“Me ajuda”: disse menina de 10 anos abusada pelo padrasto em bilhete pedindo socorro

    As informações foram publicadas pelo site Metrópoles nesta sexta-feira (13). Confira.

    Foto Reprodução

    Me ajuda, eu estou sofrendo abuso sexual do meu pai”. Foi assim que uma menina de 10 anos, moradora de Chapecó, no Oeste catarinense, pediu ajuda ao monitor do transporte escolar para se ver livre de um abuso, que segundo a Polícia Civil ocorria desde o começo do ano. Nessa quinta-feira (12/5), o padrasto da criança, um homem de 55 anos, foi preso preventivamente sob acusação de estupro de vulnerável.

    De acordo com o delegado Éder Matte, responsável pela investigação, a criança vivia com o padrasto e a mãe. A menina afirmou que os abusos duraram pelo menos 4 meses e que a última situação ocorreu na semana passada. Em depoimento, o homem negou o crime.

    Já a mãe da criança disse não saber sobre o abuso. Ela prestará um novo depoimento antes da conclusão do inquérito policial.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Polícia prende pastor que abusou sexualmente de menina de 11 anos no Maranhão

    Foi preso preventivamente por policiais civis do Maranhão, nesta quinta-feira (5), um pastor evangélico, que não teve o nome revelado, por abusar sexualmente de uma menina de 11 anos de idade. O crime ocorreu na cidade de São Mateus.

    Delegacia de São Mateus

    Os abusos vinham sendo cometidos pelo homem há quase um ano. A menina frequentava a igreja a qual ele pastoreava e costumava brincar com as enteadas do criminoso que se aproveitava para passar a mão nas partes íntimas da menor e tentar beijá-la.

    Segundo a polícia, o homem planejava fugir da cidade após ter sido descoberto o abuso.

    O pastor foi preso e vai responder pelo crime de estupro de vulnerável e pode pegar de 8 a 15 anos de cadeia.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Criminoso que planejava fugir após abusar das enteadas menores de idade é preso no Maranhão

    Um trabalho realizado pela Polícia Civil do Maranhão nesta segunda-feira(11), resultou no cumprimento ao mandado de prisão preventiva contra um homem investigado pelo crime de estupro de vulnerável praticado contra as próprias enteadas, menores de idade, no município de Carutapera.

    Ação policial que resultou na prisão de um homem por estupro. Foto Reprodução: PCMA

    De acordo com o delegado Carlos Magno, o crime foi descoberto pelo Conselho Tutelar do município que, recebeu informações relatando que o investigado vinha abusando sexualmente da menores constantemente. Um dos denunciantes, afirmou que viu o criminoso abusado de uma das enteadas numa região de matagal e que o mesmo era violento praticando inclusive ameaças a esposa e as filhas caso algo fosse narrado a falado a polícia. O preso tem 5 filhos com a atual companheira e 2 enteadas.

    Durante as investigações, ficou constatado que o investigado costumava mudar de residência quando desconfiava que a polícia poderia descobrir o crime. “A ação policial desta vez teve que ser rápida porque tivemos notícia que ele já estava se preparando para mudar mais uma vez já que suspeitava que uma de suas filhas havia falado sobre os abusos que ele cometia no conselho”, disse o delegado Carlos Magno.

    Em diligência a equipe da Polícia Civil se deslocou a residência do acusado, que ao ser identificado foi dado cumprimento ao mandado de prisão preventiva, realizado a condução do representado à Delegacia de Polícia Civil de Carutapera. Após os procedimentos de praxe, o preso foi encaminhado ao Sistema Penitenciário de Godofredo Viana, onde permanecerá à disposição da Justiça.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Para manter relações sexuais com menor de 13 anos, advogado já casado promete casar e acaba preso no Maranhão

    A Polícia Civil prendeu na cidade de João Lisboa, no Maranhão, na tarde desta quarta-feira (30), um homem suspeito de ter praticado estupro de vulnerável contra uma adolescente de 13 anos de idade. 

    Foto Ilustrativa

    De acordo com o delegado do município, James Ferreira, o advogado, que já é casado, prometeu casamento à menina para poder manter relações sexuais com ela. As relações aconteciam desde o ano passado mas os pais da garota descobriram e denunciaram o caso à Polícia Civil.

