O grande número de assaltos a ônibus registrados em São Luís tem deixado não só passageiros em pânico como também rodoviários que muitas vezes perdem a vida durante ação de bandidos.

Um motorista de um coletivo da linha Sá Viana/Centro relatou que não aguenta mais ser assaltado e decidiu pedir demissão após ter sido vítima de um roubo na manhã de ontem (21).

O condutor do veículo foi abordado logo após sair do Terminal de Integração da Praia Grande depois de ter parado para uma senhora. O trabalhador foi ameaçado por um meliante que colocou uma peixeira no pescoço dele, sendo obrigado a entregar a renda do transporte e todos os seus pertences.

Indignado com a situação, o motorista, que não quis mostrar o rosto para não ser identificado, resolveu deixar a profissão pois teme pela própria vida. Confira o relato dele abaixo.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.