Já foi o tempo em que o aplicativo Uber revolucionava o sistema de atendimento dos carros de aluguéis para beneficiar a população. Os preços cobrados e a rapidez para o veículo chegar ao local de espera fizeram diminuir em mais de 60% a procura pelos táxis. Ao que parece, foi só um sonho.

Nos últimos tempos, o número de carros reduziu drasticamente, as corridas estão sendo cobradas a preços absurdos e o usuários começou a pagar multas por motoristas que não acham os passageiros na porta e até mesmo por cancelamento de corridas que irritam.

Depois do Uber regularizado em São Luís por batalhas judiciais e até embates Legislativos, os meses se passaram e a qualidade do sistema foi caindo.

Para citar um exemplo mais recente, uma senhora com um neto de 4 anos passou mais de 1h30 sendo despachada da porta de um condomínio no Jardim Renascença, já passando da meia noite, correndo o risco de ser assaltada. Foram vários pedidos acertados e depois os cancelamentos, sem nenhuma justificativa.

Depois do longo tempo, finalmente a corrida do Jardim Renascença para o Ipase. Preço pago: R$ 30. Muito mais caro do que se tivesse pego um táxi.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.