Operação de Evangelista

Recupera-se bem o presidente da Assembléia Legislativa do Maranhão, deputado João Evangelista, após ser submetido a uma operação, em São Paulo, para retirada de um tumor na cabeça.

A operação foi necessária depois que Evangelista, em São Luís, fez check-up e os médicos detectaram a presença do tumor.

Ao contrário do que foi divulgado, a operação foi previamente marcada, e não às pressas, que durou cerca de 4h, no Hospital do Coração, à rua Desembargador Eliseu Guilherme, no bairro Paraíso, em São Paulo. Até a postagem desta informação, Evangelista ainda estava na UTI.

Segundo informações médicas, seu estado é estável e o paciente deve ser deslocado amanhã cedo para um apartamento, onde ficará sob observação. Com Evangelista estão à família e o deputado médico Antônio Pereira.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Piauí tem R$ 2 bilhões para construção de cinco hidrelétricas

O Piauí vai receber recursos da ordem de R$ 2 bilhões para a construção de cinco hidrelétricas na Bacia do Rio Parnaíba, constituindo-se na maior obra do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) no Estado. Foi o que garantiu, nesta quinta-feira, 31, em Brasília, o ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, em audiência com o governador Wellington Dias.Logo após o encontro, o governador telefonou para o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, solicitando agilidade na abertura dos créditos, ainda no segundo semestre deste ano, para que as obras das hidrelétricas e a construção das reclusas na Barragem de Boa Esperança comecem antes do fim deste ano.

Wellington Dias, na reunião com Edson Lobão, reivindicou o resgate do Programa do Biodiesel, enfatizando prioridade na compra da produção de biocombustíveis a partir da mamona, do pinhão-manso, do babaçu, do dendê e da soja diretamente das mãos dos produtores familiares, e não de empresários do agronegócio.

“O problema é que o preço do quilo da mamona caiu de 90 centavos para 60 centavos, desestimulando a produção local”, disse o governador. Ficou então acertado que a partir dos próximos meses, a compra será feita por meio de leilões, já que a Ecodiesel não consegue competir com os grandes empreendedores do ramo. O objetivo é priorizar o pequeno agricultor.

No Palácio do Planalto, Wellington Dias participou de reunião com o ministro das Relações Institucionais, José Múcio, com quem discutiu a proposta de um cronograma de restos a pagar de projetos que foram empenhados no fim do ano passado. O dinheiro a ser liberado será destinado para construção e recuperação de estradas, pontes, barragens e delegacias policiais de Teresina e do interior do Estado. No mesmo encontro, foi decidida a participação de um grupo de trabalho ligado ao ministro que acompanhará governador do Piauí em sua viagem a Portugal, Espanha e Itália, a ser realizada na segunda quinzena de fevereiro.

Na Fundação Nacional de Saúde (Funasa), Wellington Dias acertou o convênio para a instalação de 160 sistemas simplificados de água, que estarão prontos ainda no primeiro trimestre deste ano. Até 2010, o Piauí terá mais 1.300 poços, num investimento de R$ 40 milhões, dos quais R$ 15 milhões na primeira etapa e o restante nos próximos dois anos.

Fonte: Portal AZ.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Edinho no PTB

Conforme anunciou a coluna, o senador Edison Lobão Filho vai mesmo assinar a ficha de filiação ao PTB. Ontem, antes de assumir o mandato, Edinho Lobão esteve reunido com o senador Epitácio Cafeteira, líder do PTB no Senado Federal.

Hoje, o novo senador do Maranhão entregará ao DEM documentos que podem provar sua inocência das acusações de uso de laranjas numa empresa distribuidora de cerveja e de que teria usado uma emissora de TV de forma irregular e de sonegação de impostos.

Edinho no PTB

O senador pretende, também, entregar ainda hoje ao corregedor do Senado, Romeu Tuma, a mesma documentação. Pedirá a Tuma que ouça o seu ex-sócio, Marco Antônio Costa, sobre a Bemar, empresa distribuidora de bebidas.

O ato de filiação ao seu futuro partido deve acontecer após o carnaval e depois que estiver tudo acertado para seu desligamento oficial do DEM, em comum acordo com os democratas.

Até breve

O prefeito de São Luis, Tadeu Palácio, disse ontem a um grupo de jornalistas que pretende voltar a dirigir a prefeitura, mas não descartou disputar o Governo do Estado se esta for a vontade do seu grupo político, que tem como líder maior Jackson Lago.

Tadeu disse que após o término do seu mandato pretende tirar férias, mas que aceita trabalhar se for convidado.

Boatos

O secretário de Saúde, Edmundo Gomes, não será candidato a nenhum cargo eletivo em 2008. Foi o que garantiu ontem o prefeito Tadeu Palácio, amigo de Edmundo Gomes. “Ele me disse que não será candidato a nada”. Informou o prefeito.

Aviso

“Eleição à Prefeitura de São Luís é como corrida de Fórmula 1. Quem não tiver com o tanque cheio poderá não chegar nem ao final”, aviso de quem já ganhou eleição no primeiro turno, prefeito Tadeu Palácio.

Parceria

O Jornal A Tarde, quarta maior tiragem e quarta maior circulação dentre os dez diários de São Luís, embora com apenas sete meses, acaba de firmar parceria saudável com o Portal AZ, empresa comandada de forma competente pelo jornalista Arimatéia Azevedo.

O acordo faz parte da meta de expansão do Jornal A Tarde, que começou a circular desde domingo em Teresina, Timon e estará presente, a partir do dia 15 em Brasília.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Na mosca

O blogue do jornalista Luis Cardoso foi quem divulgou primeiro o convite feito pelo senador Epitácio Cafeteira ao empresário Edinho Lobão para que se filie ao PTB, conforme informou ontem o blogue do jornalista Marcos Deça.

