Voo que ia para Belém retorna à São Luís e causa confusão no aeroporto

Um voo impedido de pousar na cidade de Belém (PA) voltou a São Luís e gerou muito tumulto no aeroporto de Marechal Hugo Cunha Machado, na manhã desta segunda-feira (26). O voo que ia para a capital paraense não pousou por falta de condições climáticas para a operação.

Cansados de esperar dentro da aeronave sem informações, os passageiros resolveram descer para cobrar da companhia informações sobre a demora na chegada ao destino.

De acordo com o passageiro identificado como Virgulino Rodrigues, a empresa aérea não deu assistência aos passageiros e nem informações como iria proceder após o retorno da aeronave. “Eles queriam que a gente ficasse esperando dentro do avião sem saber de nada”, reclamou. Virgulino acrescentou que estava no eroporto de São Luís desde as 6h desta segunda-feira e que as bagagens estavam ainda dentro do avião.

Os passageiros revoltados com a situação, começaram a pedir informações, através de manifestação, aos funcionários da empresa que tentavam resolver a situação. A polícia foi acionada para conter o tumulto. Segundo uma testemunha que não quis se identificar, a polícia tentou deter um passageiro, mas os outros impediram a ação.

A companhia incluiu os passageiros em um voo no horário de 11h30 com destino a Belém, os demais que pretendiam outro destino tiveram que esperar mais tempo por outra aeronave. A reportagem tentou contato com a assessoria da companhia mas não obtivemos retorno.

Confira um vídeo feito por um passageiro que estava no momento e registrou parte do tumulto.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

MPF/MA quer que o município de Paço do Lumiar regularize a prestação de serviços do SUS

MPF/MA

O Ministério Público Federal no Maranhão (MPF/MA), por meio de ação civil pública, quer que o município de Paço do Lumiar (MA) regularize os serviços prestados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Foram identificadas inúmeras irregularidades na prestação de serviços realizada nos postos de saúde das localidades de Iguaíba, Pau Deitado, Paranã, Itapera, Pindoba, Vila São José, Mocajituba, além da Unidade Mista do Maiobão e da Unidade de Saúde Básica de João Pedro.

Também foram encontrados problemas no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) e no Centro de Especialidades Odontológicas (CEO). Os problemas foram apontados após a realização de vistorias da Vigilância Sanitária e de auditorias realizadas pelo Departamento Nacional de Auditoria do SUS (Denasus).

Entre as irregularidades encontradas estão a falta de esterilização, limpeza e conservação dos equipamentos e dos consultórios, a suspensão da realização de exames de raios-X, além da falta de medicamentos e de material de trabalho. A ausência de veículos para dar suporte às unidades de saúde e os problemas no abastecimento de água prejudicam a qualidade dos serviços prestados à população.

No Caps e no CEO de Paço do Lumiar, além dos problemas de adequação às normas da Vigilância Sanitária, foram identificadas irregularidades referentes à organização de registros dos pacientes e número de profissionais insuficiente para atender às comunidades.

Consta, também, nas auditorias realizadas pelos órgãos responsáveis, que a Secretaria Municipal de Saúde de Paço do Lumiar não tem um sistema de controle de gastos efetivo, e que não há um plano de cargos, carreiras e salários para os funcionários. Profissionais das equipes dos programas Saúde na Família e Saúde Bucal não estariam cumprindo a carga horária de trabalho exigida, que é de 40 horas semanais, causando transtornos para quem necessita dos serviços.

Diante desse quadro, o MPF quer que o município de Paço do Lumiar cumpra, imediatamente, as exigências do Denasus em todos os postos onde foram encontradas irregularidades, que a União fiscalize de maneira eficaz a aplicação dos recursos destinados à área da saúde, repassados ao município e que os problemas de ordem administrativa identificados na Secretaria de Saúde sejam sanados.

