Atendentes do 190 continuam com salários atrasados e prometem paralisar os serviços

Os funcionários da empresa Capellerry, terceirizada do CIOPS, continuam com os salários atrasados. Eles estão sem receber seus proventos desde o mês de novembro. 

Os auxílios e benefícios dos trabalhadores também não foram pagos, nem o 13º.  Os tele-atendentes já procuraram o Ministério do Trabalho no início do mês de dezembro, porém a situação ainda não foi regularizada.

Atendentes do 190 estão com salários atrasados no Maranhão

A empresa Capellerry alega que não regularizou os salários dos atendentes devido a falta de repasse do governo do estado.

Esses profissionais que estão com salários super atrasados são os atendentes do número 190, eles são responsáveis por atender ligações e registrar ocorrências para o deslocamento de viaturas policias, Corpo de Bombeiros e SAMU. Por não terem seus salários em dias, os atendentes do CIOPS prometem paralisar os seus serviços até que a situação seja resolvida.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Professores do Aulão do Enem no Maranhão não receberam pelo período trabalhado

Os professores foram contratados pelo Governo do Estado e trabalharam dando aulas de revisão para alunos que enfrentaram as provas do Enem em 87 cidades, mas não receberam até agora. 

O governo, através da Secti, sob a coordenacao da Fsadu, (fundação Sousandrade) ainda não efetuou o pagamento das ultimas aulas realizadas nos interiores e em São Luís ocorridas no inicio de outubro/2018.

Quando os professores entram  em contato com a coordenação do programa a informação recebida é a de que  a Sousandrade não recebeu os repasses.

E ao que tudo indica, assim como passaram o natal na seca, a entrada do novo ano será na pindaíba.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Servidores municipais de São Mateus do Maranhão não receberam 13° salário

Funcionários municipais de São Mateus denunciam a falta de pagamento do 13° salário. Os servidores irão passar o Natal sem ceia e sem presentear a família. O pagamento estava sendo feito no mês de aniversário de cada servidor.

Segundo informações de um membro do SINDSEMA, alguns funcionários que fazem aniversário entre julho e dezembro ainda não receberam a parcela do décimo terceiro e não há uma data prevista para o pagamento.

Na próxima quarta-feira (26) a cidade comemora 57 anos de emancipação política, uma das atrações será o cantor Léo Magalhães com um cachê de 130 mil reais, esta denuncia já foi encaminhada ao Ministério Público, segundo os servidores.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Funcionários do HCI de São Luís mais uma vez denunciam irregularidades e falta de pagamento

O HCI Hospital de Clínicas Integradas de São Luís, vem sendo denunciado por  várias irregularidades que estão acontecendo  dentro do hospital com pacientes e principalmente funcionários.
Segundo os  próprios funcionários da clínica eles estão sem receber salários desde 2017 e  o 13° está atrasado e alegam  também que são humilhados e forçados a trabalhar sem ter condições de pagar passagem.
A situação no HCI está cada vez mais crítica, os setores estão fechados e sem pacientes, apenas o administrativo está em funcionamento, os trabalhadores da área da saúde foram dispensados sem receber nenhum pagamento.
O diretor do hospital, o médico Ibrahim Assub Neto  não se pronuncia a respeito dos pagamentos  e não parece no hospital e ninguém consegue entrar  em contato com ele.  Essa não é a primeira vez que a clínica está sofrendo  processos judicias por não pagar seus funcionários.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Atendentes do 190 estão com salários atrasados no Maranhão

A empresa terceirizada,  Capellery Consultorias, que presta serviços para o CIOPS não está pagando seus prestadores serviços. Os atendentes que registram ocorrência para o deslocamento de viaturas policiais, do Corpo de Bombeiros e SAMU estão há dois meses sem receber seus salários. 
Os funcionários já estão com dois salários atrasados, auxílio de transporte e alimentação e que ainda não receberam nenhuma  parcela do 13°. Os profissionais que trabalham como atendentes e registram ocorrências de solicitações dos respectivos números dos serviços da viatura da Polícia Militar (190) e Corpo de Bombeiros (193), um setor de suma importância para Segurança  Pública, não está tendo a atenção que lhe é devida.
O número de atendentes está por volta de 15 e se reuniram para reivindicar seus direitos assegurados nos contratos de trabalhos, que estão sendo descumpridos.
Os atendentes do 190 já procuraram o Ministério do Trabalho ontem (03) para buscar orientações jurídicas e tirar dúvidas da sua situação atual. Os funcionários alegam que não descartam a possibilidade de fazer uma paralisação para revindicar seus direitos  e denunciar o descaso da empresa Capellery Consultorias.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Médicos da rede pública de saúde do Maranhão podem paralisar as atividades por atraso nos salários

Na próxima quarta-feira, dia 31 deste, médicos que prestam serviços nas unidades de Saúde Pública do Maranhão estão sendo convocados para uma reunião na sede do CRM para tratar sobre os salários atrasados.

