O governador do Maranhão não perde uma oportunidade para aparecer na mídia criticando o presidente Jair Bolsonaro, que defende o fim do isolamento domiciliar e a volta da atividade econômica no pais. Porém, o mesmo Flávio Dino cometeu um grave crime ao fazer a doação de cestas básicas e aglomerar centenas de pessoas no Centro Histórico de São Luís, umas coladas as outras, numa fila infernal, como mostra a imagem da TV Mirante abaixo. 

O crime foi cometido ontem, terça-feira (24), quando o Governo do Estado começou a doar 200 mil cestas básicas para milhares de pessoas. Uma concentração de crianças, idosos, adultos com o argumento de que iria atender ambulantes. Um cenário de país do 5º mundo.

Hoje, uma fila maior ainda se formou desde a madrugada no mesmo local e as cestas não foram distribuídas. Uma grande humilhação e um perigo real que as pessoas, sem uso de máscaras ou luvas, correram.

Quem passou pelo local filmou o criticou o governo, como mostra o vídeo abaixo:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.