Em caso de persistência dos problemas, o MPF solicita a suspensão dos repasses de verbas federais para a saúde ao município de Paço do Lumiar.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Milhomem pede que CGU realize auditória na obra de reforma do aeroporto

Agência Assembleia

Deputado Tatá Milhomem (PSB)Deputado Tatá Milhomem (PSB)

Líder do Bloco Parlamentar pelo Maranhão, o deputado Carlos Alberto Milhomem (PSD) apresentou indicação na Assembleia Legislativa, publicada na edição desta segunda-feira (26), do Diário Oficial da Casa, solicitando ao ministro chefe da Controladoria Geral da União, Jorge Hage, que autorize a realização de uma auditoria nos contratos e outros e procedimentos da obra de reforma e ampliação do aeroporto internacional Marechal Hugo da Cunha Machado.

O pedido do deputado deve-se ao fato da Infraero, responsável pela execução da obra, ter adiado, pela quarta vez consecutiva, a entrega dos serviços – eles deveriam ter sido concluídos em fevereiro e o novo prazo, divulgado no início deste mês, estabelece o mês de maio para entrega.

Além dos inúmeros transtornos causados as centenas de pessoas que, diariamente, utilizam o aeroporto, Tatá Milhomem justificou o pedido alegando que o valor da obra, orçado em R$ 10,7 milhões, em função dos atrasos da Infraero, ficou mais caro cerca de R$ 600 mil.

“O povo de São Luís e o estado do Maranhão não podem mais ficar sendo desrespeitados desta forma. Os órgãos federais, inclusive os de controle, precisam tomar providências urgentes”, disse o parlamentar.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Assassinato do pecuarista está esclarecido

Folha Maranhão

Suspeitos de assassinar o pecuarista. Foto: Folha MaranhãoSuspeitos de assassinar o pecuarista. Foto: Folha Maranhão

IMPERATRIZ- O assassinato do pecuarista Braz Josias Cabrini, que estava desaparecido desde a última terça-feira (20), após autorizar saque de R$ 69 mil na agência do Banco do Nordeste, em Imperatriz, está esclarecido. O fazendeiro de Porto Franco, João Helisson Damasceno, o “Juju”, foi preso como mandante do crime. Outros três homens (foto) foram presos por participação neste assassinato. Se forem condenados, os envolvidos podem ser condenados de 12 a 30 anos de reclusão.

Em entrevista coletiva concedida na manhã deste domingo (25), o delegado regional de segurança, Francisco de Assis Ramos, e o delegado Fairlano Ayres explicaram que o crime foi planejado e executado quase com perfeição.

Segundo o delegado Assis Ramos, João Helisson havia contraído dívida de quase R$ 250 mil referente à compra de cerca de 200 bezerros e mandou matar o pecuarista para não ter que pagar a conta. Parte do montante que havia sido pago (R$ 69 mil) teve o saque autorizado pelo pecuarista antes de seu desaparecimento.

Prisões

A polícia prendeu três homens por envolvimento no crime. Dois deles, Adriano Célio da Silva Colaço, 23 anos, e Diego Rômulo Monteiro, conhecido por “Júnior”, foram acusados de executar a vitima com doze tiros de pistola 380.

O corpo do pecuarista foi encontrado no último sábado (24) em um matagal, em local de difícil acesso, nas imediações da Vila Davi II e próximo ao local onde está sendo construído o presídio da cidade, já em avançado estado de decomposição.

“Foi uma trama inicialmente bem feita, mas deixou vestígios”, ressaltou o regional acrescentando que o fio da meada foi a prisão de Adriano Célio na última sexta-feira portando documentos falsos e uma quantidade em dinheiro. Esse homem foi reconhecido por funcionários do banco como a pessoa que fez o saque do dinheiro. Em depoimento, Adriano entrou em contradição e acabou confessando participação no crime e revelando o local onde o corpo havia sido dispensado.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Tibetano ateia fogo no corpo contra visita de presidente chinês à Índia

Janphel Yeshi colocou fogo no próprio corpo em protesto (Foto: AFP)Janphel Yeshi colocou fogo no próprio corpo em protesto (Foto: AFP)

Um exilado tibetano ateou fogo ao corpo nesta segunda-feira (26) em Nova Délhi durante uma manifestação de protesto contra a visita que o presidente chinês, Hu Jintao, fará em breve à Índia. O protesto ocorre dias antes da Quarta Cúpula dos Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), que ocorrerá entre 28 e 29 de março, em Nova Délhi, e terá a presença da presidente Dilma Rousseff.