Ocorre que desde agosto os salários dos médicos prestadores de serviços à Secretaria de Saúde, através da Emsehr, estão atrasados. Por essa razão, eles devem paralisar suas atividades. E assim sendo, mais um grande baque na saúde da população por absoluta falta de responsabilidade do atual governo.

Abaixo a convocação:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Secretaria de Saúde de Bacabal descobre rombo de 7 milhões de reais

Blog Abel Carvalho

Três meses foram necessários para que uma equipe de técnicos da secretaria municipal de saúde conseguisse levantar o valor total do rombo deixado pela gestão do prefeito deposto pela Justiça Eleitoral, José Vieira Lins, que teve como titulares a ex-esposa de Vieira, a administradora Patrícia Vieira Lins, e a enfermeira Doralina Marques.

O atual secretário, farmacêutico bioquímico Silas Duarte de Oliveira, anunciou que, termo de verificação de caixa feito por sua equipe, além ter encontrado saldo bancário zero, encontrou, ainda, como posição de contas a pagar um débito de R$ 6.327.343,35 (seis milhões, trezentos e vinte e sete mil, trezentos e 43 reais e trinta e cinco centavos).

Esse valor estava camuflado em forma de contratos fornecedores, em compras de materiais, que nunca entraram na secretaria ou em sua unidades, e prestação de serviços que nunca foram realizados em nenhum órgão da pasta.

O secretário reporta o fato como calote geral e atribui as responsabilidades pelo rombo ao ex-prefeito José Vieira e ao ex-vice prefeito Florêncio Neto, que hoje é candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada pelo agiota César Brito.

Silas acrescenta que o rombo na saúde, o desvio de recursos, não só trouxe grande prejuízos as empresas (veja lista na ilustração acima) e aos seus funcionários, mas todo o município de Bacabal.

Ele afirma ter encontrado a pasta em situação de pré-falência, revelando que desativaram programas, como o telessaúde, e até convênios foram tirados, além de UBSs fechadas por falta de pagamento – como a do bairro da Esperança – deixando o bacabalense sem atendimento médico, mas que o prefeito Edvan Brandão de Farias negociou o débito e reabriu a reabriu, sendo que a mesma voltou a atender a população

Silas Duarte de Oliveira acrescentou, também, que a gestão José Vieira/ Florêncio Neto não pagou o valor total da folha de pagamento do junho dos servidores públicos municipais lotados na secretaria, orçada em 2.347.229,27 (dois milhões, trezentos e quarenta e sete mil, duzentos e vinte e nove reais e vinte e sete centavos), deixando em aberto R$ 1.043.720,63 (um milhão, quarenta e três mil, 720 reais e sessenta e três centavos).

Como providência para a responsabilização dos culpados, o secretário Silas Duarte de Oliveira, por ordem do prefeito Edvan Brandão de Farias, requereu auditoria fiscal a ser realizada pelo Fundo Nacional de Saúde (FNS).

Aos quase 7 milhões de reais desviados na secretaria municipal de saúde (Semus) juntam-se os cerca de 10 milhões de reais desviados na secretaria municipal de educação (Semed), veja aqui, o que eleva o rombo já levantado nas contas públicas de Bacabal para próximo de 10 milhões de reais, faltando ainda fechar as contas de setores como a administração, a assistência social e a arrecadação municipal – secretaria de finanças.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Santo Antônio dos Lopes: crianças de uma escola usam banheiro de palha para necessidades fisiológicas

Blog do Sandro Vagner 

Uma mãe resolveu buscar ajuda do Blog, para ajudar resolver um problema muito sério que afeta crianças de um Colégio na Zona Rural de Santo Antônio dos Lopes. Segundo ela, o filho que estuda na Escola Municipal Centro do Riba, tem que usar um banheiro improvisado, de palha, que fica atrás do Colégio, próximo ao mato, por que o banheiro do prédio não funciona. Ela teme pela vida do filho e dos demais alunos, onde ,ela afirma, que a área que fica o banheiro de palha, é considerada de risco por ter cobras venenosas, como a Cascavel.

