Publicidade

Luís Cardoso – Bastidores da notícia

Bastidores de notícias de política, judiciário, crime e esportes.

Busca em todo o site

Por erro, funcionária reduz preço de gasolina, causa prejuízo e tumulto em posto na capital

Cidade / Consumidor
 

O Posto Ipiranga J. Resende, localizado na avenida das Guajajaras, nas proximidades do Supermercado Mateus, viveu momentos de pânico e tumulto desde às 18h de hoje quando a gerente foi alterar o preço da gasolina para  R$ 3,67 e acabou colocando nas bombas e e nas placas reduzido para R$ 2,67. Foi o suficiente para se formar uma enorme fila e os frentistas foram obrigados a vender pelo preço que estava sendo equivocadamente colocado. Aí o tumulto aumentou.

Chamado ao local, o proprietário do posto foi tentar voltar ao preço normal e os proprietários de carros não aceitaram e queria destruir o posto. A polícia se fez presente e ainda conseguiu mandar suspender todos os atendimentos. Irritados, os consumidores ameaçaram chamar o Procon para garantir o erro, mas ninguém por la apareceu.

Os vorazes consumidores queriam se aproveitar do erro de uma funcionária para dizer que houve má fé ao suspender o atendimento. Ora, má fé seria se na bomba tivesse um preço e na placa outro, o que não ocorreu.

Ate agora, às 23h23  vários carros continuam estacionados no local querendo à força que o posto reabra o atendimento com o preço reduzido de forma errada. O proprietário tomou duplo prejuízo: vendeu gasolina muito abaixo do que comprou e ainda foi obrigado a suspender o atendimento, ficando fechado. Confira abaixo no vídeo momento de sufoco:

Câmara empurra para 2020 fim das coligações entre partidos

Política
 

Folha.com

Alex Ferreira/Câmara dos Deputados
Plenário da Câmara dos Deputados durante votação
Plenário da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (20)

RANIER BRAGON
DE BRASÍLIA

O plenário da Câmara dos Deputados empurrou para a eleição de 2020 a entrada em vigor da proibição das coligações irrestritas entre partidos nas eleições para deputados e vereadores.

Foram 348 votos a favor e 87 contra a emenda, o que alterou o texto original da proposta, que estabelecia a restrição já para a disputa de 2018.

O texto-base da proposta havia sido aprovado no dia 5. Trata-se de um dos capítulos da reforma política, que também cria regras para barrar legendas com baixíssimo desempenho nas urnas.

Faltam ainda votações de outras emendas. Após isso, nova análise pelos deputados em segundo turno e, depois, a volta do texto para análise do Senado.

Para valer nas eleições de 2018, tudo tem que ser aprovado por Câmara e Senado até a primeira semana de outubro.

As medidas foram bastante amenizadas durante a tramitação.

A autoria inicial da PEC (Proposta de Emenda à Constituição) é dos senadores Ricardo Ferraço (PSDB-ES) e Aécio Neves (PSDB-MG). Na Câmara, a relatora foi a deputada Sheridan (PSDB-RR).

Apesar de acabar com as coligações amplas, a proposta não extingue a possibilidade de união entre as legendas, apenas estipula regras mais restritivas.

Hoje partidos podem se coligar livremente, mesmo que tenham ideologias as mais díspares possíveis. Essas uniões eleitoreiras têm o objetivo de reunir o maior número de votos para a chapa, já que as cadeiras do Legislativo são distribuídas de acordo com o número de votos obtidos por candidatos eleitos e não eleitos da sigla ou da coligação.

A proposta acaba com isso, mas cria a possibilidade de criação de federações de legendas com “afinidade ideológica e programática”. Uma vez unidas, essas siglas mantêm a identidade própria, mas ficam obrigadas a atuar de forma unitária nos Legislativos durante todo o mandato.

Na eleição às Assembleias e Câmara municipais essa federação poderá ser fatiada em subfederações.

Mesmo que a decisão da Câmara entre em vigor, há risco de o STF (Supremo Tribunal Federal) derrubar as coligações já para as eleições de 2018.

CLÁUSULA

A outra medida cria uma cláusula de desempenho (ou de barreira) para sufocar siglas que tenham baixíssimo desempenho.

Hoje essas legendas, comumente chamadas de nanicas, já têm algumas restrições ao seu funcionamento, como uma menor fatia das verbas públicas e do tempo de propaganda partidária e eleitoral.

A proposta veda completamente, para as siglas que não atingirem determinado patamar de votos, acesso a esses recursos, que são essenciais à sua sobrevivência política.

