Empresa de São José de Ribamar fatura contrato de R$ 17 milhões em Itapecuru

Neto Ferreira

Localizada no Cohatrac V, em São José de Ribamar, a Amazonas Serviços faturou um contrato milionário na Prefeitura de Itapecuru-Mirim, comandada por Miguel Luande.

O acordo visa a contratação de mão-de-obra terceirizada para atuar nos cargos de digitador, auxiliar operacional, administrativo e cuidador, eletricista, pedreiro, ajudante de pedreiro, cuidador e vigilante.

O valor destinado à empresa, que tem como proprietários Tarcilia Ericeira Silva e Antônio Vieira Leite Júnior, gira em torno R$ 17.085.174,43 milhões.

Por mês, a Amazonas Serviços vai receber R$ 1,4 milhão para fornecer prestadores de serviços à Administração Municipal.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Edilázio apresenta denuncia por irregularidades em obra ao MP

O deputado federal Edilázio Júnior (PSD) apresentou ao Ministério Público uma representação sobre a precariedade e o pagamento de aditivos irregulares à obra de construção da MA-315, que liga Barreirinhas ao município de Paulino Neves.

A rodovia, que integra a “Rota das Emoções”, foi inaugurada no início do ano, mas já apresenta sérios problemas estruturais.

Edilázio já havia ingressado com uma ação na Justiça Estadual, no Tribunal de Contas do Estado (TCE) e no Ministério Público de Contas. O caso agora está no Centro de Apoio de Probidade Administrativa do MP e será analisado pelo promotor Cláudio Alencar.

O parlamentar quer apuração a respeito da liberação de um aditivo de mais R$ 2 milhões à obra, que contraria o que determina o contrato da obra e a apuração a respeito da qualidade dos serviços já efetuados na rodovia.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

BOMBA! Jornalista Luís Pablo vai a Brasília e protocola denúncia contra o deputado Juscelino e sua família

Luis Pablo

O jornalista Luís Pablo (editor-chefe deste site) esteve ontem, dia 2, em Brasília e protocolou uma gravíssima denúncia contra o deputado federal maranhense Juscelino Filho e sua família.

Casais de médicos Rodolfo Leite, Luanna Rezende, Lia Fialho e Juscelino Filho

Trata-se de um dossiê sobre um escândalo na saúde pública do Maranhão envolvendo o parlamentar, sua esposa Lia Cavalcanti Fialho Rezende, sua irmã Luanna Martins Bringel Rezende (prefeita de Vitorino Freire-MA) e seu cunhado Rodolfo Leite Alves da Silva (marido com a prefeita).

A farta documentação foi entregue pelo jornalista, que estava acompanhado dos advogados criminalistas Lemos Filhos e Rodolfo Fernandes, na Superintendência Regional do Distrito Federal e na Procuradoria-Geral da República – MPF.

O dossiê mostra provas que poderá ser constatado que recursos públicos foram aplicados com finalidade de apoio político partidário. É um verdadeiro escândalo, que passou agora a ser de conhecimento das autoridades de Brasília.

Jornalista Luís Pablo protocolando denúncia na PF e na Procuradoria Geral em Brasília

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Obra de quase R$ 500 mil é alvo de denúncias em Mirador

Neto Ferreira

Uma obra da praça de quase R$ 500 mil da cidade Mirador está sendo alvo de denuncias.

O vereador Rowdan Bonfim e o ex-secretário de Meio Ambiente de Mirador, Paulo, apontam indícios de irregularidades na execução da construção.

Segundo os denunciantes, o prefeito Ronni destruir a antiga praça de Mirador, que era funcional, tinham bancos, arborização, piso de bloquetes intertravados e entregou aos moradores a obra com deficiências visíveis, pois na praça só existe um piso de cimento.

“Lembramos a todos os cidadãos que esta cidade não está abandonada, como parece, e que toda tirania e obscurantismo serão rebatidos, dentro da legalidade, moralidade e impessoalidade que aliás a gestão atual não está preocupada”, desabafaram o vereador e o ex-secretário.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Governo inicia construção de praça em propriedade particular na zona rural de São Luís

Sem oferecer nenhuma negociação e nem comunicar ao devido proprietário, o Governo do Estado, através da AGEM, invadiu um terreno particular no Quebra Pote e deu início a construção de uma praça pública.
De forma autoritária, o governo nem se preocupou em saber a quem pertence a propriedade e foi logo colocando uma placa alusiva a construção do logradouro público no local privado e meteu as máquinas.
O dono tem toda a documentação, como Escritura e Registro de que se trata de uma propriedade particular, mas nada disso foi levado em consideração. Com a palavra a AGEM.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Empresa de Segurança deve dois meses e mais o 13° aos seus trabalhadores em São Luís

Os trabalhadores da Transporter Segurança, que presta serviços para a Secretaria Municipal de Educação de São Luís, não receberam até agora dois meses de salários atrasados e o 13°. 

Ainda assim, eles são obrigados a comparecer ao local de trabalho. Sem dinheiro, eles estão tendo contas de água e luz cortadas, além de não ter como encarar o quitandeiro ao lado.

A situação é de penúria. Muitos já estão sem dinheiro para comprar comida e sustentar os filhos. O pior é que os donos da empresa alegam que a Semed não vem fazendo os repasses corretamente.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deputado Wellington denuncia prática de crimes ambientais na Zona Rural de São Luís

O deputado estadual Wellington do Curso encaminhou ofício ao Ministério Público em que propõe oferecimento de denúncia pela prática de crime ambiental na Zona Rural da capital. Trata-se do crime de destruição de área de mangue, previsto no artigo 50, da Lei N°9.605/98.

