Real Madrid estuda contratação de Marta, diz jornal

IstoÉ

Desejando formar um competitivo time de futebol feminino, o Real Madrid está de olho na contratação da atacante brasileira Marta, que defende atualmente a equipe do Orlando Pride, dos Estados Unidos.

De acordo com o jornal espanhol “As”, a camisa 10 da seleção brasileira seria a líder da equipe madrilenha, que pretende investir pesado para se equiparar aos rivais Atlético de Madrid e Barcelona.

Além de Marta, o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, estaria monitorando as jogadoras Verónica Boquete, do Paris Saint-Germain (PSG), Jennifer Hermoso, do rival Atlético, Ada Hegerberg, do Lyon, e Sam Kerr, do Chicago Red Stars.

Ainda segundo o periódico, Marta já teria avaliado positivamente o interesse do Real Madrid.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Na partida de estreia contra a Jamaica, Marta não jogará por causa de lesão

A Seleção Brasileira da Copa Mundial de Futebol Feminina estreia neste domingo, amanhã (09), às 10h30, na França contra a Jamaica, mas não contará com a sua principal estrela, a jogadora Marta.

Eleita por cinco vezes a melhor jogadora do mundo, Marta não conseguiu se recuperar de uma lesão que sofreu na coxa esquerda e será substituída por Bia Zaneratto. 

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

O Antagonista repercute pedido de ponto facultativo nos dias dos jogos do Brasil de futebol feminino

O Blog do Luis Cardoso publicou no início da semana passada o pedido do advogado Alex Ferreira Borralho à presidência da República para seja decretado ponto facultativo nos dias dos jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo de futebol feminino.

No Sábado, o site mais lido do Brasil, O Antagonista, fez publicação quase idêntica, mas com o mesmo conteúdo. E lógico, viralizou. Confira abaixo:

Advogado quer ponto facultativo durante a Copa do Mundo de futebol feminino

O Antagonista

Petições encaminhadas a Jair Bolsonaro, Dias Toffoli e Davi Alcolumbre pedem que seja instituído ponto facultativo em dias de jogos do Brasil na Copa do Mundo de futebol feminino.

O autor do pedido é o advogado maranhense Alex Ferreira Borralho, que defende que seja concedido “o mesmo tratamento de ponto facultativo dado pelos três Poderes da República aos jogos do time masculino da Seleção Brasileira de Futebol, em época da Copa do Mundo”.

“Igualdade de gênero é direito fundamental constitucionalmente assegurado e deve ter a máxima atenção das autoridades brasileiras”, justifica

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.