Karynna dos Santos Assis, Bruno Henrique Costa Assis e Symonton Lucas Carvalho Neves foram presos pelos  policiais do Departamento de Proteção a Pessoa e NINT, vinculados a Superintendência Estadual  de Homicídios e Proteção a Pessoa (SHPP), por envolvimento no latrocínio, roubo seguido de morte, do taxista Dourival Muniz de Melo, em São José de Ribamar. 

O taxista se encontrava desaparecido desde o último 31 de outubro. Após terem sido presos, um dos acusados indicou o local onde executaram Dourival e também a localização onde o corpo foi ocultado.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.