Pelo texto, haverá a partir das eleições de 2018 uma cláusula de desempenho progressiva: 1,5% dos votos válidos nacionais a deputado federal, distribuídos em pelo menos um terço dos Estados. Em 2030, a cláusula chegará a 3% dos votos válidos, distribuídos em pelo menos um terço dos Estados, com um mínimo de 2% em cada uma deles.

A estimativa é a de que a medida, ao final, reduza as atuais 35 siglas a menos da metade.

A atual reforma política tem sido marcada por idas e vindas e uma sucessão de adiamentos. Nesta terça a Câmara enterrou definitivamente a ideia de alterar o sistema eleitoral do atual modelo, o “proporcional”, para o chamado “distritão”.

Há ainda em discussão a proposta de criação de um novo fundo público para financiar as campanhas, além de outras modificações.

*

ENTENDA AS POSSÍVEIS MUDANÇAS

COLIGAÇÕES PARA ELEIÇÃO DE PRESIDENTE, GOVERNADORES E PREFEITOS

COMO É HOJE: partidos podem se coligar livremente. Não raro, siglas nacionalmente antagônicas, como PT e DEM, se unem nas disputas regionais. O objetivo principal dessas alianças é conseguir ampliar o tempo de propaganda eleitoral do candidato, que é definido de acordo com o tamanho da coligação.
COMO FICARIA: não muda

COLIGAÇÕES PARA ELEIÇÃO DE DEPUTADOS E VEREADORES

COMO É HOJE: partidos podem se coligar livremente. Não raro, siglas nacionalmente antagônicas, como PT e DEM, se unem nas disputas regionais. O objetivo principal dessas alianças é conseguir o maior número de votos para a chapa. Isso porque as cadeiras do Legislativo são distribuídas de acordo com o número de votos obtidos por candidatos eleitos e não eleitos do partido ou da coligação.
COMO FICARIA: Acaba a coligação ampla e irrestrita. Mas mantêm-se a possibilidade de união de legendas com “afinidade ideológica e programática” em federações, que deverão cumprir o mandato de forma unitária nos Legislativos. Na eleição às Assembleias e Câmara municipais essa federação poderá ser fatiada em subfederações.

CLÁUSULA DE DESEMPENHO (OU DE BARREIRA)

COMO É HOJE: Partidos com baixo desempenho nas urnas já têm algumas restrições ao seu funcionamento, como uma menor fatia das verbas públicas e do tempo de propaganda partidária e eleitoral
COMO FICARIA: Haverá a partir da eleição de 2018 uma cláusula de desempenho progressiva que vetará totalmente, às siglas que não a superarem, acesso a dinheiro público e a propaganda na TV, mecanismos essenciais à existência dos partidos. Em 2018, essa cláusula será de 1,5% dos votos válidos nacionais a deputado federal, distribuídos em pelo menos um terço dos Estados. Em 2030, a cláusula chegará a 3% dos votos válidos, distribuídos em pelo menos um terço dos Estados, com um mínimo de 2% em cada uma deles.

Brandão perambula por Brasília sem sucesso em barrar volta de Roberto Rocha ao PSDB

Política
 

O vice-governador Calos Brandão anda desde ontem, terça-feira, 19, perambulando por Brasília em busca de apoio junto à dirigentes nacionais do PSDB para impedir que o senador Roberto Rocha (ex-PSB) consolide o seu retorno ao ninho tucano.

 

Carlos Brandão, que ainda está na presidência estadual do PSDB, bem que tentou convencer alguns dirigentes tucanos, inclusive o presidente nacional do partido, senador Tasso Jereissati, fazendo terrorismo de que com a filiação de Roberto Rocha “haverá uma revoada de filiados, incluindo todos os prefeitos da sigla”.

Mas, segundo apurou o Blog, o vice-governador não obteve êxito na sua embaixada à Brasília, financiada com o dinheiro público, para impedir que Roberto Rocha volte ao partido no qual foi filiado por mais de 15 anos.

Projeto do RH promove a valorização da vida junto a servidores e magistrados

Política
 

Atividades foram pensadas para o Setembro Amarelo, quando é trabalhada a prevenção ao suicídio no Brasil.

“Dizer sim à vida” é o lema de um projeto que está sendo desenvolvido ao longo do mês de setembro pela Divisão Psicossocial da Diretoria de Recursos Humanos do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA). As atividades são motivadas pelo Setembro Amarelo, que é o mês alusivo à prevenção ao suicídio em todo o Brasil, problema que vem crescendo assustadoramente nos últimos anos.

O objetivo principal é debater com servidores, magistrados e demais interessados questões relativas à saúde mental, ressaltando, assim, a valorização da vida, ponto chave na prevenção ao suicídio. Para isso, algumas ações estão sendo promovidas, como rodas de conversa, panfletagem e intervenções.

O convite especial para os magistrados e servidores do Judiciário é para a intervenção psicossocial “Um diálogo sobre a prevenção ao suicídio”, que será realizada nesta sexta-feira (22), no auditório do prédio-sede do Tribunal, às 10h. O diálogo será mediado pelos psicólogos do quadro do Tribunal, Tatiana Dias de Carvalho e Railson Rodrigues.

Nessa terça-feira (19), integrantes da Divisão Psicossocial e Diretoria de Recursos Humanos estiveram na Penitenciária Feminina, no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, realizando uma intervenção com conversa voltada para ações de valorização da vida.

SETEMBRO AMARELO – O Setembro Amarelo é uma campanha iniciada em 2014, pelo Centro de Valorização da Vida (CVV), Conselho Federal de Medicina (CFM) e Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP). Assim como em vários locais do país, o prédio-sede do Tribunal de Justiça do Maranhão foi iluminado na cor amarela, chamando atenção para a campanha.

De acordo com a ABP, o suicídio é um problema de saúde pública e vários fatores podem impedir a detecção precoce de uma possível ocorrência, como exatamente o tabu no diálogo sobre o tema. A dificuldade em buscar ajuda, a falta de conhecimento e de atenção sobre o assunto por parte da sociedade e a ideia errônea de que o comportamento suicida não é um evento frequente condicionam barreiras para a prevenção. Superar esse tabu, abrindo espaço para que se fale e reflita sobre a temática, é fundamental para que a prevenção seja bem-sucedida.

 

“Um diálogo sobre a prevenção ao suicídio”

QUANDO: Sexta-feira, dia 22, às 10h

ONDE: Auditório do prédio-sede do TJMA – Praça Pedro II

MEDIADORES: Tatiana Carvalho e Railson Rodrigues

CRUELDADE! Flávio Dino não quer dar auxílio para herói queimado em ônibus

Política
 

Márcio Ronny na época que ficou todo queimado e agora não está recebendo ajuda do governo Flávio Dino

Por Luís Pablo

O governador Flávio Dino (PCdoB) tem agido de forma cruel com Márcio Ronny da Cruz – homem conhecido por seu ato heroico depois que teve 75% do corpo queimado na tentativa de salvar mãe e filhas de um ônibus incendiado por criminosos de uma facção, em São Luís-MA.

Ao invés de ajudar dando auxílio ao tratamento de Márcio Ronny, o governo faz é recorrer de uma decisão que o obrigou a pagar as despesas da vítima.

Márcio Ronny entrou na justiça contra o governo em julho deste ano, quando teve os medicamentos negado pelo Estado. Ele vem tirando do próprio bolso para comprar os remédios.

Além disso, a vítima também vem tendo custo com passagens para Goiânia (GO), onde tem que retornar a cada seis meses ao Hospital de Queimados para se recuperar dos danos à pele.

“Eu não estou pedindo favor e sim um direito meu, que é negado”, disse Márcio Ronny, que para se recuperar definitivamente ainda precisa de assistência médica pelos próximos nove anos.

Município de Afonso Cunha ganha máquina Patrol por meio de Indicação de Júnior Verde

Política
 

O município de Afonso Cunha foi beneficiado na última segunda (18), com uma Patrol Motoniveladora por meio de Indicação feita pelo deputado estadual Júnior Verde (PRB). O equipamento foi doado pelo Governo do Estado e vai melhorar a infraestrutura, principalmente de vias urbanas e vicinais. Prefeitos e representantes de municípios de todas as regiões do Maranhão participaram da entrega do primeiro lote de máquinas.

A ação integra o programa Caminhos da Produção, que visa oferecer recursos e infraestrutura para incentivo ao desenvolvimento produtivo e circulação de pessoas. As máquinas do tipo Patrol estão avaliadas em R$ 600 mil.

“As Motoniveladoras vão ajudar na manutenção das ruas, das estradas que cortam o município, e são fundamentais para o deslocamento das pessoas e para o escoamento da produção, sobretudo da agricultura familiar. É uma solicitação antiga nossa, feita por meio de Indicação ao Governo do Estado”, comemorou o deputado Júnior Verde, na ocasião acompanhado do prefeito Arquimedes Bacelar, do presidente da Câmara, Pedro Ferreira Medeiros, e de outros vereadores.

A entrega dos equipamentos complementa as ações do Programa Mais Asfalto, que já recuperou mais de 1.300 quilômetros de vias urbanas e que nesta nova etapa vai alcançar 100 municípios.