O homem, de 27 anos, identificado como Janphel Yeshi, colocou fogo no corpo em pleno centro da capital indiana, segundo fontes policiais. Ele foi levado para um hospital e, segundo a agência de notícias Associated Press, teve 85% do corpo queimado e seu estado é crítico. Ao menos 30 tibetanos já atearam fogo contra o corpo no último ano contra o controle chinês na região do Tibete e pela volta do Dalai Lama à região – 20 deles morreram.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

BR-135: a rodovia da morte no Maranhão

Por Dayse Karol

Jornalista do Blog do Luís Cardoso

Já virou rotina para os maranhenses as notícias sobre mortes na BR-135. Quase que diariamente ocorrem acidentes graves na área. A situação piora nos finais de semana, onde o movimento aumenta, com pessoas deixando e retornando à capital.

O problema é que por terra, não há outra alternativa. O acesso à ilha de São Luís se dá apenas pela BR-135. Até aí tudo bem. Mas o que não dá para entender é porque uma rodovia tão importante, e de fluxo tão intenso de veículos, ainda não foi duplicada.

Quantas vidas já foram perdidas? quantas famílias mutiladas e com suas histórias interrompidas nas curvas da estrada? Diversos governantes prometeram em suas campanhas a duplicação da BR, mas até agora nada foi feito.

Prazos foram dados, datas marcadas para o início das obras e tudo continua do mesmo jeito. Sabemos que por se tratar de uma rodovia federal, os recursos devem vir do governo federal, mas para isso nossas autoridades e representantes competentes devem pressionar e cobrar da Presidência da República.

Enquanto isso ficamos à mercê da sorte, rezando para que Deus livre nossos parentes e amigos. Ou simplesmente ficamos literalmente “ilhados”, evitando deixar São Luís de carro ou de ônibus. O superintendente do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (DNIT) no Maranhão precisa dar uma satisfação aos maranhenses. E enquanto a duplicação não ocorre, é necessário ações de controle do tráfego para evitar mais acidentes.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Washington Oliveira vence Bira do Pindaré na 1ª prévia do PT

O atual vice-governador do estado Washington Oliveira ganhou a primeira prévia que define quem será o candidato do Partido dos Trabalhadores (PT) à prefeitura de São Luís. Seu oponente foi o deputado estadual Bira do Pindaré.

O resultado da votação dos delegados do partido foi o seguinte:  1.035 votos para Washington contra 808 para Bira do Pindaré. No dia 15 de abril será realizada a última votação que vai defnir o candidato a representar o PT nas eleições municipais de 2012 na capital maranhense.

Na votação do dia 15, Washington terá a seu favor 124 delegados, enquanto Bira terá 96.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Após estatização, Fundação Sarney está abandonada no Maranhão

Local abriga além de acervo do presidente do Senado, sala com quadros do clã vestido em roupas religiosas, como Roseana retratada como freira.

Wilson Lima
iG

Fundação Sarney fechada. Foto: Wilson Lima/iG MaranhãoFundação Sarney fechada. Foto: Wilson Lima/iG Maranhão
Pouco mais de cinco meses após a aprovação da lei que estatizou a fundação José Sarney, a sede da instituição em São Luís está fechada, sem perspectiva de ser aberta ao público.

Do lado de fora, um cadeado tranca a principal entrada do prédio e ao lado do prédio, o mato alto é o retrato do abandono do local que abriga o acervo do presidente do Senado, José Sarney (PMDB).

