Um grupo de bandidos encapuzados matou duas pessoas em um bar e ainda atingiu com tiros outras seis. Uma auxiliar administrativa de presídio foi uma das vítimas (foto abaixo). Ela é filha de um Diretor Penitenciário em Viana. 

Em um bar, no povoado Piranhas, em Timon, o bando chegou ao local encapuzado e foi logo atirando, causando a maior correria. Os bandidos estavam em dois carros e fugiram sem que nenhum tenha sido preso até a manhã deste domingo, 02 de agosto.

Além de auxiliar administrativa do Presídio Maracujá, em Timon, foi a primeira a morrer baleada. Em seguida foi o homem conhecido por Eduardo Valadão, que ainda tentou correr mas foi alcançado ao lado do carro de sua propriedade. Outras seis pessoas ficaram feridas, mas fora de perigo.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.