O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Raimundo Cutrim, cassou agora no final da tarde a liminar do juiz Megbel Abdalla que proibia feirantes de comercializar seu produtos na Feirinha do Vinhais.

A decisão de Cutrim foi em acatamento ao pedido da Procuradoria Geral do Município. Por isso, os feirantes voltaram a ocupar o espaço desde hoje.

O prefeito João Castelo que avançar mais. Pediu o procurador que levante a situação de todo o terreno, que hoje é ocupado pela metade por um posto de combustível e por um shopping em construção.

Feirantes garantem que o terreno foi doado pela prefeitura da capital e que o dono do posto e do shopping seria o próprio Tadeu Palácio, ex-prefeito de São Luís. 


ÚLTIMAS NOTÍCIAS

A exuberante e carismática Paulinha Lobão foi oficializada como embaixadora da 15ª edição do São João ...
Em entrevista ao Influencer digital Bob Guerreiro, o prefeito de Tuntum garantiu que a sua obra ...
O pré candidato a prefeito de Barra do Corda-MA, Marcos Unillar, solidário aos condutores de baixa ...
O Ministério Público do Maranhão, por meio da 3º Promotoria de Justiça Regional de Defesa das ...
O ex-prefeito de São Benedito do Rio Preto-MA, Maurício Fernandes (PT), enfrenta um cenário desafiador, após ...
NOTA DE REPÚDIO O SINDICATO DOS JORNALISTAS PROFISSIONAIS DE SÃO LUÍS/MA e a FEDERAÇÃO NACIONAL DOS ...

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.