Em meio à crise, Flávio Dino volta a licitar R$ 13,9 milhões com aluguel de aeronaves

    Do Atual7

    O governador Flávio Dino, do PCdoB, vem revelando a verdadeira face de seu projeto de mudança ao encontrar dificuldades para cumprir uma de suas principais promessas de campanha: reverter gastos “eleitoreiro, imoral e ilegal” praticados pela ex-governadora Roseana Sarney, do PMDB, em investimentos nas áreas de educação, segurança pública e saúde para a população maranhense.

    Apático ao clamor popular diante de uma das piores crises de segurança pública no estado,onde famílias inteiras estão sendo expulsas de suas próprias casas por facções criminosas, o comunista aproveitou o pula-pula da população em festas de São João e remarcou, para o dia 2 de julho próximo, o pregão presencial de R$ 13.956.876,00 (treze milhões, novecentos e cinquenta e seis mil, oitocentos e setenta e seis reais) que pretende torrar com o aluguel de duas aeronaves, pelo curto período de um ano.

    A contratação de empresa especializada na prestação de serviços de aluguel de um jato e um bimotor havia sido suspensa no início da semana passada, sem data definida para reabertura, após o Atual7 revelar que os valores que o governo estima gastar pelos serviços daria para manter, por um ano, até 11 hospitais de 20 leitos. E ainda sobraria dinheiro para ser investido em educação e segurança pública.

    Na errata de remarcação do pregão, uma das alterações que mais chamam a atenção diz respeito à especificação expressa de que as horas de voo não utilizadas dentro do mês constituirá em “créditos de horas” a serem utilizados nos meses subsequentes, o que derruba a alegação dada pelo chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares, de que os pagamentos seriam efetuados apenas quando houvesse efetivo uso das aeronaves.

    Ainda segundo a errata, a contagem da hora ∕ voo será feita a partir do momento de acionamento até o corte dos motores, isto, será pago pelo aluguel mesmo quando o avião ainda estiver no chão, esperando que Dino, o vice-governador Carlos Brandão ou outros “representantes máximos do Poder Executivo” embarquem ou desembarquem, e não somente pelo deslocamento.

    Ainda sobre o projeto de mudança prometido pelo governador Flávio Dino, a única coisa que mudou mesmo sobre o uso de dinheiro público para patrocinar o aluguel de aeronaves foi exatamente o termo “locação”. O comunista simplesmente tucanou o termo para “fretamento”, e ainda acrescentou na cara dura que, agora, os voos serão pagos pelo Palácio dos Leões mesmo em caso de cancelamento.

    Mudança

    Embora tenha prometido durante a campanha eleitoral que não utilizaria as mesmas práticas de sua antecessora e adversária política, o governador do Maranhão fez pior.

    Além de queimar a própria língua e manter os gastos milionários com o aluguel de aeronaves para não ter de enfrentar a buraqueira das estradas maranhenses, Dino pretende superfaturar o torra-torra aéreo, já que Roseana Sarney, durante os 11 meses em que esteve a frente do governo em 2014, gastou apenas R$ 7,4 milhões com a mesma prestação de serviço, o que representa quase a metade do que o comunista pretende gastar em 2015.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    6 respostas para “Em meio à crise, Flávio Dino volta a licitar R$ 13,9 milhões com aluguel de aeronaves”

    1. ARNALDO disse:

      Se depender do governo, esses blogueiros viciados em extorquir, vão morrer é de fome!!! kkkkkkkkkkkkkk

    2. Lucas Henrique disse:

      Amnésia, agora será o que? Antes era eleitoreiro, imoral e ilegal. De língua queimada a mudança!

    3. Josué Oliveira Sousa disse:

      O que o blogueiro não sabe é que a estimativa de preço é feita com base em pesquisa de mercado.

      “As contratações públicas, sejam decorrentes de procedimento licitatório ou de contratação direta, devem ser precedidas de pesquisa de preços. Tanto a Lei nº 8.666/93 (art. 7º, § 2º, inc. II e 40, § 2º, inc. II) quanto a Lei nº 10.520/02 (art. 3º, inc. III) exigem a elaboração do orçamento estimado para a identificação precisa dos valores praticados no mercado para objeto similar ao pretendido pela Administração”. Autora: Camila Cotovicz Ferreira

      Leia Mais http://www.zenite.blog.br/pesquisa-de-precos-de-acordo-com-a-orientacao-do-tcu/

    4. ALEX SILVA disse:

      È A FAMILIA CARIDOSA TENTANDO SER O ARAUTO DA MORALIDADE !
      A MAIOR REALIZAÇÃO DO GOV. DINO FOI ESTANCAR A SANGRIA DO DINHEIRO PÚBLICO QUE CORRIA VIA CASA CIVIL DIRETO PARA AS CONTAS DOS BLOGUEIROS CARIDOSOS , QUE PROMOVIAM FESTAS REGADAS AOS MELHORES VINHOS E CARNES. AGORA A FESTA ACABOU !

    5. mohamad disse:

      Oh, jabuti a crise é 74% de aprovação nas pesquisas q tal.

    6. Carlota Reis disse:

      Esse camisa é farda ou o governador só tem mesmo?

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *