Em vídeo, Tainá diz que apanhava do marido e passava fome, desmontando campanha da TV record

Tainá Queiroz, 18 anos, gravou um vídeo em que desmascara seu ex-marido Raul Kennedy, ao mesmo tempo em que desmonta uma campanha maldosa da TV Record para ganhar audiência.

Na gravação, a jovem diz que saiu de casa, em Pilar do Sul, SP) com a filha Sophia (oito meses) para não mais passar necessidades e nem apanhar do companheiro Raul (19 anos), a quem afirma que sempre fui um marido infiel. Ela permanece guardada pelo Conselho Tutelar em aqui em São Luís e o cantor sertanejo, com quem ela fugiu, está em Pedrinhas respondendo por crime de estelionato.

O programa Cidade Alerta, da TV Record, apresentando por Luiz Bacci, que, na ânsia de buscar audiência, insiste todos os dias em um sequestro que não existiu, como mostra nos vídeos abaixo Tainá:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Jovem que fugiu com a filha e cantor sertanejo em São Paulo, foi achada em pousada no Calhau, no MA

Tainá, o marido e filha de oito meses
Tainá, o cantor e filha de oito meses
A polícia paulista que investiga o caso passou a tratar o sumiço das duas como “subtração de incapaz”, além de enquadrar o cantor como sequestrador. Contra ele pesa ainda o crime de estelionato por aplicar golpes em mulheres que estavam procurando namoros ou casamentos pela internet.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Reviravolta no caso do cantor sertanejo que sequestrou mão e filha e foi preso em São Luís

Conhecido no meio artístico como Nando, o cantor paulista foi preso em São Luís do Maranhão com uma jovem de 18 anos e a filha dela de oito meses, que teriam sido sequestradas por ele.

Foto Reprodução TV Record: Tainá, a filha, o cantor e o marido dela

O caso ganhou repercussão nacional depois que saiu em várias emissoras de TV e sites na internet sobre o sequestro de Tainá Queiroz, 18 anos, e a filha dela, Sofia Helena Silva, de apenas oito meses. Elas moravam em Pilar do Sul, São Paulo, mesma cidade onde estava residindo temporariamente o cantor.

O marido de Tainá,  Raul Kennedy da Silva, 19 anos, registrou queixa na delegacia desde o dia 3 de novembro passado  quando chegou de viagem e soube que sue patrão havia sequestrado sua esposa e a filha. Ele estava trabalhando para o sertanejo tem uns três meses.

A preocupação de Raul aumentou quando descobriu que o ex-patrão era procurado pela polícia de alguns estados por estelionato. O cantor aplicava o golpe do amor em suas vítimas, geralmente mulheres descasadas e ricas com a promessa de casar com elas e sempre levava vantagens financeiras.

Com a prisão dele, veio à tona a verdade que nem os familiares de Tainá desconfiavam: ela estava tendo um caso com o sertanejo e decidiu fugir com ele, desmontando a história de que havia sido sequestrada.

Aos programas de TVs, Tainá alegou que estava passando necessidades com a filha e que o marido a traia, além de espancá-la. Raul nega tudo e disse que quer apenas tomar a filha, com o que não concorda a mulher.

O cantor diz que a ama e que vai se entregar para a Justiça e responder pelos crimes de estelionato e vai dedicar sua vida para a nova família, como mostra o vídeo abaixo:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Wellington do Curso trama contra a candidatura de Zé Reinaldo Tavares ao Senado

Mansinho, cara de bobinho, mas ardiloso e feroz quando coloca seus planos para derrubar alguém ou atender interesses escusos. O deputado Wellington do Curso (PSDB) tramou para que os pré-candidatos do seu partido para federal e estadual não aceitem José Reinaldo Tavares como senador.

Do Curso atendente aos intere$$e$ do deputado federal Waldir Maranhão, que quer impedir Tavares e assim ser o segundo escolhido para disputar a vaga de senador pelo PSDB. O primeiro será Alexandre Almeida.

Percebendo a baixa na sua campanha de reeleição, notadamente na capital, o dono do Curso Wellington aliançou com Waldir Maranhão para obter apoio financeiro e eleitoral e promover a trama contra o ex-governador Tavares.

O parlamentar articulou assinaturas de mais de 30 candidatos impondo o nome de Maranhão e a retirada de José Reinaldo. A articulação ardilosa não agradou ao pré-candidato a deputado federal Eduardo Braide, que pretende olhar o ex-governador disputando uma vaga ao Senado.

Wellington decidiu peitar Braide e, ao que parece, vai sofrer a segunda derrota em dois anos para aquele que lhe tirou a vaga no segundo turno contra o prefeito Edivaldo Holanda. Portanto, o plano do dono do Curso visa atingir também Eduardo Braide para a vingança ser mais completa.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Marido flagra pastora de Bacabal no motel e faz escândalo; ela é conhecida no Maranhão

A Pastora Albeani Santos profetiza também pelo Maranhão. Natural de Bacabal (MA), e membro da Assembleia de Deus Pioneira, foi flagrada pelo marido em um motel, escandalizada e filmada enquanto o marido aguardava uma viatura para que fosse dado o flagrante do adultério, como se isso fosse crime, o que não é mais. 

Ela faz constantes visitas ao Maranhão e é muito conhecida nos meios evangélicos aqui em São Luís. Na semana passada ele estava no Rio de Janeiro, assim como viaja para vários estados e países.

Albeani só não contava que fosse um dia flagrada pelo marido em um motel, na cidade do Macapá, no Amapá, como mostram as imagens abaixo:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.