“Estivemos no povoado Mato Grosso, Zona Rural de São Luís, e constatamos que na construção de mais de 3 mil casas pelo programa “Minha Casa, Minha Vida”, o esgoto será despejado diretamente no mangue. Trata-se da área que ainda não foi aterrada, porque para construírem as casas houve sim o aterramento de mangues, típica vegetação no Maranhão! Mais uma vez, crime ambiental praticado em São Luís. Os fatos já foram encaminhados à promotoria do meio ambiente para que adote as devidas providências!”, afirmou o deputado Wellington.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Advogado pede na PF inquérito contra homens que discriminam nordestinos em vídeo

O advogado Alex ferreira Borralho (foto abaixo) solicitou ontem, quarta-feira (09), da Polícia Federal no Maranhão a abertura de inquérito para apurar prática de crime que envolve preconceitos contra nordestinos, bem como o uso indevido do nome do presidente Jair Bolsonaro.

Um vídeo que passou a circular nas redes sociais na última terça feira (08.01), despertou a indignação do advogado Alex Ferreira Borralho.

Nas imagens, um homem acompanhado de outros rapazes, ao que aparenta, em uma mesa de bar, incita ódio e preconceito contra pessoas do Nordeste e do Norte do Brasil.

“Eu queria só dizer o seguinte: agora que o Bolsonaro ganhou, graças a Deus, ele vai excluir os nordestinos do grupo […] agora é faca na caveira, a gente não vai mais suportar esse pessoal do Acre, esse pessoal de Roraima…”, diz a primeira pessoa a aparecer no vídeo.

Posteriormente, um segundo sujeito que aparece usando uma camisa do Clube Atlético Mineiro complementa: “Essa galera do Nordeste tem que parar de gastar o dinheiro que o Sudeste produz, porra!”.

As primeiras pessoas a compartilhar o vídeo, afirmaram que um dos homens que aparece nas imagens é herdeiro das empresas que fabricam a Água Sanitária Dragão.

Alex Ferreira Borralho formalizou na tarde de ontem (09.01), “notitia criminis” junto a Superintendência Regional da Polícia Federal no Maranhão, pedindo a apuração e o indiciamento de todas as pessoas que aparecem proferindo palavras preconceituosas.

“É inconcebível que ainda tenhamos mensagens carregadas de preconceito e discriminação e que marginalizam e inferiorizam grupos com base em estereótipos ligados a procedência nacional ou a raça, com disseminação do seu conteúdo a um número incalculável de usuários da rede social. Essa prática constitui crime previsto na Lei Federal de nº 7.716, de 05 de janeiro de 1989, que define os delitos resultantes de preconceito de raça ou de cor e prevê, no artigo 20, pena de reclusão de dois a cinco anos e multa”, disse.

“Não vou admitir profusão de ódio a comunidade nordestina. A Polícia Federal deverá abrir investigação dos fatos relacionados a esse vídeo, que inclusive envolve diretamente e, tenho certeza, que de forma totalmente irresponsável, o nome do Presidente da República Jair Messias Bolsonaro, que até mesmo, poderá demandar contra as pessoas que aparecem no vídeo utilizando o seu nome para o cometimento de crime”, avisou o advogado.

Confira abaixo o vídeo:

Em grupo, imbecis reúnem para discriminar os nordestinos

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Atendentes do 190 continuam com salários atrasados e prometem paralisar os serviços

Os funcionários da empresa Capellerry, terceirizada do CIOPS, continuam com os salários atrasados. Eles estão sem receber seus proventos desde o mês de novembro. 

Os auxílios e benefícios dos trabalhadores também não foram pagos, nem o 13º.  Os tele-atendentes já procuraram o Ministério do Trabalho no início do mês de dezembro, porém a situação ainda não foi regularizada.

Atendentes do 190 estão com salários atrasados no Maranhão

A empresa Capellerry alega que não regularizou os salários dos atendentes devido a falta de repasse do governo do estado.

Esses profissionais que estão com salários super atrasados são os atendentes do número 190, eles são responsáveis por atender ligações e registrar ocorrências para o deslocamento de viaturas policias, Corpo de Bombeiros e SAMU. Por não terem seus salários em dias, os atendentes do CIOPS prometem paralisar os seus serviços até que a situação seja resolvida.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Professores do Aulão do Enem no Maranhão não receberam pelo período trabalhado

Os professores foram contratados pelo Governo do Estado e trabalharam dando aulas de revisão para alunos que enfrentaram as provas do Enem em 87 cidades, mas não receberam até agora. 

O governo, através da Secti, sob a coordenacao da Fsadu, (fundação Sousandrade) ainda não efetuou o pagamento das ultimas aulas realizadas nos interiores e em São Luís ocorridas no inicio de outubro/2018.

Quando os professores entram  em contato com a coordenação do programa a informação recebida é a de que  a Sousandrade não recebeu os repasses.

E ao que tudo indica, assim como passaram o natal na seca, a entrada do novo ano será na pindaíba.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Servidores municipais de São Mateus do Maranhão não receberam 13° salário

Funcionários municipais de São Mateus denunciam a falta de pagamento do 13° salário. Os servidores irão passar o Natal sem ceia e sem presentear a família. O pagamento estava sendo feito no mês de aniversário de cada servidor.

Segundo informações de um membro do SINDSEMA, alguns funcionários que fazem aniversário entre julho e dezembro ainda não receberam a parcela do décimo terceiro e não há uma data prevista para o pagamento.

Na próxima quarta-feira (26) a cidade comemora 57 anos de emancipação política, uma das atrações será o cantor Léo Magalhães com um cachê de 130 mil reais, esta denuncia já foi encaminhada ao Ministério Público, segundo os servidores.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.