Escândalo sexual envolve vice-prefeito de Timon

    AI5Piauí

    Nos últimos sete anos (de 2006 até 2012) casos de amores, paixões fulminantes, ‘pegação’, beijos calientes, sexo filmado, troca de carinhos, com efeito de favorecimento para amantes, marcam um verdadeiro escândalo sexual e faz detonar uma máfia das licitações na Prefeitura Municipal de Timon, no Maranhão, com cartas marcadas.

    O escândalo envolveria o vice-prefeito Edvar, secretárias municipais, ex-secretário do município, diretora de repartição pública e um rapaz que chegou a filmar o ato sexual dele com uma gestora pública em um motel de Timon.

    Os escândalos sexuais são assuntos comentados em todas as rodas do município, desde o Dia Internacional da Mulher (dia 8 de março de 2012), quando o vice-prefeito Edvar, foi denunciado na Delegacia do 4º DP em Teresina, por um ambientalista que teria flagrado a mulher dele em colóquio amoroso com o vice-prefeito.

    Revoltado, o ambientalista contou tudo que sabia. Disse, inclusive, que a mulher dele é uma empresária que, por meio da influência do amante (vice-prefeito), estaria conseguindo realizar muitas obras no município. Sempre ganhando licitações com cartas marcadas. Ela é dona de uma construtora e a cada obra, o vice estaria ficando com uma parte do dinheiro (uma espécie de comissão).

    Não seria o primeiro caso amoroso do vice-prefeito dentro da Prefeitura de Timon. Há cerca de três anos ele teria mantido um relacionamento amoroso com a secretária (S.M.) do município.

    No ano de 2006 (ainda na primeira gestão da prefeita Socorro Waquim), um secretário do município, a época (C.A.), teria sido flagrado aos beijos dentro do prédio público com uma então secretária (C.R.). Era horário de almoço, mas os dois estavam no local de trabalho.

    Nos escândalos sexuais envolvendo gestores em Timon, a pior desmoralização ganhou as ruas com um vídeo de sexo entre uma diretora (T.C.), que aparece em cenas explícitas com um garotão em um motel da cidade. O próprio rapaz gravou o momento íntimo e espalhou as imagens pelo município. São cinco minutos de vídeo.

    O escândalo sexual fez aflorar as denúncias das licitações viciadas para beneficiar apadrinhados. O Ministério Público já foi informado do caso da empresária e do vice-prefeito, que estaria vencendo licitações por manter um relacionamento amoroso com Edvar.

    O mesmo caso é investigado pelo delegado Igor, na Delegacia do 4º DP, no Parque Piauí, em Teresina. Foi de lá, que um simples flagrante de traição conjugal provocou um acidente de trânsito e na revelação de que a mulher amante estaria sendo beneficiada ‘na coisa pública’.

    Palavra do vice-prefeito – Por sete dias, a reportagem do ai5piaui tentou localizar Edvar para que ele apresentasse sua versão. Deixou recado na prefeitura e no celular dele (86 – 8882 93**), mas nenhum retorno foi dado.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Escândalo do BNB: gerentes foram afastados no Maranhão

    O escândalo que mostra operações de empréstimos no Maranhão pelo Banco do Nordeste do Brasil envolve gerentes de agências no interior do Estado. Três deles foram afastados, mas continuam funcionários com cargos razoáveis no banco.

    Em Pinheiro, um deles, da gerência de crédito, utilizava as operaçõers para consolidar sua candidatura a vereador por aquele muniícpío. Liberou empréstimos para pequenos agricultores sem comprovação de renda ou lastro financeiro para pagar a dívida. E foi fastado do cargo, menos do banco.

    Mais sobre o Escândalo do BNB:
    Superintendente do BNB nega erros nos empréstimos do banco
    BNB do Maranhão libera créditos e empresas não pagam os débitos com o banco

    Ainda na princesa da Baixada, o gerente da única agência fez liberações que até Deus duvida. Beneficiou ao ex-deputado Penaldon Moreira, que sempre apresentava laranjas, ao ex-prefeito Filuca Mendes e facilitou ao atual prefeito Zé Arlindo, no arremate de uma fazenda a preço bastante inferior.

    A propriedade arrematada estava sob regime de penhora pelo banco, que pertencia a um juiz da atual corte eleitoral do TRE. O gerente, também, neste caso, foi afastado.

    Na cidade de Santa Inês, o processo se reverteu ao contrário. O denunciante de uma negociata, funcionário da agência do BNB daquela localidade, foi afastado da função por causa da denúncia feita por ele.

    Já em Balsas, o gerente foi removido depois de uma operação nada regular. Meses depois, outras operações de empréstimos foram aprovadas com a desaprovação do comité técnico do banco.

    Do Ceará, são inúmeras as aprovações de operações de créditos junto ao BNB. A bancada federal governista do PMDB cearense avaliza a direção do banco junto ao governo da presidente Dilma. Lastimável!

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Juiz do Maranhão lamenta a morte do irmão Chico Anysio

    Do G1

    Irmão de Chico Anysio, o juiz Roberto de PaulaIrmão de Chico Anysio, o juiz Roberto de Paula

    Um dos sete irmãos de Chico Anysio que moram em São Luís, lamentou a morte do humorista. O juiz de Bacabal, Carlos Roberto Gomes de Oliveira Paula contou ao G1 que Chico Anysio, mesmo morando distante de São Luís, nunca esteve longe da família. O juiz completou os estudos com a ajuda do irmão mais velho.

    “A nossa família passava por um momento de bastante dificuldade e o Chico resolveu ajudar o meu pai pagando parte dos nossos estudos. Isto foi muito importante para todos nós”, disse.

    A inteligência, a sagacidade e a sabedoria dele eram muito parecidas com o meu pai”Roberto de PaulaRoberto de Paula disse que o humorista representava um orgulho para a família e todo o país. “A inteligência, a sagacidade e a sabedoria dele eram muito parecidas com o meu pai. Ele, a exemplo do meu pai, sabia perceber muito bem tudo que girava ao nosso redor e levava isso para a televisão com muito brilhantismo”, destacou.

    Roberto de Paula contou ainda que o seu pai, Francisco Anísio de Oliveira Paula morreu em 1983 e que Chico Anysio foi filho do primeiro casamento. “O meu pai foi casado três vezes. O Chico era foi filho do primeiro casamento; ele e mais quatro irmãos. Depois o meu pai teve outros quatro filhos num segundo casamento e sete no terceiro que são os que moram aqui em São Luís”, contou.

    O juiz lembrou que o último contato que teve com Chico Anysio foi durante um show do humorista, em São Luís. “A última vez que tivemos contato foi há uns três anos. O Chico Anysio esteve aqui e fez um show na Fama. Toda a família estava lá. Depois do show, ele passou mal e teve que voltar às pressas para o Rio de Janeiro”, afirmou.

    Outro irmão do humorista que também mora em São Luís é o pastor Jorge Oliveira Paula. Ele disse disse que Chico Anysio era um homem muito simples e que se preocupava muito com a família.

    “Ele está seguindo para um encontro com o papai e vai deixar muita saudade a toda família e ao Brasil inteiro que o adorava. O Chico era um homem bastante simples e sempre preocupado com todos nós. Fica um sentimento de muita tristeza e saudade”, afirmou o pastor.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Morre o humorista vascaíno Chico Anysio

    Folha de São Paulo

    O humorista Chico Anysio morreu aos 80 anos hoje, após 112 dias internado no Hospital Samaritano, no Rio. De acordo com o hospital, o horário da morte foi às 14h52. O velório será sábado (24), no Theatro Municipal do Rio. O corpo será cremado no domingo (25), em cerimônia restrita à família.

    Boletim médico informou que o paciente não resistiu a uma parada cardiorespiratória e a morte ocorreu por conta de falência múltipla dos órgãos decorrente de choque séptico causado por infecção pulmonar.

    O artista piorou no início desta semana e, na segunda (19), voltou a respirar com a ajuda de aparelhos em período integral. No dia seguinte, teve uma complicação renal.

    Na noite de quarta (21), ele foi submetido a uma sessão de hemodiálise e apresentou instabilidade hemodinâmica –por isso, fez uso de alta dose de medicamentos para controlar a pressão arterial.

    Seu estado foi considerado crítico pelos médicos na manhã de quinta (22). Segundo o boletim assinado pelo médico Luiz Alfredo Lamy, o humorista estava sedado, respirando com a ajuda de aparelhos e foi submetido na tarde de ontem a uma punção torácica para drenagem de um “grande hematoma pleural”.

    Um dos principais nomes do humor no Brasil, criador de inúmeros personagens e bordões célebres, o cearense Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho construiu uma carreira de mais de seis décadas como radialista, escritor e ator de teatro, cinema e televisão.

    Continuou trabalhando mesmo após o longo período de internação entre dezembro de 2010 e março de 2011, quando retirou parte do intestino grosso, fez uma angioplastia e teve sucessivos problemas cardiorrespiratórios que o deixaram em estado grave -chegou a entrar em coma por três vezes.

    Quando teve alta, em abril do ano passado, voltou a gravar o programa semanal “Zorra Total”, da Rede Globo, interpretando Salomé.

    Chico era casado com a empresária Malga di Paula (seu sexto casamento) e teve oito filhos (um deles adotivo) –Lug de Paula, Nizo Neto, Rico Rondelli, André Lucas, Cícero Chaves, Bruno Mazzeo, Rodrigo e Vitória– com cinco mulheres, entre elas a ex-ministra Zélia Cardoso de Mello, com quem teve seus caçulas.

    Era irmão da atriz Lupe Gigliotti (morta enquanto ele estava internado, em dezembro de 2010, vítima de um câncer de pulmão), do cineasta Zelito Vianna e do empresário (e seu parceiro em diversos roteiros para TV) Elano de Paula.

    Chico Anysio recebe o prêmio especial do júri no Festival de Cinema do Rio, em outubro de 2011 Chico Anysio recebe o prêmio especial do júri no Festival de Cinema do Rio, em outubro de 2011

    INTERNAÇÃO

    Chico Anysio deu entrada no mesmo hospital em novembro de 2011 devido a uma infecção urinária. Após ser tratado com um ciclo de antibióticos, recebeu alta para passar o Natal com a família, mas voltou a ser internado no dia seguinte com hemorragia digestiva.

    Após alguns dias internado na UTI, Chico apresentou, também, um quadro de pneumonia e passou a respirar com a ajuda de aparelhos durante quase todo o período que esteve internado.

    No início de janeiro, apresentou leve melhora na infecção pulmonar e os médicos iniciaram o processo de retirada do respirador.

    No dia 14 de janeiro, o estado de Chico piorou e ele foi submetido a uma laparotomia exploradora (cirurgia abdominal para determinar os motivos do sangramento no intestino, retirando um segmento do intestino delgado que tinha sofrido uma perfuração por isquemia intestinal).

    No mesmo período, ele desenvolveu insuficiência renal passando a receber sessões de hemodiálise.

    Em fevereiro, Chico apresentou discreta melhora no quadro clínico e as sessões de hemodiálise foram suspensas, assim como a redução dos medicamentos para controlar a pressão arterial.

    Ainda segundo o hospital, o humorista estava lúcido, permanecia algumas horas do dia sem ajuda do suporte mecânico para respirar e passava diariamente por sessões de fisioterapia respiratória e motora.

    No fim do mês, Chico foi diagnosticado com um novo quadro de pneumonia, passou a fazer uso de antibióticos e voltou a respirar com ajuda de aparelhos.

    Ele permaneceu com o mesmo quadro clínico até meados de março. No dia 21, apresentou piora no quadro cardiocirculatório com queda da pressão arterial e falência dos rins. Voltou a respirar com ajuda de aparelhos durante todo o dia e foi submetido a sessões de hemodiálise.

    Malga Di Paula, atual mulher do artista, fez campanha contra o cigarro no Facebook na semana passada. “[Chico] é uma das vítimas de uma geração desinformada, que usava o cigarro por uma questão de charme”, publicou ela na rede social.

    HISTÓRICO MÉDICO

    Chico Anysio já havia passado três meses no mesmo hospital no início de 2011, quando deu entrada com falta de ar e foi detectada uma obstrução de artéria coronariana. Ele foi submetido a uma angioplastia, procedimento que desobstrui as artérias.

    No período pós-operatório, o humorista passou por diversas complicações, como tamponamento cardíaco e pneumonia. Ele precisou de auxílio de máquinas para respirar em vários momentos da internação, e foi submetido ainda a uma traqueostomia.

    O humorista esteve internado em outras duas ocasiões em 2010: em maio e agosto. Na primeira, teve de tratar uma infecção respiratória.

    Na época, escreveu em seu blog: “Estou vivo e paciente, esperando a cada telefonema que seja alguém da Globo, vestido de azul marinho, dizendo que alguém da mesma cor quer me ver novamente na telinha”.

    Já a segunda internação, em agosto, ocorreu por causa de uma hemorragia digestiva e ele passou por duas cirurgias no intestino. A recuperação foi rápida e, em setembro, Chico voltou aos palcos ao lado de Tom Cavalcanti no espetáculo “Chico.Tom”.

    Sua saúde foi se debilitando ao longo da última década. Em 2000, Chico Anysio foi internado com dores no peito. No ano seguinte, teve problemas pulmonares. Em 2006, foi internado duas vezes: primeiro, teve uma infecção respiratória, em seguida, sofreu uma queda em casa na qual fraturou uma vértebra.

    Em 2009, o artista fez uma participação na novela “Caminho das Índias”, como o trambiqueiro Namit, pai de Radesh (Marcius Melhem). No ano passado, recebeu o prêmio especial do júri no Festival de Cinema do Rio por sua atuação no filme “A Hora e a Vez de Augusto Matraga”, dirigido por Vinicius Coimbra.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Superintendente do BNB nega erros nos empréstimos do banco

    Resposta do Superintendente do Banco do Nordeste no Estado do Maranhão, Francisco José de Morais Alves ( Franzé) ao blog.

    Sou Francisco José de Morais Alves, mais conhecido como Franzé,  funcionário do Banco do Nordeste do Brasil S.A há 29 anos, onde galguei diversas funções em três estados diferentes (Paraíba, Ceará e Maranhão) e onde ocupo  a Superintendência Estadual do Maranhão desde 2006. Sou graduado, pós-graduado e Mestre em Planejamento do Desenvolvimento, tendo sido professor universitário em cursos de graduação e pós-graduação.

    Leia também:
    BNB do Maranhão libera créditos e empresas não pagam os débitos com o banco

    Os processos de financiamento do Banco do Nordeste, tramitam por diversas áreas e funcionários diferentes, sendo submetidos a diversos colegiados, e somente são aprovados e contratados com todas as etapas favoráveis em todas as instâncias.

    Nossos processos são rigorosos e acompanhados pela nossa área de Auditoria e de Controle Interno  e visam dar correção às ações e cumprimento de nossa missão de contribuir para o desenvolvimento da região nordeste do Brasil.

    Para cumprir nosso papel contamos com o trabalho conjunto de 16 Agências, Central de Retaguarda, Central de Análise, Superintendência Estadual,  Gerência de Recuperação de Crédito, Consultoria Jurídica e Controle Interno, ocupadas por profissionais valorosos, dedicados à Instituição e à sua causa.

    Esse time tem sido responsável por bater sucessivos recordes de aplicação de recursos no Estado do Maranhão, superando anualmente a casa dos R$ 2,0 bilhões, em diversos seguimentos, desde mini e o micro, passando pela pequena e média e grande empresas e conquistando prêmios sucessivos de desempenho, sagrando-nos campeões do programa de performance do Banco por 03 vezes nos últimos 06 anos, inclusive no ano de 2011, cujo resultado foi divulgado anteontem.

    Você pode consultar na Associação Comercial do Maranhão, na Federação das Industrias do Estado do Maranhão, na Associação dos Criadores do Estado do Maranhão a extensa relação de clientes que podem atestar a forma como trabalhamos e o rigor que observamos nos nossos processos. Assim como podem consultar também o SEBRAE e as Secretarias Estaduais e Municipais, especialmente de Industria e Comercio, Agricultura e Agronegócios.

    As operações que porventura se tornem inadimplentes têm recebido o tratamento devido e o Banco muitas vezes tem adotado as medidas judiciais cabíveis para reaver os seus direitos, inclusive as garantias oferecidas.

    As pessoas que estão lhe repassando essas informações equivocadas são muito provavelmente  funcionários insatisfeitos, com interesses contrariados, e intenções escusas que deturpam as versões dos fatos e comprometem a imagem não só minha, nem só do Banco, mas de quase 300 profissionais do Banco no Maranhão que se dedicam conjuntamente a fazer o melhor possível pela empresa e pelo Estado.

    Sobre um comentário a respeito do meu patrimônio pessoal, postado por um leitor e validado por vocês, ressalto que o mesmo resume-se a 01 apartamento de aproximadamente 90 (noventa) m2 no sexto andar de um edifício de dez andares, em Fortaleza-Ce; um imóvel rural composto de duas escrituras de 215 (duzentos e quinze) hectares cada uma, no maranhão, adquiridas em 2004, financiadas uma no Banco do Brasil e outra no Banco da Amazonia; a casa onde resido com minha família, no Bairro Cohama, em São Luis-Ma, e dois automóveis, sendo que um deles ainda resta saldo a pagar. Nada mais alem disso e isso está devidamente registrado na minha declaração de bens junto á Receita Federal.

    Quanto à “lojas em todos os shoppings” informo que o meu filho (enteado) Marcello, instalou UMA microempresa de comercialização e serviços de produtos automotivos, em UM shopping Center da cidade, através de financiamento realizado no Banco da Amazônia. Nem ele, nem eu, nem ninguém da nossa família, tem nenhuma outra loja além dessa.

    Por favor, peço que esteja atento para que o seu blog não esteja sendo usado em objetivos obscuros que tentam atingir a minha imagem e a imagem dos meus colegas e da Instituição que representamos.

    Coloco-me a sua inteira disposição e dos órgãos de controle (MPF, TCU, CGU, Polícia federal, etc) para prestar qualquer esclarecimento sobre os procedimentos adotados pelo Banco do Nordeste sob coordenação da Superintendência Estadual do Maranhão.

    Caso julgue conveniente, coloco-me a seu dispor para recebê-lo de forma a que você possa analisar nossa atuação, tirar dúvidas, ver nossos processos e conhecer nosso trabalho. Seguimos o princípio da transparência, até porque somos Agentes Públicos e devemos satisfações à Sociedade.

    Solicito-lhe publicar o que lhe escrevo, pelo que agradeço. Não pretendo fazer outras intervenções.

    Atenciosamente,

    Francisco José de Morais Alves – Franzé Superintendente Estadual do Banco do Nordeste no Estado do Maranhão

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Assaltantes invadem Igreja Católica da Vila São Luís

    Na manhã desta sexta-feira (23), os moradores da Vila São Luís, na Área Itaqui-Bacanga, tiveram uma grande surpresa ao passarem em frente a igreja católica do bairro. O prédio estava com as janelas abertas com sinais de arrombamento. Quando entraram na igreja, as pessoas se depararam com o templo religioso todo revirado e perceberam que vários objetos haviam sido roubados.

    O ex-coordenador da comunidade, Francisco Ribeiro, de 50 anos, informou que os assaltantes entraram pelo teto e após pegar os objetos de maior valor, arrombaram as janelas, por onde fugiram levando os frutos do crime.

    Ainda segundo Ribeiro, os criminosos levaram microfones, a mesa de som, o cofre, além de paramentos religiosos que estavam no sacrário do templo.

    Francisco Ribeiro registrou Boletim de Ocorrência no 5º Distrito Policial do Anjo da Guarda, que investigará o caso.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Homem se joga de viaduto e morre

    Marcos Ferreira de 22 anos tomou hoje pela manhã, por volta das 12h10 uma atitude precipitada por causa de um romance mal sucedido.

    O jovem correu para o viaduto do Monte Castelo, em São Luís, e diante de olhares perplexos de pessoas se jogou no asfalto. Ferreira teve morte instantânea.

    Com ele a polícia encontrou 300,00 reais no bolso, documentos e remédios em cartelas que não foram revelados.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Governadora comprou mais de 16 toneladas de carne

    Isso mesmo: o Governo do Estado comprou para as casas da governadora Roseana Sarney e de seu vice, Washington Oliveira, 16.258 kg de carnes, entre carnes bovinas, suínas e aves. E tudo isso com dinheiro público.

    Foram mais de uma tonelada de filé mignon (1440 kg), sobrecoxa de frango (1336 kg) e galinha fresca abatida (1184 kg). Isso sem contar nos derivados de boi e porco. E olha que a governadora, seu marido e o vice-governador são pessoas bem esbeltas.

    Esta quantidade de carne daria para fazer um churrasco para 20 Castelões lotados. Enquanto isso o povo maranhense morre de fome.

    Isso é que é comer bem!

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    Apae realiza campanha para ampliação de abrigo

    Doações contribuem para o atendimento a portadores de necessidades especiais.Doações contribuem para o atendimento a portadores de necessidades especiais.

    A Associação dos Pais e Amigos dos Execepcionais de São Luís realiza campanha de doações para ampliação e manutenção do abrigo que serve como alojamento para os acompanhantes de pessoas portadoras de necessidades especiais, que vêm do interior do estado, em busca de tratamento na capital.

    O alojamento possui atualmente capacidade para atender de 25 a 30 crianças e jovens. A instituição oferece tratamento de saúde, acomodação e alimentação aos portadores de necessidades especiais e seus acompanhantes.

    A Apae atua há 40 anos no estado tentando amenizar as limitações e melhorar a qualidade de vida de portadores de necessidades especiais. A reforma do alojamento vai proporcionar um melhor atendimento a quem precisa dos serviços, já que muitas famílias do interior do estado deixam de trazer suas crianças e jovens por não terem onde ficar durante o tratamento.

    A Apae funciona na Rua Outeio da Cruz, próximo ao Estádio Castelão. Para colaborar com a campanha basta ligar: 3216-4221. As atendentes do telemarketing farão seu cadastro. Você pode doar qualquer quantia. Ajude você também.

    Dados da Conta:

    Banco do Brasil: Agência: 0020-5     Conta Corrente: 5646-4

    Atenção: Antes de fazer o depósito ligue: 3216-4221. A Apae e os portadores de necessidades especiais agradecem.

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

    STF nega prorrogativa de foro a desembargadores aposentados

    O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) negou provimento a dois Recursos Extraordinários (RE 546609 e RE 549560) interpostos por desembargadores aposentados que pretendiam o reconhecimento do direito ao foro por prerrogativa de função após a aposentadoria. Nos dois casos, a decisão foi por maioria.

    O RE 549560, cujo julgamento iniciou-se em maio de 2010 e foi suspenso para aguardar a composição completa da Corte, foi interposto por um desembargador aposentado do Estado do Ceará que respondia a ação penal por supostos delitos praticados no exercício da função. Devido à prerrogativa de foro, a ação penal foi instaurada pela Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Após a jubilação do desembargador, o relator da ação remeteu os autos à Justiça Estadual do Ceará. Em situação semelhante, no RE 546609, um desembargador do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFTO) respondia, também no STJ, a ação penal por suposta participação em esquema para a liberação de preso acusado de tráfico de drogas. Com a aposentadoria, o STJ remeteu os autos à Justiça Criminal de primeiro grau do DF.

    Nos recursos ao STF, as defesas dos dois desembargadores pretendiam o reconhecimento do direito a que as ações penais continuassem a ser julgadas pelo STJ. A alegação principal era a de que o cargo do magistrado, de acordo com o inciso I do artigo 95 da Constituição da República, é vitalício. Isso garantiria ao magistrado a vitaliciedade mesmo após a aposentadoria e, consequentemente, o direito à prerrogativa de foro no julgamento de casos ocorridos no exercício da função de magistrado mesmo após o jubilamento.

    O relator dos dois REs, ministro Ricardo Lewandowski, reiterou o voto proferido em 2010 no sentido de que a prerrogativa de foro somente se aplica aos membros ativos da carreira. “A vitaliciedade dos magistrados brasileiros não se confunde, por exemplo, com a ‘life tenure’ garantida a certos juízes norte-americanos, que continuam no cargo enquanto bem servirem ou tiverem saúde para tal”, assinalou. “Para nós, no entanto, os juízes podem ser afastados do cargo por vontade própria, sentença judiciária, disponibilidade e aposentadoria voluntária ou compulsória”.

    A prerrogativa, segundo o ministro Lewandowski, não deve ser confundida com privilégio. “O foro por prerrogativa de função do magistrado existe para assegurar o exercício da jurisdição com independência e imparcialidade”. Num paralelo com a imunidade dos parlamentares, seu voto assinala que se trata, antes, de uma garantia dos cidadãos e, só de forma reflexa, de uma proteção daqueles que, temporariamente, ocupam certos cargos no Judiciário ou no Legislativo – ou seja, “é uma prerrogativa da instituição judiciária, e não da pessoa do juiz”.

    Seu voto foi seguido, nos dois recursos, pelos ministros Rosa Weber, Cármen Lúcia, Joaquim Barbosa, Ayres Britto, Marco Aurélio e Celso de Mello. Ficaram vencidos, no RE 549560, os ministros Eros Grau e Menezes Direito (que participaram da primeira sessão de julgamento, em 2010) e Gilmar Mendes e Cezar Peluso. No RE 546609, ficaram vencidos os ministros Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Cezar Peluso. O ministro Luiz Fux, que participou do julgamento quando integrante da Corte Especial do STJ, estava impedido.

    Com informações da assessoria do STF

    Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.