje, segunda-feira (02) na TV Mirante, o secretário de Estado da Saúde, o advogado Carlos Lula (foto acima), falou sobre os casos suspeitos de Coronavírus no Maranhão e citou dois recentes, sendo que um já foi descartado. Apenas um segue sendo monitorado. Trata-se de uma jovem de 22 anos que continua sob estado de observação em uma UPA na capital.

Lula disse que casos de Influenza, como as gripes A e H1N1 já somam noves só nestes dois primeiros meses de 2020 e informou que já teve um caso de óbito, sem revelar maiores detalhes. Ele acredita que os casos devem aumentar.

O Hospital São Domingos, em nota ao Blog do Luis Cardoso, informou também que naquele local estão sendo tratadas vítimas da Influenza, mas não disse se houve algum óbito.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Prefeito Edivaldo reinaugura Unidade de Saúde da Família do São Francisco totalmente reformada

O prefeito Edivaldo Holanda Junior reinaugurou, na manhã desta sexta-feira (28), a Unidade de Saúde da Família do São Francisco que passou por uma reforma estrutural e ganhou novas instalações, ampliando a capacidade de atendimento na atenção básica às comunidades do bairro e do entorno. Esta é a quinta unidade entregue dentro de um amplo pacote de reformas iniciadas no segundo semestre de 2019 em mais de 20 unidades de saúde. Na semana passada, dia 18, o prefeito Edivaldo reinaugurou o Centro de Saúde do Quebra Pote. As requalificações integram o eixo de reestruturação da rede municipal de saúde do programa São Luís em Obras.

Durante a vistoria, o prefeito Edivaldo reafirmou a importância da reestruturação dos postos para o fortalecimento da rede de atenção básica de saúde. “Seguimos cumprindo a entrega de uma unidade de saúde por semana. Semana passada, antes do Carnaval, reinauguramos o Centro de Saúde do Quebra Pote. Hoje, estamos entregando a Unidade de Saúde da Família do São Francisco. Estamos com obras em 20 de unidades, que estão passando por reformas estruturais, com ampliação da estrutura física, recebendo novos equipamentos, fortalecendo ainda mais o atendimento à população. É o programa São Luís em Obras permitindo também a reestruturação da nossa rede de atenção básica”, disse.

REFORMA

A Unidade de Saúde da Família do São Francisco foi totalmente reformada, com melhora na ambiência e no fluxo interno, além da criação de novos espaços. Foram executados serviços de reforma do telhado e piso. As instalações elétricas e hidrossanitárias foram substituídas, além dos equipamentos e tubulações que servem aos consultórios médicos. O centro também foi totalmente climatizado.

A unidade ganhou quatro novos consultórios e foi também totalmente modernizada, passando a contar com prontuário eletrônico, que irá agilizar a marcação de consultas e exames. A sala de imunização foi informatizada e vai garantir um acompanhamento mais eficaz do cumprimento do calendário vacinal das crianças.

A unidade conta com três equipes de Saúde da Família, serviço de Odontologia e equipe multiprofissional. A completa reestruturação vai possibilitar melhor funcionamento do espaço, que tem capacidade técnica para acompanhar 12 mil pessoas.

A unidade também será contemplada pelo programa Saúde na Hora, do Ministério da Saúde, que irá possibilitar a ampliação do horário de atendimento. A partir de agora ela funcionará uma hora a mais durante a semana, das 7h às 18h, e passará também a atender aos sábados, das 7h às 12h, permitindo que quem não tem tempo de vir durante a semana possa ter acesso aos serviços no horário ampliado. Com isso, será possível oferecer atendimentos como consultas médicas e odontológicas, coleta de exames laboratoriais, aplicação de vacinas e pré-natal a um número maior de pessoas.

MELHORIA DOS SERVIÇOS

Para os usuários da unidade, os serviços vão melhorar ainda mais após a reforma. Taurina de Jesus Mendes Silva, que além de paciente da Unidade de Saúde da Família do São Francisco, é conselheira Municipal de Saúde, afirmou que o atendimento na unidade sempre foi muito bom, mesmo durante a reforma, mas agora vai ficar melhor. “Com a reforma a gente vai ter mais serviços, o horário de atendimento foi ampliado, então, com certeza vai melhorar muito, sim”, comentou.