    Ciente da denúncia, foi cumprido um mandado de busca e apreensão na casa do investigado fruto de uma representação postulada pela autoridade policial titular e devidamente deferida pelo Juízo da 1ª Vara. Todos os procedimentos foram acompanhados pelo presidente da OAB subseção de Imperatriz .

    Após cumprimento das medidas, o homem foi encaminhado ao presídio de Imperatriz, onde permanecerá à disposição da Justiça da Comarca de João Lisboa.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Homem é preso por estupro contra pelo menos três menores de 14 anos no Maranhão

    A Polícia Civil do Estado do Maranhão, por intermédio da Delegacia da Proteção da Criança e do Adolescente (DPCA) e da Seccional Oeste, deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva na manhã desta quarta-feira (23), expedido em desfavor do nacional E.R.M., investigado por praticar estupro de vulnerável.

    Foto Reprodução

    As investigações apontam que o investigado vinha abusando sexualmente de, ao menos, três vítimas, todas com menos de 14 (quatorze) anos de idade.

    Os investigadores conseguiram fazer o levantamento do alvo e efetuar a prisão, encaminhando o preso para a DPCA, onde foi realizado o seu interrogatório.

    Após as formalidades legais o autuado foi encaminhado ao Complexo Penitenciário, onde ficará à disposição da Justiça. As investigações seguem em segredo de justiça.

    A Dra. Pollyanne Costa ressalta que é o terceiro mandado de prisão cumprido em uma semana, todos pelo delito de estupro de vulnerável. Dois dos casos que a delegada Pollyanne representou pela prisão preventiva apontam que os suspeitos A.F.S.D e C.P.S. mantinham relações sexuais com meninas de 12 e 10 anos de idade, respectivamente. Uma  das meninas acabou engravidando em decorrência da violência sexual. Os investigados foram presos na semana passada.

    Segundo a Dra. Pollyanne, a DPCA tem registrado uma média de uma ocorrência de estupro por dia, todas envolvendo vítima menor de 14 anos.

    A Dra. Bianca Almada expôs que há uma união de esforços, visando combater os crimes contra a dignidade sexual dos vulneráveis e que a Secretaria de Segurança Pública e o Ministério Público também têm se mostrado sensível a causa, ante a crescente demanda dos abusos sexuais na capital.

    Temos representado, junto ao Poder Judiciário, por dezenas de prisões preventivas. Os promotores e juízes têm mostrado sensibilidade a demanda, expedindo os mandados, conforme temos postulado. Alguns suspeitos estão foragidos”.

    As informações foram divulgadas pela Polícia Civil do Maranhão.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Preso servidor público condenado a 13 anos de prisão por estuprar menina de 10 anos em Imperatriz

    A Polícia Civil do Maranhão cumpriu nesta segunda-feira (7) um mandado de prisão definitiva contra um servidor público que foi condenado a pena de 13 anos, 3 meses e 22 dias de prisão pela prática do crime de estupro de vulnerável ocorrido na cidade de Imperatriz.

    Foto Ilustrativa

    A prisão do acusado, que não teve o nome divulgado, foi realizada pelo Grupo de Pronto Emprego (GPE) da 10° Delegacia Regional.

    De acordo com as investigações, a vítima é do ciclo familiar do infrator e possuía 10 anos à época. Os atos libidinosos ocorreram durante o ano de 2016, sendo descobertos somente no início do ano de 2017.

    O servidor público foi preso no seu local de trabalho e encaminhado à Delegacia Regional de Imperatriz ficando preso à disposição da Justiça.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Vereador é acusado de estuprar menino de 11 anos no interior do Maranhão

    O Vereador João Lago, da cidade de Alto Alegre do Pindaré, que é homossexual assumido, está sendo acusado de estuprar um garoto de 11 anos de idade. O crime teria sido cometido dentro de uma piscina, depois de ter tirado o menino de sala de aula.

    João Lago

    Após receber a denúncia, o Conselho Tutelar levou o caso para a Delegacia Regional de Santa Inês que mandou apurar o crime. Antes, porém, a questão e a criança foram encaminhados para a Promotoria de Santa Luzia do Tide e as investigações estão em segredo de Justiça.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Padrasto é preso por estuprar enteada de 5 anos em Coroatá, no Maranhão

    Um homem de 58 anos de idade foi preso preventivamente pela Polícia Civil do Maranhão na tarde da última quarta-feira (2), investigado pelo crime de estupro de vulnerável no município de Coroatá, localizado a 250 km de São Luís. A vítima é a enteada do preso, uma criança de 5 anos de idade.

