As Assembléias Legislativas do país estão em ritmo lento para cumprir a Súmula do STF que proíbe a permanência de parentes de deputados nos cargos em comissão. Em apenas cinco dos 26 Legislativos estão sendo executadas as demissões. No Amazonas, cerca de 66 parentes de deputados foram exonerados, no Rio de Janeiro próximo de 22 comissionados. Em São Paulo, apenas dois deputados se manifestaram, ainda assim para dizer que não têm parentes empregados em cargos públicos.

No Maranhão, ontem o vice-presidente da Assembléia Legislativa, deputado Pavão Filho, explicou que nenhuma exoneração foi efetuada porque ainda aguardam a notificação do STF e melhor esclarecimento sobre a Súmula. Pavão adiantou, porém, que a lei será cumprida, mas criticou alguns disparates como os que consideram secretários municipais, estaduais e ministros como cargos políticos, em detrimento de chefes de gabinetes e outros assessores mais graduados.

Na Assembléia Legislativa maranhense a lentidão ocorre, também, por causa da ausência dos parlamentares em razão do período eleitoral. Hoje, por exemplo, deve acontecer a última semana até o final da eleição municipal, com o risco de não haver quorum. Para executar as exonerações, os deputados terão que entregar a lista de seus parentes. E assim vão ganhando tempo, mesmo sabendo que um dia terão que acatar a Súmula e sentir na bolsa familiar redução de receita.   


ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Por Alex Ferreira Borralho “São João da Thay”. O que é isso? Seria uma tentativa de ...
Foi assassinato na tarde desta sexta-feira (14) o empresário Josival Cavalcanti da Silva, conhecido como “Pacovan” ...
A Assembleia Legislativa do Maranhão realizou, nesta quinta-feira (13), uma sessão solene para conceder a Medalha ...
Na manhã desta quinta-feira(13), a desembargadora do Tribunal de Justiça - Marcia Cristina Chaves deferiu, liminarmente, ...
O Centro Histórico de São Luís sempre abrigou pontos de festejos juninos e se destacava pelas ...
Corpos foram encontrados na manhã de quinta-feira (13), nas praias de Panaquatira e da Ponta Verde ...

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.