O funcionário do Instituto Federal de Minas Gerais (IFMG), Vinícius Silveira Raposo (segundo da foto à direita) foi repudiado hoje publicamente pela direção do instituto por comportamento xenófobo em vídeo contra os nordestinos.

O primeiro a falar no vídeo é o empresário Lucas Paolinelli Campos, sócio da mineira Primus Gemstones, empresa de importação e exportação.

Ele diz que  “agora que o Bolsonaro ganhou, graças a Deus, ele vai excluir os nordestinos do grupo. Ele falou que agora é faca na caveira. A gente não vai mais suportar esse pessoal do Acre, de Roraima, esse pessoal do Norte”.

O doutorando do IFMG, o segundo a falar, dizendo que “a galera do Nordeste tem que parar de gastar o dinheiro que o Sudeste produz”. Por causa das declarações preconceituosas, o advogado maranhense Alex Ferreira ingressou hoje com uma ação junto a Polícia Federal para que seja aberto um inquérito contra o comportamento dos mineiros.

Políticos, artistas e intelectuais começaram a se manifestar sobre o caso em todo o Brasil. Abaixo a moção de de repúdio ao funcionário do IFMG:

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Minas Gerais (IFMG)- Campus Bambuí, dentro da sua história de 50 anos, vem a público reforçar o seu compromisso e respeito com a pluralidade do meio acadêmico. Ambiente este que visa a busca pelo conhecimento, nas diferentes formas de aprender e entender o mundo que nos interpõe. Fato primordial para a valorização de um espaço de transformação, que deve ser permeado pelo respeito e pela democracia.

Diante desse contexto, o IFMG não compactua com nenhuma forma de discriminação, e tem trabalhado incansavelmente na promoção do respeito a diversidade, a discussão das diferenças e na eliminação das diferentes formas de preconceito existentes. Estando comprometido com a formação de indivíduos pautados no respeito.

O IFMG esclarece que está tomando as providências legais cabíveis em relação ao fato ocorrido envolvendo servidores de nossa instituição, e reafirma que essa postura não condiz com os preceitos de nossa instituição. Continuaremos lutando por uma educação inclusiva, livre de “amarras” e pautada na ética, moral e civilidade.

Direção Geral do IFMG – Campus Bambuí

Confira aqui o vídeo com declarações discriminatórias contra os nordestinos:

Em grupo, imbecis reúnem para discriminar os nordestinos

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.