Além de Afonso Cunha, também foram contemplados os municípios de Bacabal, Santa Inês, Parnarama, Santa Quitéria, Timom, Vitorino Freire, Santo Antônio dos Lopes, Senador Alexandre Costa, Urbano Santos, Zé Doca, São José dos Basílios, Codó, Centro Novo do Maranhão, Amarante, Alcântara, Estreito, Lago da Pedra, Governador Nunes Freire e Coelho Neto.

Ao todo, serão distribuídas 90 Motoniveladoras até novembro deste ano. Os recursos obtidos pelo Governo do Maranhão em operação de crédito com a Caixa Econômica Federal, dão continuidade à política de desenvolvimento das cadeias produtivas no estado, além de ampliar o escoamento da produção maranhense, ação bem recebida pelos prefeitos dos municípios.

Falso médico é preso em Imperatriz depois de aplicar golpe em enfermeira

Política
 

Ricardo Lima se passava por médico ortopedista e estava em um hotel na cidade de Imperatriz. Tudo bancado por um enfermeira que ele a conheceu pela internet e até o carro dela era usado por ele. Ontem foi descoberto que Lima vem dando esse tipo de golpes em algumas cidades, sempre sendo bancado por mulheres.

 

Ricardo Rodrigues Lima foi preso nessa terça-feira. (Divulgação: Antônio Pinheiro )

Ontem a polícia soube que Ricardo Lima havia mandado fazer um carimbo de médico com um nome que ele encontrou pela internet. Em Caxias, ele aplicou o golpe se apresentando como oficial da PM.

A enfermeira desiludida com o “Don Juan” prestou queixa à polícia e contou que ter sido vítima do espertalhão. Ele foi parar no fundo da cela, enquanto a polícia aguarda nova reclamações.

 

Prefeitura de Coelho Neto busca parcerias para a Secretaria Municipal de Cidadania

Política
 

O Prefeito de Coelho Neto-MA, Américo de Sousa, e o Secretário Municipal de Cidadania, Francisco Duruteu, reuniram-se em São Luís, neste dia 18/09, com o Secretário Estadual de Direitos Humanos, Francisco Gonçalves da Conceição, em busca de parcerias para a cidadania.

Na pauta, estavam as apresentações das demandas do município de Coelho Neto-MA, entre elas a emissão de documentos, como RG (Registro Geral); CPF (Cadastro de Pessoa Física); Programa Mais Renda, iniciativa do Governo do Estado, já presente em vários municípios e tem como objetivo ampliar a renda e melhorar a qualidade de vida de famílias maranhenses; Programa de Proteção à Criança e Adolescente, cuja finalidade é assegurar proteção a crianças e adolescentes ameaçados de morte, com ênfase na proteção integral e na convivência familiar.

O Secretário Estadual ouviu as colocações do Gestor Municipal e do Secretário, Francisco Duruteu, e afirmou que se coloca à disposição do município para a efetivação de parcerias, a fim de desenvolver programas que beneficiem a população coelhonetense, com o intuito de aprimorar políticas de direitos humanos e articulação de políticas para a garantia de ações e programas para a promoção do desenvolvimento inclusivo, equitativo, assegurando o acesso aos serviços básicos de cidadania.

Inaugurado oficialmente o painel da Câmara Municipal de São Luís

Política
 

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum (PR), inaugurou oficialmente o painel eletrônico do Legislativo Ludovicense, nessa segunda-feira, 18. A partir de agora os parlamentares poderão fazer a votação por meio dessa ferramenta, onde todos os participantes da sessão acompanharão as atividades, além de transmissão de conferências e a efetiva participação da população.

Após anunciar a transmissão do painel oficialmente, Astro de Ogum observou também o processo de reforma da Câmara que vem sendo realizado.

Sobre as ações a serem implementadas, o dirigente do Legislativo já anunciou que entre os próximos passos já constam a análise e votação das contas dos ex-prefeitos, debates sobre o uso e ocupação do solo urbano, bem como do Plano Diretor. Ele anunciou também a concessão de placas alusivas ao aniversário da cidade, bem como um concurso sobre a história da Câmara Municipal de São Luís, que completará 400 anos em 2019.

Outras atividades que serão postas em prática, conforme adiantou Astro, está o expresso da cidadania, chamado por ele de Câmara Itinerante, onde os vereadores irão fazer visitas às comunidades, ouvir suas opiniões e anseios. A Tribuna Popular, que entrará em operação no início do próximo ano, é outra ação anunciada, além de outras que, segundo ele corresponde a uma aproximação cada vez maior com a população.