Analina Costa Pereira disse que a nova estrutura da unidade de saúde vai reforçar o trabalho que as equipes de Saúde da Família fazem nos bairros do entorno. “Com esta reforma vai melhorar muito, sim, porque os médicos já atendem muito bem todos os pacientes que vem encaminhados pelas equipes do Saúde na Família”, disse.

REESTRUTURAÇÃO

Por meio do programa São Luís em Obras a rede municipal de Saúde está sendo reestruturada e o atendimento na atenção básica reforçado e ampliado. Por meio do programa já foram totalmente reformadas e reinauguradas o Centro de Saúde Genésio Ramos Filho, a Unidade de Saúde da Vila Sarney, o Centro de Saúde do Quebra Pote e a Ouvidoria da Secretaria Municipal de Saúde. Também já foram entregues alas do Hospital de Urgência e Emergência Dr. Clementino Moura (Socorrão II) que foram reformadas

Ao todo, mais de 20 unidades de saúde estão passando por reformas entre elas estão o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) da Alemanha e os centros de saúde da Cidade Olímpica, Santa Clara e Vila Bacanga entre outros equipamentos da área como a Escola Técnica do SUS.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

População de Imperatriz ganha duas novas ambulâncias para reforçar o atendimento na cidade

O Secretário municipal de Saúde da prefeitura de Imperatriz Alair Batista Firmiano esteve em São Luis, representando o prefeito da segunda maior cidade do Maranhão, Francisco de Assis Andrade Ramos nesta quarta-feira para receber do governador do Estado Flávio Dino, duas ambulâncias que serão destinadas a atender a população de Imperatriz imediatamente.

As ambulâncias foram adquiridas com emendas parlamentares destinadas pelos deputados estaduais Rildo Amaral do Solidariedade  e Marco Aurélio do PC do B.

Uma delas será destinada para atender ao Hospital Municipal de Imperatriz – o Socorrão e a outra será destinada ao uso da Unidade de Pronto Atendimento São José. O Secretário Municipal de Saúde Alair Batista Firmino destacou que essas ambulâncias permitirão mais conforto para os pacientes quando for necessário transferir para outras unidades de saúde e até mesmo para São Luis.

O secretário de saúde destacou ainda que os serviços de saúde em Imperatriz atende ainda mais de quarenta municípios vizinhos. E a meta da atual gestão é melhorar o atendimento na área da atenção básica de saúde.

Participaram da cerimônia de entrega das ambulâncias, além do Governador Flávio Dino, o Secretário Estadual de Saúde, Carlos Lula, além do Presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão Presidente Othelino Neto, Parlamentares, e autoridades de Saúde do Estado.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

ALERTA! Hospital São Domingos registra caso de criança com Coronavírus em São Luís

Uma criança foi internada no Hospital São Domingos, em São Luis do Maranhão, com um quadro de desconforto respiratório no dia 02 de dezembro e teve alta da UTI no dia 23 do mesmo mês de dezembro do ano passado. No laudo, a médica informa que “a paciente com quadro viral de pneumonia viral (Coronavírus OC43 e Parainfluenza 3). 

Alguns pacientes tomaram conhecimento e estão pedindo que seus parentes sejam retirados imediatamente do hospital por causa da doença. O Blog não confirma tratar-se do mesmo Coronavírus que vem matando pessoas no mundo, notadamente na China.

O titular do Blog ligou e foi atendido pelo setor de comunicação do hospital e ficou aguardando sem retorno uma pessoa autorizada para falar sobre o assunto. No laudo abaixo, o Blog do Luis Cardoso omitiu o nome da criança. Confira o laudo abaixo:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Roseana fala do quadro de saúde do seu pai o ex-presidente José Sarney

Minuto Barra

A ex-governadora do Maranhão Roseana Sarney comentou na tarde desta segunda-feira(6) quanto ao estado de saúde do seu pai, o ex-presidente José Sarney.

Questionada pelo Blogueiro Gildásio Brito de como estava o quadro de saúde do ex-presidente, Roseana respondeu; “Foi tirar um sinal e já está em casa”.

