MOÇÃO DE REPÚDIO

Movimento Estudantil às avessas, os DONOS do poder e a BANALIZAÇÃO do processo.

Diretório Central Estudantil (DCE) da UFMA (Universidade Federal do Maranhão) que tem sua história de participação nas lutas pela meia- entrada, Fora Collor, contra Privatização das Universidades pelo Governo de Fernando Henrique, que já legitimou a entidade nas lutas sociais, sofre hoje com a ruptura de seus ideais.

A atual gestão do DCE “Ninguém Pode Nos Calar”, que ocupou a Câmara Municipal de São Luís cobrando legalidade e moralidade no cumprimento de suas leis e de seus regimentos, deu prova de sua contradição no CEB( Conselho de Entidade de Base), realizado dia 31 de outubro e 01 de novembro de 2013, quando tomaram decisões contrárias ao Estatuto que rege a entidade, dando prova que a utilização desses meios só é feito pelos seus membros quando os convém.

Na sexta-feira, dia 01 de novembro, deram a maior demonstração de intolerância, anti-democracia e totalitarismo quando, além de ignorar, RASGARAM o estatuto que rege a entidade, na frente de um conselho de entidades de bases puxado de maneira totalmente torta. O DCE foi convertido em uma terra sem leis. Onde membro da Comissão Eleitoral integra a Diretoria Executiva da Entidade. Diretoria que, inclusive desconhece qualquer Estatuto, o que rasgaram, por considerá-lo inválido, mas que ainda sim foi o regido para puxar o Conselho. Complicado? Confuso? Sim, e isso é apenas um pedaço da verdadeira face desta gestão hipócrita.

MOVIMENTO UM PASSO A FRENTE MARANHÃO

COLETIVO TODOS NÓS

COLETIVO PARA TODOS

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.