Quem passa nos ônibus vira a cara para não assistir o cidadão ser esmagado por pneu de um carro ao desviar de tapumes ou outros arranjos que estão faz tempo atrapalhando os pedestres na ponte José Sarney.

Motoristas de automóveis se assustam quando alguém pula os obstáculos que dificultam a travessia dos pedestres. É preciso muito equilíbrio para não deixar o corpo cair no asfalto da ponte.

Enquanto isso, a Sinfra não percebe o problema que pode resultar em morte e uma bandeira negativa para o governador Carlos Brandão.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.