Em 19 de outubro do ano passado, a Assembleia Legislativa do Maranhão aprovou a lei que criou a Fundação da Memória Republicana e extinguiu a Fundação José Sarney. Na época, a governadora do Estado, Roseana Sarney (PMDB), encaminhou o projeto à Assembleia em regime de urgência alegando que a entidade vivia uma grave crise financeira. Roseana dizia ter receio do destino do acervo do ex-presidente, composto por mais de 23 mil documentos, 25 mil livros e 1,1 milhão de textos.

Após a aprovação do projeto de lei, a Fundação foi vinculada à Secretaria Estadual da Educação (Seduc) do Maranhão mas, quase seis meses após a aprovação da lei, não foi encaminhada à Assembleia Legislativa projeto de dotação orçamentária da nova entidade (algo que estava previsto no projeto de lei). Estima-se que a entidade custe cerca de R$ 1 milhão ao ano.

A Fundação está fechada desde o final de abril de 2011 e na prática mantém apenas três soldados da Polícia Militar que fazem a vigilância no local e cinco funcionários de serviços gerais, responsáveis pela conservação interna da sede da fundação. Do lado externo, uma área serve como uma pequena lixeira para moradores do bairro Portinho, no Centro Histórico de São Luís. Segundo moradores, crianças encontraram ratos e baratas no local.

Fundação Sarney está abandonada no Maranhão. Foto: Wilson LimaFundação Sarney está abandonada no Maranhão. Foto: Wilson Lima

Após o fechamento à visitação pública, o Convento das Mercês, sede da Fundação abriu as portas em apenas duas ocasiões: na festa de final de ano promovida pelo presidente do Senado e na aula de abertura do ano letivo de 2012 da Escola de Música do Bom Menino das Mercês, há exatamente uma semana.

Além disso, a reforma iniciada ainda no primeiro semestre do ano passado caminha a passos muito lentos, conforme informações de pessoas que moram ao lado da entidade. “A governadora encaminhou o projeto de lei para a Assembleia em regime de urgência porque não queria o debate. Não havia intenção nenhuma de resguardar o acervo”, disse o líder da oposição na Assembleia Legislativa do Maranhão, Marcelo Tavares (PSB).

Santos. Além do acervo do ex-presidente, a Fundação José Sarney também mantém uma sala de difícil acesso com quadros de familiares e amigos do pemedebista encarnando figuras religiosas e cristãs.

Na sala, há Roseana Sarney retratada como uma freira, com a faixa de governadora; José Sarney como padre; o filho do presidente do Senado, o empresário e vice-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Fernando Sarney, como pastor de ovelhas, entre outros como também o ex-presidente da Fundação, o advogado José Carlos Sousa e Silva.

Essa sala dificilmente é aberta à visitação. Ela fica na parte superior do prédio direita do Convento das Mercês, entre uma sala vip e um dos auditórios da Fundação. São mais de 30 quadros do tipo que estão abrigados na entidade. “Eu acho de péssimo gosto. É um verdadeiro culto à personalidade, mas com dinheiro público. É algo parecido com o que fazia Saddam Hussein”, afirmou Tavares. Ainda não se sabe se, com a Fundação Pública, essa sala será aberta para a visitação.

A crise na Fundação José Sarney, hoje da Memória Republicana, começou em 2009 quando o jornal O Estado de São Paulo denunciou possíveis desvios de recursos públicos por meio da entidade. Em janeiro do ano passado, o Tribunal de Contas da União (TCU) acatou denúncia por suposto desvio de recursos da Petrobras por gestores da Fundação José Sarney. Pelo menos R$ 500 mil de convênios da ordem de R$ 1,3 milhões teriam sido desviados para empresas de fachadas em São Luís.

Os responsáveis pela Fundação não responderam ao iG até o fechamento desta reportagem.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Assaltantes invadem Igreja Católica da Vila São Luís

Na manhã desta sexta-feira (23), os moradores da Vila São Luís, na Área Itaqui-Bacanga, tiveram uma grande surpresa ao passarem em frente a igreja católica do bairro. O prédio estava com as janelas abertas com sinais de arrombamento. Quando entraram na igreja, as pessoas se depararam com o templo religioso todo revirado e perceberam que vários objetos haviam sido roubados.

