As imagens liberadas hoje pela Polícia Civil sobre o acidente que vitimou o jornalista Ricardo Boechat e o piloto Ronaldo Quattrucci, mostram que o motorista João Adrolado Tomackeves, 52 anos, mentiu ao dizer que o helicóptero caiu em cima do caminhão.   

Na verdade, pelas imagens, fica claro que a aeronave vem perdendo força, mas o piloto ainda consegue pousar de forma corrida numa alça da rodovia Anhaguera e não caiu em cima e nem se chocou ao lado ou na frente do caminhão, conforme tentou passar o motorista de auto-carga.

As imagens não mostram o momento da colisão entre helicóptero e o carro pesado, mas é sim possível observar o pouso que a aeronave fez, como explicou mais cedo o coronel da PMMA Ismael, que também é piloto e diretor do CTA no Maranhão. Uma hora depois, o capitão PMSP, Paiva, que comandou as primeiras investigações do acidante,  confirmou o que disse o oficial maranhense: o caminhão bateu na aeronave.

Vídeos: Veja os momentos em que a aeronave pega fogo e jornalista Boechat morreu carbonizado

O site “Metrópole”, um dos mais lidos do país, também confirmou a mesma versão sustentado pelos dois militares. quando divulgou hoje que “o helicóptero que levava o jornalista Ricardo Boechat faz um pouso forçado e acaba sendo atingido por um caminhão”

Confira nas imagens abaixo do pouso forçado:

Apresentador José Luiz Datena chora ao comunicar a morte do jornalista Boechat; confira no vídeo

Presidente Bolsonaro lamenta a morte de piloto e do jornalista Ricardo Boechat

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.