Na eleição de 2006, o prefeito Tadeu Palácio apoiou fortemente a candidatura de João Castelo para o Senado da República, contra seu velhjo parceiro Epitácio Cafeteira, a quem chamava de guru. Naquele tempo, Palácio condicionou seu apoio a aceitação da sua esposa, na época, Tati Palácio, como primeira suplente de Castelo.

O prefeito acreditava que Castelo seria eleito senador e dois anos depois candidato a prefeito vitorioso em São Luís e sua mulher, é claro, senadora. As previsões de Palácio, como sempre, falharam. A única que pode se confirmar, quase dois anos depois, é a eleição de Castelo para a Prefeitura de São Luís. Para não esquecer, Palácio também assumiu o compromisso de eleger Gardeninha deputada estadual. Outra falha.

Hoje, o prefeito de São Luís ataca João Castelo, dizendo que ele representa o atraso, o retrocesso, o que há de pior para a capital. Tadeu Palácio, creio eu, imagina que o povo não tem memória ou que não pensa. Talvez, por isso, tem falado por onde anda que pretende voltar a ser prefeito da capital. Quem não tem memória, com certeza, é Tadeu Palácio.  

  


ÚLTIMAS NOTÍCIAS

A exuberante e carismática Paulinha Lobão foi oficializada como embaixadora da 15ª edição do São João ...
Em entrevista ao Influencer digital Bob Guerreiro, o prefeito de Tuntum garantiu que a sua obra ...
O pré candidato a prefeito de Barra do Corda-MA, Marcos Unillar, solidário aos condutores de baixa ...
O Ministério Público do Maranhão, por meio da 3º Promotoria de Justiça Regional de Defesa das ...
O ex-prefeito de São Benedito do Rio Preto-MA, Maurício Fernandes (PT), enfrenta um cenário desafiador, após ...
NOTA DE REPÚDIO O SINDICATO DOS JORNALISTAS PROFISSIONAIS DE SÃO LUÍS/MA e a FEDERAÇÃO NACIONAL DOS ...

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.