Jansen Marques pregoeiro de Urbano SantosJansen Marques pregoeiro de Urbano Santos

A estranha presença de Júlio César Almeida Neto, no local em que sete pessoas armadas tomaram os equipamentos da equipe do Fantástico, da Rede Globo de Televisão, em Anapurus, na tarde desta quinta-feira (17), será investigada pelas Polícias Civil e Federal.

Na cidade de Anapurus, onde o secretário de finanças daquele municipio é o braço direito da prefeita Tina Teles, circulavam comentários de que ele teria comandado o assalto.O secretário é irmão do ex-deputado Paulo Neto, que vem a ser o marido da prefeita Carmem Neto, de Mata Roma.

Coincidentemente, a equipe do Fantástico, comandada pelo jornalista Eduardo Faustine, estava produzindo uma matéria sobre desvio de recursos nas duas cidades. O irmão do parlamentar é acusado de ter desviado recursos dos fundos de previdência de Mata Roma e Anapurus.

Motorista exibindo dinheiroMotorista exibindo dinheiro

A equipe da TV Globo chegou a filmar a fachada da Construtora Margarida, que seria a empresa responsável por desvio de mais de R$ 30 milhões das duas prefeituras.

Em fotos enviadas ao Blog aparecem duas pessoas ligadas ao esquema do ex-deputado Paulo Neto, exibindo dinheiro. Um deles Tácio Bastos, motorista da sócia da empresa Margarida, Rejania. O outro, é Jansen Marques pregoeiro de Urbano Santos, que também exibe cédulas de R$ 100.

O mesmo esquema se estende às administrações de Urbano Santos e Magalhães de Almeida.

Aguardem mais detalhes sobre o caso!

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.