O diretor do Sinpol, advogado Ronald Ribeiro, avisou, agora a tarde, que não é recomendável que a greve dos policiais civis entre pelo final de semana. Ou seja: não estaremos seguros nem mesmo trancados em nossos lares, isto porque as rebeliões e os motins nos presídios e delegacias podem resultar na fuga da massa perigosa de bandidos.

Rebeliões

Hoje, pela manha, nem bem terminava uma rebelião no décimo segundo distrito, se iniciava outra na Delegacia de Roubos e Furtos. O estrago, em ambas distritais, foi incalculável.
Pior: só na Roubos e Furtos, a delegada informou agora a pouco que não sabe para onde transferir 51 presos, todos de alta periculosidade, porque a delegacia ficou literalmente quebrada e há risco de nova rebelião, com dificuldades de contorná-la. Pior ainda: as outras distritais estão superlotadas. Tem gente escapando pelo ladrão.

Entendimento

O Governo do estado precisa levar o assunto a sério e sentar com os dirigentes do movimento. Afinal, a sociedade ficou exposta e tudo pode acontecer. Os grevistas devem entender que não se pode radicalizar neste momento quando estão em risco milhares de famílias. É preciso diálogo, maturidade e, sobretudo, bom senso. Olhem, em primeiro lugar, para as nossas vidas.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.