Ontem, no período da noite, a assessoria do suplente informava que havia inclinação de Edinho pelo Partido Trabalhista Brasileiro, apesar do assédio do PMDB e outros partidos.

Recuo de Sarney I

Em política, o senador José Sarney nunca deu murro em ponta de faca. Em 2006, mesmo quando a filha senadora Roseana ostentava números animadores em todas as pesquisas de intenção de votos para ganhar a eleição no primeiro turno, sempre ficava com um pé atrás.

Depois de conversar com prefeitos e outras lideranças políticas, achava que era mais fácil ganhar com Edison Lobão. Foi carta vencida.

Recuo de Sarney II

Depois de enfrentar a ministra Dilma Rousseff na disputa pela indicação no Ministério de Minas e Energia, emplacou Edison Lobão e saiu de cena. Dias depois, Sarney foi mais além e tentou colocar o técnico Evandro Coura na presidência da Eletrobrás. A batalha foi dura e Sarney foi vencido.

Recuo de Sarney III

Ao sentir que não teria mais forças no combate com a poderosa ministra da Casa Civil, o senador usou aquela velha tática: quando não se pode ganhar do inimigo é melhor aliar-se a ele. E foi o que aconteceu.

Recuo de Sarney IV

Depois de conversar com Dilma Rousseff, por telefone, Sarney aceitou receber em sua casa, no Calhau, a visita do técnico petista Flávio Decatt, preferido da ministra.

A conversa durou pouco, tempo suficiente para convencer o ex-presidente da República.

Volta por cima

Para não ficar no completo prejuízo, o senador José Sarney conseguiu convencer a ministra da indicação do engenheiro Astrogildo Quental para a diretoria financeira da Eletrobrás. Quental era ex-diretor financeiro da Eletronorte e foi secretário de Obras no Maranhão nos Governo Lobão e Roseana.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Na muda

O senador José Sarney encontra-se em São Luís desde o início de janeiro. Tem evitado a imprensa assim como o diabo corre da cruz.

Em sua residência, no Calhau, acompanha tudo por telefonema de aliados e por assessores mais próximos do presidente Lula.

Sarney só retorna a Brasília após o recesso palamentar, período em que espera que os cargos do setor elétrico estejam definidos e a situação do futuro senador Edinho Lobão não seja mais problema.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Primeira reunião

Depois de participar da reunião coletiva (todos os ministros) com o presidente da República, no Palácio do Planalto, quarta-feira passada, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão terá seu primeiro despacho com Lula.

A reunião está programada para as 14h de amanhã no gabinete presidencial. Segundo fui informado, Lobão detalhará ao presidente o andamento das ações da sua Pasta e levará ao conhecimento de Lula novas metas que poderão ser introduzidas ainda este ano no calendário do MME.

Duas delas: a reabertura de duas usinas nucleares e o cumprimento da meta do programa Luz Para Todos em todo o país, notadamente no Nordeste. Só no Maranhão, por exemplo, o programa não atingiu a média nacional que foi de 90%.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

A Tarde em Teresina

O Jornal A tarde, de nossa propriedade, começou a circular desde ontem nas bancas de Teresina. E fez sucesso, segundo informa o responsável pela distribuição na capital do Estado do Piauí.

Simultaneamente iniciamos a distribuição na vizinha cidade de Timon, com ótima aceitação.

Em poucos dias, seremos o segundo jornal do Maranhão a circular diariamente em Brasília.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Despesa do lixo

A Prefeitura de São Luís gasta R$ 3,5 milhões mensais com a limpeza da cidade. A princípio a cifra espanta, mas se levarmos em consideração que a capital tem quase um milhão de habitantes, a conta não sai salgada para os bolsos dos contribuintes.

Por pessoa pagamos para as empresa responsáveis pelo recolhimento do lixo (ou resíduo sólido como queiram alguns) Limpfort, Limpel e Coliseu aproximadamente R$ 4. Somando os números por residência e estabelecimento comercial, cada qual paga por mês perto de R$ 9. Ou seja: menos de 3% do salário mínimo vigente.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Novos jornais

Anunciam para o começo de março a estréia de mais dois jornais diários em São Luís. Teremos, então, 14 matutinos. Nada mal.

Novos empregos para profissionais (jornalistas, publicitários, secretárias, contínuos, motoristas e gráficos) serão abertos. Sem falar que o público leitor terá mais opções de notícias.

No Rio de Janeiro (aí não vai nenhuma comparação), 22 jornais circulam diariamente no Estado e todos podem ser lidos pela internet. Além disso, mais oito circulam fora do alcance virtual.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Ameaça de greve

No Rio de Janeiro policiais militares e do Corpo de Bombeiros fizeram hoje pela manhã passeata em protesto contra o que consideram baixos salários.

Coronel carioca quer que seu soldo seja equivalente a um salário de delegado, algo em torno de R$ 9 mil.

No Maranhão, o salário de um coronel fechado não ultrapassa a R$ 6 mil. Um soldado (praça) recebe aproximadamente R$ 900.

Em Brasília (maior salário do país), segundo constatei quando estive semana passada na capital federal, inicia-se um movimento dos militares para igualar os soldos aos que percebem delegados e agentes civis. Um delegado ganha R$ 9 mil, e um agente R$ 3,5 mil.

Um soldado de Brasília recebe R$ 2,5 mil mês.

O ideal mesmo é que os salários fossem unificados, até porque as policias são as mesmas, exercem tarefas semelhantes e se expõe do mesmo modo a todo tipo de crimes.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.