Professora da Escola Crescimento é internada com meningite, em São Luís

Embora as autoridades pública de Saúde estadual e municipal tentem minimizar ou até abafar os efeitos mortais da meningite em São Luís, a doença assusta pelo número de mortes que causou em menos de duas semanas na capital. Foram três jovens vítimas, sendo um rapaz no final de fevereiro, uma adolescente no dia 03 de março e outra também adolescente de 16 anos no dia 11 deste. Em São Luís, já existem três casos de mortes em menos de um mês.

O terceiro caso ocorreu com Taynara Sousa Santos, vindo a falecer dia 11 deste, domingo, na UPA da Cidade Operária (foto acima). Ela estudava na escola  da rede estadual de ensino, Pedro Álvares Cabral, que teve que ser interditada na terça-feira, dia 13 deste. Dois dias antes, na sexta-feira, a professora notou que a menina não passava bem na sala de aula.

Apavorados, pais de alunos correram para os postos de vacina com seus filhos, mas não encontraram  a solução preventiva. Técnicos da Vigilância Sanitária estiveram no local devidamente protegidos e interditaram a escola, na manhã de ontem.

A preocupação maior dos pais e alunos é que a adolescente apresentou os sinais da doença, que tem alto poder de contágio, dentro da sala de aula e apenas três dias depois que o local foi interditado.

O segundo caso ocorreu no dia 3 deste mês, quando morreu por causa de meningite  a adolescente Débora Sales (foto acima), que ainda chegou a ser internada com os sintomas da doença na Unidade Mista do bairro Bequimão. No estabelecimento hospitalar, no dia seguinte, houve medo por causa do contágio. .

O primeiro caso aconteceu, no dia 27 de fevereiro, aconteceu com o estudante de jornalismo, Lucas Gabriel Martins (foto acima), 21 anos, que foi internado em um hospital privado na capital e acabou falecendo. Ele sentia torcicolo, vomitava bastante, além das fortes dores na cabeça, no corpo, respiração acelerada e sonolência.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

9 respostas para “Professora da Escola Crescimento é internada com meningite, em São Luís”

  1. André disse:

    No Instituto Florence de Ensino uma aluna de farmacia está internada com suspeita de meningite, nada foi feito por la, todos os alunos da sala foram exposto junto com professores e outros funcionários.

    • Andrea disse:

      A Istituição precisa comunicar a Vigilância Epidemiológica do Município de São Luís o mais breve possível, pra q seja realizado o bloqueio com medicação.

  2. Valdinar disse:

    Bom dia, a minha pergunta é quando que as autoridades ,os governantes vão providenciar vacinar a população ,pois vários casos tem acontecido já aqui????

    • Juliana Lima disse:

      O Ministério da Saúde não fornece vacina de meningite para adultos. Mas em laboratórios particulares a vacina pode ser tomada. Estes três casos de pacientes que foram à óbito e os suspeitos mencionados, são graves e corremos o risco de haver um início de surto de meningite em São Luís, desta forma acredito que um alerta à população com precauções já deveria ter sido dado pelas autoridades sanitárias e de vigilância epidemiológica do município há algum tempo. Profa. Juliana UFMA.

    • Daiana disse:

      Se vc não sabe vc precisa ir mais vezes nos postinho pois a pouco tempo levei meu sobrinho p vacinar é bom ficar atentos c as datas c as campanhas e c as postagens falsas pois essa garota da foto tinha apenas 16 anos filha do meu cunhado se chamava Isabelle e não faleceu no Maranhão esse tal d Cardoso deveria rever suas postagens antes pq vê se não estar usando informações falsas.mais certamente não se preocupou pois esse tipo d blogueiro só pensa em ganhar audiencias,curtidas.na minha opinião isso é falta d carácter!

      Resposta

      Geralmente as informações aqui são da polícia ou de pessoas mais próximas. A foto postada saiu em dezenas de blog e sites. A foto já foi trocada, embora só reclamada depois de quase duas semanas.D outra vez em que fizer algum comentário, se assume, ao invés de ficar colocando aqui nomes falsos.

  3. Nanda Souza disse:

    Acredito q essa foto mostrada é de Izabele, ludovissense ,mas quando faleceu em decorrência da meningite ,morava em Navegantes Santa Catarina.

    Resposta

    A foto correta já foi colocada.

  4. Daiana disse:

    Se realmente aconteceu isso c essa pessoa em São Luís pois posta a foto correta.
    Para de mentir e usar fotos d pessoas q nada tem a ver c a reportagem essa menina se chamava Isabelle e não morreu no Maranhão.procurem saber da verdade antes d publicar algo

    Resposta

    A foto equivocada saiu em vários blogs e sites aqui no Maranhão. Já foi corrigida aqui, apesar de reclamada depois de suas semanas. Não se esqueça de colocar teu nome verdade e não esse ai falso, coisa típica de covardes.

  5. Marcia disse:

    Na UPA cidade operária aconteceram mais 2 casos que não foram divulgados. Uma criança de 1a é um adulto de 32a. Ambos pelo mesmo tipo de meningite. Logo ocorreram 3 casos confirmados (o de Taynara e os outros 2) só nessa UPA… Vigiem…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *