Revoltados com a atitude do governador Flávio Dino em não chamá-los para que sejam incorporados aos quadros da Polícia Militar do Maranhão, dezenas dos que foram aprovados no certame e já fizeram o curso de formação estão agora às 18h46 na frente do Palácio dos Leões com faixas e bandeiras.

Ocorre que o governo anunciou concurso para aquisição de 3.000 novos militares e só chamou até agora 1.200. A maioria, que ainda não foi solicitada, alega que ficou desempregada e são pais e mães de famílias que não tem como garantir o sustento. Veja nas imagens abaixo:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.