O governador passou a campanha do primeiro turno em Bacabal calado, caladinho. Ele teve o apoio do prefeito Edvan e do candidato a prefeito César Brito. Depois que ganhou naquela cidade, Flávio Dino tomou partido e já avisando que vai favorecer o amigo.

“Quando a gente dialoga entre amigos a parceria flui melhor, Cesar Brito é meu amigo”, disse, recomendando que os bacabalenses votem em seu candidato. A eleição será agora no dia 28 para a Prefeitura de Bacabal.

Por atitude igual a essa, o governador e o deputado federal eleito, Márcio Jerry, lutam na Justiça Eleitoral contra a decisão da juíza Anelise Nogueira Reginato, de Coroatá, e estão com as candidaturas sub judice, embora vitoriosas, pela prática de abuso de poder, com o uso de obras que fez o candidato Luiz Amovelar Filho ganhar a eleição em Coroatá.

Confira abaixo como Flávio Dino usa e abusa do poder achando que nada lhe acontece:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.