O governador Flávio Dino informou ontem que a operação envolvendo Corpo de Bombeiros, PMs, Forças Federais serão será mantida até a normalização completa do fornecimento de combustíveis em todo o Maranhão. Desde a madrugada de ontem que caminhões estão saindo das distribuidoras com sedes próximas do Porto do Itaqui levando combustíveis para os postos em São Luís e avançando para cidades mais próximas da capital.

A solução paliativa tem tem evitado o colapso total com o desabastecimento, embora a compra da gasolina esteja racionada até 30 litros por veículos nos postos.

Os combos de caminhões tanques, escoltados por viaturas, policiais estão sendo feitos sempre no período da noite para abastecer os postos. O resultado não atinge o esperado, mas vai dando um certo alívio aos proprietários de carros, embora a prioridade seja dada para viaturas hospitalares e policiais.

Flávio Dino voltou a criticar o governo federal pela injusta política de preços dos derivados e de querer responsabilizar os estados pela crise. E voltou a afirmar que não vai reduzir alíquotas dos combustíveis.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.