    Foto Reprodução: PCMA

    A Delegacia de Polícia de Coroatá, onde o caso está sendo investigado, informou que a criança relatou os abusos cometidos pelo padrasto durante consulta a uma médica acompanhada da tia da criança. Após o relato foi realizado exame de conjunção carnal no qual comprovou o crime, a Polícia Civil fez o pedido pela prisão preventiva do suspeito que foi preso no bairro Americanos.

    O homem foi apresentado na sede da delegacia para ser submetido aos processos cabíveis, sendo posteriormente encaminhado para Unidade Prisional de Coroatá onde ficará à disposição da Justiça.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Preso no Pará padrasto que estuprou e engravidou enteada de 14 anos no interior do Maranhão

    Com apoio da Polícia Civil do Pará, a PC do Maranhão conseguiu prender preventivamente hoje (5) no município de Marabá, um homem investigado pelo crime de estupro de vulnerável. A vítima é enteada dele de apenas 14 anos de idade. O crime ocorreu na cidade maranhense de Buriti Bravo. 

    Foto Reprodução

    A menor sofreu abuso durante um ano até que engravidou. A denúncia partiu da mãe da menina que procurou o Conselho Tutelar no último no mês de agosto. O caso foi encaminhado para a Delegacia de Buriti Bravo, responsável pelas investigações.

    Desde a denúncia, o acusado estava foragido mas a Polícia Civil do Maranhão conseguiu achar o paradeiro dele.

    O preso foi conduzido à 21º Seccional de Marabá para os procedimentos cabíveis, e deve ser recambiado a Buriti Bravo para responder pelo crime que cometeu no Maranhão.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Pais venderam filha de 11 anos por três cervejas em Pinheiro; casal e ‘comprador’ estão presos

    O caso chocou o Maranhão. Uma criança de apenas 11 anos foi vendida pelos pais na cidade de Pinheiro e o pagamento, pasmem: três cervejas. O pai e a mãe venderam a própria filha para um homem que abusou da criança, que encontra-se sob os cuidados do Conselho Tutelar da cidade.

    Foto Reprodução: PCMA

    Após investigações, foi dado cumprimento aos mandados de prisões contra o casal e o ‘comprador’. O trio foi preso hoje (9) e encaminhando para Unidade Prisional de Pinheiro.

    Reveja detalhes do crime AQUI.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Após recusar dinheiro, menor é estuprada e fica grávida no interior do Maranhão; criminoso é preso

    Um homem de 45 anos de idade foi preso nesta terça-feira (10) pela Polícia Civil do Maranhão, que cumpriu mandado de prisão preventiva por crime de estupro de vulnerável contra uma garota de 13 anos de idade no município de Alto Alegre do Pindaré.

    Imagem Ilustrativa

    Segundo Dênis Lopes, delegado regional de Santa Inês, o preso já vinha assediando a vítima por vários meses, inclusive chegou a oferecer dinheiro a menor em troca de sexo. Diante da recusa, em fevereiro deste ano, o investigado se aproveitou do momento em que a vítima usava o banheiro de uma associação na cidade e invadiu cômodo onde cometeu o crime de estupro que resultou em uma gravidez.

    Após prestar depoimento, o preso foi encaminhado à Unidade Prisional de Santa Inês, onde deverá permanecer à disposição da justiça.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Homem é preso por estuprar a própria filha desde os 9 anos de idade no Maranhão

    Um homem, que não teve o nome divulgado, foi preso na cidade de Amarante do Maranhão, pela Polícia Civil do Maranhão nesta segunda-feira(19) por estupro de vulnerável. 

    Foto Ilustrativa

    O mandado de prisão temporária foi cumprido após denúncias anônimas que resultaram em investigações que apontaram que o homem vinha estuprando a própria filha biológica, que hoje tem 15 anos de idade, há seis anos, ou seja, desde os seus 9 anos.

    O preso prestou esclarecimentos na Delegacia de Polícia Civil de Amarante e em seguida foi conduzido para uma Unidade Prisional em Imperatriz.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.