“Não significando um apelo por voto, mas sim uma obrigação e uma resposta do parlamento para a população”, disse.

Ministério desmonta factoide de Flávio Dino contra Roseana…

Política
 

Para desgastar a imagem da ex-governadora, comunista tenta ligá-la a fatos negativos para aumentar sua rejeição, única forma de reverter a vantagem que ela impõe nas pesquisas; mas a realidade desmonta as armações do Palácio

FACTOIDE DESFEITO. Recortes do documento enviado a Roseana: nenhuma acusação contra ela

O Ministério da Integração Nacional encaminhou na última segunda-feira, 18, oOfício nº 441/2017-MI, que deixa claro não haver nenhuma investigação em curso contra a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB), muito menos com relação às enchentes que assolaram o Maranhão em 2009.

– Adicionalmente, esclareço não ter sido o referido processo objeto de auditoria, nem constatar qualquer irregularidade a pessoa de vossa senhoria quando no exercício do cargo de governadora do estado do Maranhão – afirma o item 2 do Ofício, assinado pelo ministro Helder Barbalho.

O documento desfaz um factoide inventado pela mídia palaciana contra Roseana Sarney, mentira esta que teve a participação do próprio governador Flávio Dino (PCdoB). (Veja print abaixo)

COVARDIA. Fla´vio Dino tenta sensibilizar população com mentiras sobre caso de apelo social

COVARDIA. Flávio Dino tenta sensibilizar população com mentiras sobre caso de apelo social

Preocupados com o avanço de Roseana Sarney nas pesquisas – como constatou o Instituto Escutec no último domingo – a mídia alinhada ao Palácio dos Leões criou a história do processo contra ela por desvio de verbas das enchentes que assolaram 68 municípios maranhenses, em 2009.

Alguns blogs patrocinados pelo Palácio dos Leões chegaram a tentar vincular à Roseana, covardemente, a imagem do ex-ministro Gedel Vieira Lima, preso após descoberta de malas de dinheiro em seu apartamento.

Covarde também foi a declaração do próprio Flávio Dino, tentando sensibilizar a população com uma acusação que ele próprio já sabia mentirosa.

Mas a explicação para os ataques a Roseana está nas pesquisas.

Flávio Dino sabe que só conseguirá derrotar Roseana Sarney se conseguir elevar sua rejeição para os mesmos patamares de 2014, quando ele ainda era a novidade da mudança no Maranhão.

Como os números mostram que é exatamente a “mudança” que começa a ser rejeitada, o comunista não vê saída a não ser inventar mentiras contra a ex-governadora, usando sua mídia amestrada.

Mas Flávio Dino também sabe que mentiras têm pernas curtas.

E a prova é o documento do Ministério da Integração…

Presidente convida deputados para participarem da sessão comemorativa dos 70 anos do TCE/MA

Política
 
 O presidente da Assembleia, deputado Humberto Coutinho (PDT), convidou seus pares, na sessão desta terça-feira (19), para participarem da Sessão Solene em comemoração aos 70 anos do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE/MA), a ser realizada no próximo dia 05 de outubro.
 

O convite foi feito diante da presença, em Plenário, do presidente do e do ouvidor do TCE/MA, respectivamente, os conselheiros José Ribamar Caldas Furtado e Washignton Luiz Oliveira. “Espero contar com a presença de todos os colegas deputados nesse importante evento, que marca o aniversário do TCE, órgão pelo qual todos nós temos o mais profundo respeito e que cumpre importante função no contexto administrativo estadual”, ressaltou Humberto Coutinho.

“Como parte das comemorações dos 70 anos do TCE/MA, está em desenvolvimento um projeto de resgate da história da corte de contas maranhense, que terá como ponto alto a publicação de um livro”, revelou Washington Oliveira.

Segundo Washington Oliveira, para realizar os trabalhos foi criada uma comissão, que ele preside, que já está realizando pesquisas, entrevistas, recuperação de material iconográfico e documental, envolvendo fontes como Assembleia Legislativa, Câmara Municipal de São Luís, periódicos, Biblioteca Pública e universidades, além de setores e membros ativos e aposentados, detentores de informações relevantes acerca da instituição.





  • Enquetes
    Desculpe, não há enquetes disponíveis no momento.
  • Conheça a Creche Escola Luluzinha
  • AS MAIS VISTA DA SEMANA

  • Contatos

    E-mail: [email protected]
    Telefone: 98 3236-1351
    Celular: 98 98722-6094

    Arquivos

    Posts ordenados por data de publicação.