José Sarney tem 89 anos e é casado com dona Marly

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Sarney não infartou, mas fez cirurgia no Hospital UDI

Informações ao Blog do Luis Cardoso dão conta que o ex-senador José Sarney não teve nenhum infarto como andaram comentando hoje, segunda-feira (06) nas redes sociais. O ex-presidente da República fez um procedimento cirúrgico no Hospital UDI.

Foi o próprio Sarney quem agendou sua ida ao hospital. Pela manhã ele deu entrada para a retirada de um sinal incomodo e minutos depois foi liberado e encontra-se em sua residência no Condomínio Morano, na Península da Ponta da Areia.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Descaso: Aparelho que custou quase R$ 1 milhão nunca foi usado por hospital

Aparelho para diagnóstico de doenças hepáticas, comprado em 2017, custou R$ 810 mil e nunca foi instalado

Equipamento está sem uso no CEM Diamante

Em uma inspeção realizada no Centro de Especialidades Médicas e Diagnóstico Dr. Luiz Alfredo Netto Guterres (CEM Diamante), no último dia 12, pela 19ª Promotoria de Justiça Especializada de Defesa da Saúde, foi constatado que o equipamento Fibroscan, adquirido pelo Estado do Maranhão em 2017 e que é usado para avaliar a presença de fibrose e esteatose (gordura) no fígado, encontra-se ainda sem utilização.

A vistoria, que foi coordenada pela titular da 19ª Promotoria de Justiça Especializada, Glória Mafra, faz parte de um Inquérito Civil (nº 026330-500/2018), instaurado após informação prestada pela própria Secretaria de Estado de Saúde, de que o equipamento (nota fiscal nº 8807) estava no almoxarifado do Estado do Maranhão desde o dia 13 de setembro de 2017.

O aparelho custou R$ 810 mil e foi adquirido com recursos do Ministério da Saúde, por meio do Programa Federal das Hepatites Virais. O equipamento foi encontrado pelo MPMA no CEM Diamante dentro da embalagem original.

“Este é o único aparelho existente no Maranhão. Nem mesmo na rede particular de saúde há um equipamento semelhante disponível, daí a importância de garantirmos o seu funcionamento”, afirmou Glória Mafra.

Conforme documento no inquérito civil, o Fibroscan chegou às dependências do centro médico em 29 de abril deste ano e nunca foi instalado. A informação foi confirmada pelo encarregado do almoxarifado central da Secretaria de Saúde, Haroldo Baptista, responsável pelo envio do aparelho ao CEM Diamante.

Entre as vantagens da utilização do Fibroscan para os pacientes, estão o fato de ser menos invasivo, indolor e mais seguro que a biópsia, que exige anestesia e demanda uso de leito. Além disso, o equipamento pode propiciar agilidade no atendimento e resposta do exame em tempo real (o laudo é obtido de imediato).

PROVIDÊNCIAS

Diante da constatação do fato, a promotora de justiça informou que vai encaminhar ofício à importadora do Fibroscan para saber se a garantia do equipamento foi perdida e para indicar uma empresa que avalie, segundo aspectos técnicos, se o equipamento possui condições de uso.

Caso o equipamento ainda esteja em condições de uso, o MPMA vai propor à Secretaria de Estado da Saúde (SES) um acordo para que o equipamento seja colocado em funcionamento, com a definição de prazo. “Em caso de impossibilidade de funcionar no CEM Diamante, vamos sugerir que o aparelho seja cedido, em regime de comodato, ao Núcleo de Fígado do Hospital Universitário da Ufma”, afirmou Glória Mafra.

A própria direção da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), que administra os hospitais universitários, já havia declarado interesse no empréstimo do Fibroscan, tendo informado que possui três profissionais habilitados para operacionalizar o aparelho.

No decorrer do inquérito, em fevereiro deste ano, a Promotoria de Defesa da Saúde, ao saber da notícia de que o Fibroscan estaria sem funcionar no almoxarifado da SES recomendou a cessão ao Hospital Universitário sem custos para o Estado do Maranhão. Em resposta, a secretária-adjunta de Assuntos Jurídicos da Secretaria de Saúde, Lídia Schramm, informou que o equipamento será instalado no Centro de Imagem do CEM-Diamante, sem mencionar o prazo.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.