O silêncio do prefeito Eduardo Braide enquanto a população de São Luís sofre com a falta de água

    Em várias cidades maranhenses, a exemplo de Santa Inês, prefeitos estão ameaçando privatizar o sistema de abastecimento de água potável em virtude do descaso e incompetência da Caema, órgão estadual responsável pelos serviços.

    Foto do G1

    Entra governo e sai governador e na capital do Maranhão só aumenta o sofrimento de seus moradores. Porém, como nunca em outras gestões, São Luís vive atualmente a maior crise no setor.

    O governador Flávio Dino não demonstra o menor interesse em resolver o problema e vai empurrando com a barriga para o próximo gestor. Aliás, não se tem conhecimento de que sua administração comunista ou socialista tenha feito algum investimento na busca de soluções.

    Ele não percebe ou finge não saber que água é saúde, é vida. Além da omissão do governador, agora vem o silêncio sepulcral do prefeito da nossa ilha, Eduardo Braide, que já foi presidente da Caema e tem a obrigação de levantar o debate. Ao menos esse gesto.

    Afinal, Braide é prefeito de uma cidade com mais de 1 milhão de habitantes atingidos cruelmente pela falta do líquido precioso. Os ricos, a exemplo do prefeito e do governador, podem comprar a água de carros pipas. Os pobres, notadamente os moradores das periferias, lutam desesperados para tomar banhos e encher a caneca para beber o líquido precioso.

    A gestão da Caema é do governo estadual, mas o problema reside na cidade administrado pelo prefeito. O silêncio de Eduardo Braide serve para mostrar que não temos ninguém lutando por nós.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    “O curso de medicina da UEMA em Caxias pede socorro!”, denuncia deputado Wellington

    Durante a sessão plenária desta quarta-feira (22), o deputado estadual Wellington do Curso fez referência à reunião que aconteceu no município de Caxias, na última segunda-feira (20). A reunião contou com a presença de acadêmicos de medicina da UEMA em Caxias, com o prefeito da cidade, Fábio Gentil, e membros da sociedade civil. 

    O objetivo da reunião foi tratar sobre os problemas que afetam os acadêmicos de medicina em Caxias, a exemplo da falta de professores e de mudanças unilaterais no internato.

    Na última segunda-feira, estive em Caxias, para ouvir as demandas apresentadas pelos acadêmicos de medicina da UEMA. Os estudantes apontam que sofrem com a falta de professores, com a ausência de diálogo e comunicação com a diretoria do Curso e, ainda, com a mudança unilateral no internato, que deixará de ser em São Luís e ocorrerá em Caxias. De acordo com os acadêmicos, a Universidade não dispõe de estrutura para ofertar internato. O curso de medicina da UEMA em Caxias pede socorro. Em virtude disso, os acadêmicos solicitaram uma audiência pública, que será agendada e contará com a representatividade, também, do Ministério Público. Nosso objetivo é garantir que nossos estudantes tenham uma educação de qualidade”, concluiu o deputado Wellington.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Professora precisa passar por cirurgia urgente; Estado está descumprindo liminar

    A funcionária pública estadual Nalva Araújo, muita conhecida e querida em Esperantinópolis, está desde o dia 01 de maio internada no Hospital do Servidor de São Luís, em virtude de uma extração de dente que infeccionou cervical e cérebro, seguindo de AVC e menginite, segundo relato de familiares.

    Foto Reprodução

    Devido todos esses graves problemas, Nalva Araújo permanece com cerebite e um aneurisma micótico, um tipo raríssimo. Seu quadro é estável, todavia a cirurgia é necessária e urgente. O problema é que, mesmo sendo funcionária pública e pagando o plano de saúde do servidor (FUBEN) há 30 anos, não teve aprovação da SEGEP, órgão que faz a gestão do plano, e colocou-a na fila de regulação.