A mãe, em seu relato ao Blog, disse que já tentou falar com a Secretária de Educação, Raimunda Carvalho, mas não foi atendida, que teria conversando com a secretária da Secretária, garantindo que, no período das férias o problema seria resolvido. Porém, até então, continua do mesmo jeito.

“Já cobrei novamente, ela me ignorou. Por isso estou lhe mandando essa mensagem, pra saber se pode ajudar de alguma forma, publicar no seu Blog. É inaceitável que nos dias de hoje uma escola não tenha uma estrutura, no mínimo, um banheiro adequado. São crianças pequenas de dois anos e meio.” Desabafou a mãe.

Ontem (31/07), conseguimos falar com a Secretária de Educação, Raimunda Carvalho, ela informou que o problema será resolvido ainda esta semana, e, disse:

“Quanto a situação da escola, os banheiros estão em perfeito estado, o problema é a água, porém, já estamos providenciando uma bomba, para que o problema seja sanado, tudo será feito ainda esta semana”. Disse a Secretária de Educação.

Vamos aguardar!

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Prefeitos usam carro oficial na convenção da “Todos Pelo Maranhão”, de Flávio Dino

Não existem até agora exemplos de abuso de poder econômico e de autoridade do que esses apresentados durante a noite de ontem e o dia de hoje na Convenção “Todos Pelo Maranhão”, da coligação partidária do governador Flávio Dino. Carrões importados entrando em São Luís e muitos ônibus pagos por prefeitos carregando eleitores e cargos comissionados para mostrarem o maior número de pessoas em um evento político.

O pior mesmo foi o desfile de carros oficiais de prefeituras, como esse abaixo e acima da Secretaria de Saúde de Prefeitura de Pedreiras, em flagrante desrespeito ao que determina a Legislação Eleitoral e uma mostra de que na campanha dos comunistas eles podem tudo. Com a palavra o Ministério Público Eleitoral!

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Juiz Douglas Martins sob suspeita de parcialidade

A WPR Gestão de Portos e Terminais Ltda. entrou com uma ação de suspeição contra o juiz de Direito Douglas de Melo Martins, da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da Comarca de São Luís, em que aponta indícios de parcialidade nas análises das causas apresentadas contra a construção do novo porto de São Luís.

Pela ação, o juiz Douglas Martins mantém relação pessoal com o defensor público Alberto Tavares, que aparece com frequência à frente das manifestações contrárias à construção do empreendimento.

A denúncia sobre a relação de amizade está embasada em evidências, como a de 2009, quando Alberto Tavares e o juiz Douglas Martins integraram a diretoria do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos Humanos (“CEDDH”), sendo ambos diretores e conselheiros do CEDHH por ao menos três anos. O juiz, na oportunidade, ocupava o cargo de presidente da diretoria da CEDDH, e o defensor secretariava os trabalhos presididos pelo juiz.

A rede social Facebook também foi utilizada como fonte de pesquisa para comprovar, na ação movida pela WPR que a esposa do defensor público Alberto Tavares, Silvana Gonçalves, defende os interesses dos representados pelo defensor em ações judiciais que dizem respeito à implantação do Porto. “A própria foto da capa da página do Facebook da sra. Silvana Gonçalves é composta por faixa com palavras de ordem bastante pejorativas”, diz o texto.

“A Sra. Silvana Gonçalves, esposa do Sr. Defensor Alberto Guilherme Tavares de Araújo e Silva, está em contato direto com diversos dos representados pelo marido nas ações contra o porto, que inclusive os aconselha, orienta, os ajuda a se organizar e determina a eles providências a serem tomadas via mensagens pelo aplicativo Whatsapp por ela mesma publicadas em sua página mantida no Facebook”, diz a ação. “A esposa do defensor Alberto Guilherme Tavares de Araújo e Silva, e amiga do juiz , comemora as decisões, até mesmo as administrativas, e comemora uma vitória que ela entende ser também dela”.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.