O ex-coordenador da comunidade, Francisco Ribeiro, de 50 anos, informou que os assaltantes entraram pelo teto e após pegar os objetos de maior valor, arrombaram as janelas, por onde fugiram levando os frutos do crime.

Ainda segundo Ribeiro, os criminosos levaram microfones, a mesa de som, o cofre, além de paramentos religiosos que estavam no sacrário do templo.

Francisco Ribeiro registrou Boletim de Ocorrência no 5º Distrito Policial do Anjo da Guarda, que investigará o caso.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Governadora comprou mais de 16 toneladas de carne

Isso mesmo: o Governo do Estado comprou para as casas da governadora Roseana Sarney e de seu vice, Washington Oliveira, 16.258 kg de carnes, entre carnes bovinas, suínas e aves. E tudo isso com dinheiro público.

Foram mais de uma tonelada de filé mignon (1440 kg), sobrecoxa de frango (1336 kg) e galinha fresca abatida (1184 kg). Isso sem contar nos derivados de boi e porco. E olha que a governadora, seu marido e o vice-governador são pessoas bem esbeltas.

Esta quantidade de carne daria para fazer um churrasco para 20 Castelões lotados. Enquanto isso o povo maranhense morre de fome.

Isso é que é comer bem!

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Apae realiza campanha para ampliação de abrigo

Doações contribuem para o atendimento a portadores de necessidades especiais.Doações contribuem para o atendimento a portadores de necessidades especiais.

A Associação dos Pais e Amigos dos Execepcionais de São Luís realiza campanha de doações para ampliação e manutenção do abrigo que serve como alojamento para os acompanhantes de pessoas portadoras de necessidades especiais, que vêm do interior do estado, em busca de tratamento na capital.

O alojamento possui atualmente capacidade para atender de 25 a 30 crianças e jovens. A instituição oferece tratamento de saúde, acomodação e alimentação aos portadores de necessidades especiais e seus acompanhantes.

A Apae atua há 40 anos no estado tentando amenizar as limitações e melhorar a qualidade de vida de portadores de necessidades especiais. A reforma do alojamento vai proporcionar um melhor atendimento a quem precisa dos serviços, já que muitas famílias do interior do estado deixam de trazer suas crianças e jovens por não terem onde ficar durante o tratamento.

A Apae funciona na Rua Outeio da Cruz, próximo ao Estádio Castelão. Para colaborar com a campanha basta ligar: 3216-4221. As atendentes do telemarketing farão seu cadastro. Você pode doar qualquer quantia. Ajude você também.

Dados da Conta:

Banco do Brasil: Agência: 0020-5     Conta Corrente: 5646-4

Atenção: Antes de fazer o depósito ligue: 3216-4221. A Apae e os portadores de necessidades especiais agradecem.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Delegada pede prisão de donos da Eletromotos

Anúncio da EletromotosAnúncio da Eletromotos

Atenção consumidores: a modalidade compra premiada continua fazendo vítimas emn nosso estado. Depois de várias denúncias, a delagada do consumidor Uthânia Moreira pediu a prisão dos donos da Eletromotos, o empresário Averaldo Isidoro Araújo, seu irmão Carlos Augusto de Júnior de Freitas e a filha dele, Patrícia de Freitas por lesar compradores a exemplo do que aconteceu com as pessoas prejudicadas pela Eletromil.

Carlos Augusto prestou depoimento à Delegacia do Consumidor e informou que o irmão Averaldo está foragido. Eles também são sócios da Megamotos.

A delegada aguarada a decretação da prisão pela justiça. Agora resta saber se esta será decretada, porque estranhamente, até agora, a prisão do proprietário da Eletromil não foi. Enquanto isso os consumidores prejudicados aguardam as providências para reparação dos danos.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.