Um homem perverso espancou seu enteado de apenas dois anos com fio  elétrico, deixando o menor com hematomas nas costas, peito e até no rosto. Ainda insatisfeito, ou como se estivesse possuído por algo maligno, partiu para cima de uma filha de 1 ano e a queimou com ponta de cigarro aceso. 

O caso ocorreu no domingo, no bairro do Sacavém, e a mãe revoltada registrou um boletim de ocorrência contra ele. Assim que vizinhos e populares souberam do fato, pegaram o homem e promoveram sessões de espancamentos, com paus, barra de ferro e pedras. Só escapou da morte por intervenção de terceiros, mas ficou bastante ferido, principalmente na cabeça.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.