Foto: Reprodução/TV Mirante

Ontem, dia 12, quinta-feira, foi preso em Brasília Danielson da Silva Cutrim, de 33 anos. Embora apresentando documentos falsos, policiais que estavam investigando o caso o prenderam em um estacionamento de um hospital no DF.

De acordo com a polícia, o acusado teria matado o médico por estrangulamento depois de bater com um abajur de mármore na cabeça do profissional de medicina. O assassino e mais um comparsa mantinham relacionamento com a vítima.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.