    A família, que já fez de tudo ao seu alcance, conseguiu, judicialmente, uma liminar para que Nalva fosse transferida e realizasse a cirurgia no hospital Carlos Macieira, já que é o hospital público que tem todo aparato e especialistas nesse tipo de cirurgia. Contudo, já estão com 8 dias de descumprimento da liminar, colocando em risco a vida da nossa querida Nalva Araújo.

    Na sexta, dia 20/08, o Estado recorreu com o pedido de arquivamento do processo, tendo vista que a mesma já teria sido transferida por meios políticos e não pelo Estado, mas não houve leitura total do processo, onde solicitava resolução cirúrgica do caso. Sendo assim a paciente ainda segue internada, sem resposta e previsão de cirurgia.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Moradores do Planalto Vinhais em São Luís denunciam esgoto a céu aberto

    Todo ano é a mesma coisa aqui na nossa rua no bairro Planalto Vinhais 2. Não aparece ninguém arrumar já várias reclamações”. Foi o que disse um morador da rua Quatorze que, como mostram as imagens abaixo, é obrigado a conviver com um esgoto a céu aberto escorrendo por toda a via que fica praticamente intrafegável e com odor insuportável. 

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Empresa responsável pelo Loteamento Monte Bello descumpre prazo de entrega de terrenos

    Quem teve seu dinheiro investido na compra de um terreno no Loteamento Monte Bello, na Vila Sarney Filho II, localizado próximo à Estrada de Ribamar, está enfrentando um sério problema. 

    Loteamento ainda sem conclusão para entrega de terrenos

    É que a Lastro Engenharia e Urbanismo, empresa responsável pelo empreendimento, nunca realizou a entrega dos lotes para seus respectivos proprietários na data acordada em contrato de aquisição. Mas as cobranças continuam sendo feitas pela SPE Terras Ribamar Empreendimentos Imobiliários Ltda.

    Os terrenos deveriam ter sido entregues no mês de outubro de 2020 e já estamos na primeira quinzena de julho e até agora a empresa não informa a data correta aos compradores. A última previsão dada é final de agosto próximo.

    Enquanto não recebem, proprietários se queixam que estão com suas economias aplicadas empatadas e temem perder o bem que compraram (e pagaram) caso a Lastro não entregue os terrenos. Se isso acontecer a empresa deverá ser acionada na Justiça.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Buracos na BR 135 causam acidentes e prejuízos a motoristas no Maranhão

    As dificuldades que os motoristas encontram ao trafegarem pela BR-135 são grandes. Não bastasse a imprudência por parte de alguns, ainda existem e ‘persistem’ os buracos no asfalto, motivo de muitas reclamações, principalmente no perímetro de São Luís. Os prejuízos têm sido grande para os condutores que têm seus veículos quebrados.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Presidente do Sindicato de Enfermagem expõe descaso da Prefeitura de Barra do Corda com trabalhadores da saúde

    Em áudio, a Presidente do Sindicato de Enfermagem de Barra do Corda, Maria Mendes, fez sérias denúncias contra a Prefeitura e seu atual gestor, Eric Costa, acusando-o de descaso com os trabalhadores da saúde do município.


    Maria Mendes, afirma que o Prefeito não está realizando o pagamento do reajuste de 40% da insalubridade para os profissionais de saúde que trabalham incansavelmente na linha de frente no atendimento dos pacientes com a Covid-19 ou dos pacientes em geral.

    “Nós estamos adoecendo e nem os medicamentos são fornecidos, temos que comprar por conta própria”, disse a presidente do Sindicato de Enfermagem.

    A mesma, em um momento de total desespero, ainda deseja que o Prefeito contraia o vírus para poder sentir na pele o que as pessoas e os profissionais de saúde estão passando.

    “Cuidamos dos outros, mas ninguém cuida de nós”, ressaltou.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Descaso na Saúde de Presidente Dutra: médicos dormem e pacientes padecem

    Enquanto o prefeito Juran descansa por nada fazer, médicos dormem, e população padece por falta de assistência na cidade de Presidente Dutra. 

    O hospital Socorrão, como é mais conhecido, é administrado pelo Estado, mas sob as ordens do prefeito de Tuntun, Tema, contra a vontade dos deputados Ana do Gás (hoje secretária da Mulher), Ciro Neto (filho do prefeito Juran) e Fernando Pessoa.

    Confira abaixo a imagem do descaso:

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Chuva expõe situação de riscos no Hospital São Domingos

    As fortes chuvas que caíram hoje, terça-feira (31), em São Luís causaram transtornos a um dos principais hospitais privado da capital: o São Domingos. Goteiras, salões alagados e um esgoto estourado.

    Um advogado que precisou levar a sua genitora ao local para procedimento oncológico presenciou tudo, filmou as cenas deprimentes e acabou por descobrir que até papel higiênico falta nos banheiros do estabelecimento hospitalar. Confira nos vídeos:

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Mulher que respirava com ajuda de aparelhos é dispensada, cai da maca e morre em hospital

    A mulher de 49 anos passou mal em sua residência, na cidade de São João do Carú, foi levada para o Hospital Municipal Tomás Silva em Santa Inês. Por causa de problemas respiratórios, precisou ficar na bomba de oxigênio e assim passou a noite toda sem receber a visita de nenhum médico.

    Na manhã de hoje (21) foi atendida e mandada para casa. Minutos depois voltou a apresentar problemas respiratórios e voltou para o mesmo hospital. Na hora de ser transferida de uma maca para um leito, caiu morrendo instantes depois no mesmo local.

    A mulher, que não teve nome revelado, tem 49 anos e chegou a Santa Inês em regime de urgência Hospital municipal de Santa Inês, Maria das Neves Pereira 49 anos caiu da maçã quando estava sendo transferida para um quarto de hospital. Morreu minutos depois

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Atenção MP! Prefeito comunista no Maranhão desconta consignado e não repassa ao banco

    Em Lagoa Grande no Maranhão a gestão comunista desconta todos os meses os valores de empréstimos e não faz o devido repasse para as agências do Banco do Bradesco e Caixa Econômica. Resultado da apropriação indébita tem sido um desastre aos servidores que estão tendo os nomes inscritos no Serasa.

    Os servidores estão passando situações de vexames com os nomes bloqueados para operações de compra a prazo. Tudo isso por conta da irresponsabilidade do prefeito Chico de Freitas, do PCdoB. Ele recolhe os valores consignados dos empréstimos dos servidores e não repassa aos bancos.

    O Ministério Público, ao que parece, não tem tido olhos e o crime de apropriação indébita perdura ao menos três meses. Os servidores recebem a cada mês comunicados oficiais da inscrição de seus nomes no SPC e Serasa, como mostra abaixo a imagem:

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Por falta de atendimento médico, morreu idoso que foi carregado na maca pela filha

    Filha e pai estão desde o dia 17 deste em São Luís enfrentando uma via crucis em busca de garantir a vida. Espíndola deu entrada no Socorrão naquele dia. No dia 21 ele foi obrigado a amputar uma perna e já no dia seguinte foi mandado pra Santa Casa.

    Lá, o paciente teve alta quando estava deitado em uma maca no corredor. Ao perceber que o pai estava respirando com dificuldades e precisava ser levado para uma UTI, a filha se desesperou. Gritou por atendimento médico, mas não foi ouvida. Então, ela reuniu todas as forças e carregou a maca pela rua do Norte até chegar ao Socorrão I.

    O pai ainda foi atendido, mas não resistiu e veio a óbito na noite de terça-feira. Ontem, foi levado para Urbano Santos, onde residia, para ser enterrado hoje, quinta-feira, dia 24. Lamentável o quadro de Saúde no Maranhão.

    Confira o vídeo da filha carregando a maca:

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.