Militante petista no Maranhão relata em vídeo pressão para apoiar Roseana

 

A Folha conseguiu um vídeo gravado no encontro do PT há duas semanas. Nele, o petista Marcelo Belfort relata como ganhou uma passagem de avião para ir de São Luis a Imperatriz, onde mora, no voo 1859 da Gol dia 18 de maio.

Ele disse que quem pagou a passagem foi o “Estado” do Maranhão e fala que recebeu uma “proposta” da turma do Washington [Luz], ex-deputado federal que defende a aliança com Roseana Sarney (PMDB), para não participar do encontro que há duas semanas definiu os nomes que irão compor a chapa de Flávio Dino (PC do B) ao governo. Belfort já disse em entrevista que a tal “proposta” foi de R$ 20 mil para ele trocar de lado e apoiar Roseana.

A Folha exibe o vídeo, mas não foi possível ao blogue colocá-lo nesta informação por problemas técnicos.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

assessor explica licença de Roseana

Recebo por telefone a informação de um assessor do Palácio dos Leões de que a licença da governadora estava programada.

Amanhã é o aniversário de Roseana Sarney, que pretende passar a data em família. Como na quinta-feira é feriado, a governadora vai descansar e só retorna ao batente na próxima segunda-feira. Tá feito o registro.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Roseana pede licença por uma semana

Há algo de podre no reinado do Palácio dos Leões. Existem mais coisas misteriosas que a nossa vã filosofia possa imaginar.

Depois de assinar o ato de nomeação da procuradora Fátima Travassos para permanecer mais dois anos no comando da Procuradoria Geral do Estado, Roseana Sarney se deu por cansada e pediu licença por um período de uma semana.

A governadora, que visitou diversos municípios do Estado inaugurando obras e atendendo demandas das lideranças políticas, em plena campanha eleitoral antecipada, passou o bastão hoje para o vice João Alberto.

Ultimamente Roseana vinha se quixando das pressões exercidas pelo cunhado deputado Ricardo Murad. Ela não conseguiu permanecer no cargo de secretário de Saúde o médico Luis Alfredo Guterres.

Murad tentou retornar ao posto da Saúde, mas foi vetado pela cunhada. O deputado foi a Brasília e teve dura conversar com o presidente do Senado Federal, José Sarney. De lá voltou mais forte do que antes.

Há comentários dando conta de que Sarney teria provado do seu próprio veneno: o poder de chantagem. Lula, como é sabido, tem sido refém do senador há vários anos.

Para enfrentar Murad, que agora é o coordenador geral da campanha de reeleição de Roseana, só mesmo João Alberto, conhecido em todo o Maranhão por Carcará, aquela ave que mata e come.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Mais uma viória de Ricardo Murad: Roseana escolhe Fátima Travassos

Contrariando todas as expectativas de que indicaria o nome mais votado para ser o novo procurador Geral de Justiça do Maranhão, no caso Raimundo Nonato de Carvalho, a governadora Roseana Sarney  escolheu o segundo nome mais votado: a atual procuradora Fátima Tavassos, que vai permanecer no cargo por mais dois anos.

A escolha do nome de Travassos representa mais uma vitória para o deputado Ricardo Murad, que teve seu nome barrado para retornar ao comando da Secretaria de Saúde, mas conseguiu a exoneração do secretário Luis Alfredo Guterres.

O cunhado de Roseana trabalhou abertamente contra o nome do procurador mais votado, Raimundo Nonato de Carvalho que lhe moveu ação judicial por causa da sua desastrosa passagem pela Gerência Metropolitana. Carvalho acusa Murad de desvio de recursos.

Agora, exercendo superpoderes no comando do Estado, Ricardo Murad tomou para sí a coordenação geral da campanha de Roseana Sarney.

Recebe, desde sábado, prefeitos e deputados em sua residência para despachar as demandas dos políticos. Para a oposição, a escolha de Murad não poderia ter sido melhor. E lembram que ele foi um dos responsáveis pela derrota da cunhada, principalmente em São Luís, em 2006.

Esta é a segunda vez que a procuradora Fátima Travassos é indicada mesmo obtendo menor número de votos.

Na gestão de Jackson Lago ela ficou em terceiro lugar, mas foi escolhida por ser, à época, jackista de carteirinha.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deu na Folha: Governo espionou críticos mesmo após o fim da ditadura

 

Documentos liberados após 25 anos de sigilo revelam alvos na gestão Sarney

Entre os investigados estão o PT, os sem-terra, sindicatos, grupelhos de esquerda e membros de entidades como OAB 

Documentos liberados à Folha pelo Arquivo Nacional após 25 anos de sigilo demonstram que o governo do atual presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), espionou os principais focos de críticas na sociedade civil.

O governo interceptou cartas, infiltrou agentes e produziu listas de nome e endereços dos principais protagonistas da oposição.

Criado após o golpe de 64 e mantido por Sarney (1985-1990), o Serviço Nacional de Informações centralizava as informações na chefia do órgão em Brasília, que tinha status de ministério e ocupava sala ao lado da de Sarney, no Palácio do Planalto.

Os relatórios revelam os principais focos de preocupação do governo: partidos de esquerda, entidades de trabalhadores rurais sem terra, especialmente o MST -largamente o mais visado dentre todos-, religiosos da Teologia da Libertação, sindicatos e setores da mídia.

