Na sessão que discutiu a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO-2023), nesta terça-feira (02), o presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho (PDT), ressaltou o trabalho da Comissão de Orçamento, Finanças, Planejamento e Patrimônio Municipal (COFPPM), que promoveu uma ampla discussão, com a realização de uma audiência pública e reuniões com as equipes técnicas das secretarias de Planejamento e de Fazenda do Executivo Municipal.

Foto: Leonardo Mendonça

Quero destacar todo o trabalho da Comissão, presidida pelo vereador Marquinhos e, ainda da vereadora Rejanny Braga, que foi a relatora e produziu um excelente relatório técnico”, disse o vereador.

Osmar lembrou que a LDO alicerça a elaboração da Lei Orçamentária Anual (LOA), que estabelecerá o orçamento que a cidade irá dispor para o exercício financeiro de 2023. “Ambas são duas peças importantíssimas, que anualmente o plenário discute e aprecia”, pontuou.

A LDO detalha sobre o uso dos recursos públicos, definindo as ações para o ano seguinte. O Projeto de Lei nº. 81/2022, enviado pelo Executivo Municipal, com previsão orçamentária de R$ 4,1 bilhões para o próximo ano, foi aprovado com sete emendas, entre modificativas, supressivas e aditivas, apresentadas pelos parlamentares e seguirá para sanção ou veto do prefeito Eduardo Braide (sem partido).


ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Um dia histórico para as mulheres tuntuenses. Nesta última segunda-feira (08), foi realizada a assinatura do ...
Leia Mais
Atendendo solicitação do Ministério Público do Maranhão, feita em Ação Civil Pública, a Justiça condenou o ...
Leia Mais
Neste final de semana, mais um vereador de Paço do Lumiar declarou apoio ao deputado Glalbert ...
Leia Mais
O  Blog do Neto Cruz divulgou um acidente ocorrido em uma rodovia maranhense, nesta segunda-feira (8), ...
Leia Mais
Em mais um bate-papo descontraído o prefeito Luciano conversou com a população de Pinheiro, através de ...
Leia Mais
Um assalto cometido na manhã desta terça-feira (09) na cidade de Rosário, no Maranhão, terminou com três ...
Leia Mais

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.