O Instituto Nacional de Opinião Pública(INOP) realizou entre os dias 17 a 21 de dezembro de 2021 uma pesquisa para sondagem das eleições 2022.

Dessa vez, o INOP ouviu 401 eleitores em 16 bairros e 14 povoados no município de Barra do Corda. A margem de erro da pesquisa é de 3,5% para mais ou menos. O nível de confiabilidade da pesquisa chega a 95%.

ABIGAIL CUNHA, PRÉ-CANDIDATA A DEPUTADA:

O Instituto INOP fez a seguinte pergunta ao eleitor em Barra do Corda:

Em 2022 ocorrerá eleições gerais. Pergunto: O Sr.(a) votaria em Abigail Cunha, esposa de Rigo Teles, para deputada estadual?

Resultado: 56,61% responderam que sim, votariam em Abigail Cunha para deputada estadual. 27,93% responderam que não votariam nela, outros 15,46% não souberam ou não quiseram responder.

DEPUTADO FEDERAL:

O INOP perguntou também se o eleitor Barracordense votaria no candidato a deputado federal apoiado pelo prefeito Rigo Teles. Resultado: 53,12% disseram que votam no candidato a deputado federal do prefeito Rigo Teles, 29,43% responderam que não votam e outros 17,45% não souberam ou não quiseram responder.

SENADOR:

O INOP perguntou ao eleitor ele(a) votaria no candidato a senador do prefeito Rigo Teles nas eleições de 2022. Resultado: 54,11% disseram que votariam no candidato a senador de Rigo Teles, 26,68% responderam que não e outros 19,21% não souberam ou não quiseram responder.

GOVERNADOR:

O INOP sondou o eleitorado de Barra do Corda quando a influência do prefeito Rigo Teles nas eleições para o governo do estado em 2022 e perguntou ao eleitor se ele(a) votaria no candidato a governador apoiado pelo prefeito Rigo Teles. Resultado: 54,36% responderam que votariam sim no candidato a governador apoiado pelo prefeito Rigo Teles, 26,43% disseram que não e outros 19,21% não souberam ou não quiseram responder.

O INOP é o mesmo Instituto de Pesquisa que monitorou a corrida eleitoral nas eleições municipais de 2020 em Barra do Corda e foi o único que acertou no resultado das eleições e a vitória de Rigo Teles para prefeito.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.