O SNI recebia e retransmitia relatórios produzidos por inúmeros outros órgãos que formavam a chamada “comunidade de informações” -o arquivo contabilizou pelo menos 248 órgãos que integravam o sistema do SNI.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Cabide de empregos para os apadrinhados


Tribunais de contas estaduais deixam de cumprir em pelo menos 10 unidades da Federação a regra constitucional que prevê a nomeação de um conselheiro a partir da vaga de auditor. Com isso, nomeações ficam a critério de deputados e governadores

Lúcio Vaz, do Correio Brazilienze:

Quase a metade dos tribunais de contas dos estados e dos municípios ainda não cumpriu a determinação constitucional de preencher uma das vagas de conselheiro com auditores de carreira. Em vez disso, os espaços são ocupados por apadrinhados de deputados estaduais e de governadores.

Há casos de tribunais que sequer criaram o cargo de auditor substituto. Em outros, mesmo existindo a carreira, a vaga entre os conselheiros não é preenchida. Há ainda órgãos que inventam requisitos que a lei não prevê para segurar a preciosa vaga, com salário de R$ 24 mil.

Pelo entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF), quatro das sete vagas de conselheiros devem ser preenchidas por indicação da Assembleia Legislativa. As outras três, por indicação do governador, devendo ser reservada uma para procuradores da carreira do tribunal e outra para auditores. Mas essa distribuição não é cumprida, nem mesmo com ordem judicial, em alguns estados.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

PT nacional fecha acordo com Roseana: Washington será o vice.

Dia 11 de junho, 24h antes das convenções do PMDB em todo país, o PT nacional estará reunido para bater o martelo: com exceção do Pará, o partido vai mesmo homologar alianças para apoiar candidaturas de peemedebistas em diversos estados onde ainda existem pendências.

Dois casos estão definidos, informou ontem o ex-deputado federal José Dirceu: Minas Geraes e Maranhão.

Em Minas, o PT será forçado a seguir a direção nacional, retirando a candidatura de Fernando Pimentel (PT) pelo nome do ex-ministro das Comunicações, Hélio Costa. Pimentel será o coordenador nacional da campanha de Dilma.

No Maranhão, segundo José Dirceu falou a um petista local, a governadora Roseana Sarney vai acomodar o PT com a vaga de vice na sua chapa. Antes, já havia dado as secretarias de Educação e Desenvolvimento Social.

A de Trabalho e Solidariedade não passou por acordo partidário. Foi da cota pessoal da governadora a escolha do petista Antônio Heluy.

O nome do vice na chapa de Roseana será mesmo o petista Washington Luis, suplente de deputado federal.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Reduz o número de fumantes no Maranhão

Hoje, Dia Mundial Sem Tabaco, o Maranhão tem o que comemorar. Descemos a ladeira na busca de uma vida melhor, sem o cigarro.

Caímos de 32% para 18% no uso diário do tabaco. O mesmo não se pode dizer do consumo do tabaco na capital pela mulheres.

São Luis á a 13a capital no consumo ativo. Estudos apontam que as meninas começam a fuma mais cedo em São Luís, a partir dos 12 anos. Lamentável.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

PF investiga prostituição de modelos e dançarinas de TV

A Polícia Federal desmontou um esquema de prostituição que envolve modelos e dançarinas de TV que ganham cachês de até R$ 20 mil por programa, segundo informa reportagem de Flávio Ferreira publicada na edição deste domingo da Folha (íntegra está disponível para assinantes do UOL e do jornal).

Diálogos interceptados pela PF mostram a rede de prostituição de luxo, descoberta em uma operação de 2009, durante a operação Harém. A operação chegou a ser divulgada pela PF no ano passado, mas agora a Folha teve acesso às escutas que mostram detalhes do filão mais lucrativo da quadrilha: o das “famosas” da TV e de revistas. E também de seus principais clientes: políticos, empresários e jogadores de futebol.

Em uma ligação, uma famosa assistente de palco de TV relata a uma agenciadora detalhes do programa que lhe rendeu R$ 10 mil.

Em outra ligação, um agenciador diz que um governador está interessado em uma dançarina de um programa de TV. Outra aliciadora diz que não seria possível, pois ela estava ‘namorando um playboyzinho’.

Das 12 mulheres indicadas como testemunhas de acusação pelo Ministério Público, três aparecem nas telas da TV e duas já foram capa de revistas masculinas.

Arte
Operação Harém
Operação Harém

De acordo com a PF, o esquema era liderado por Yzamak Amaro da Silva, conhecido como ‘Mazinho’, e Luiz Carlos Oliveira Machado, o ‘Luiz da Paulista’. Ao todo, 11 pessoas foram denunciadas à Justiça por quatro crimes ligados à exploração da prostituição, além de formação de quadrilha.

Segundo investigações da polícia, as mulheres mais conhecidas exigem programas em hotéis de luxo e determinam a posição da relação sexual, por exemplo, para se prostituírem. Um resort na República Dominicana envolvido no esquema criou um manual de conduta para as brasileiras que frequentam o hotel.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Murad convoca deputados para liberar emendas

Da sua residência, uma mansão de uma quadra no Olho D`água, o deputado Ricardo Murad comanda a campanha de reeleição da cunhada Roseana Sarney.

Tem reunido com os deputados estaduais para liberação de emendas parlamentares, avaliadas em R$ 2,5 milhões por cabeça.

Como secretário de Saúde, liberou a parte que lhe cabia sem distinção. E muitos antes do prazo. Por isso, se vangloriava de ter a oposição na palma das mãos.

Por telefone, tem atendido até os deputados da bancada oposicionista. Opera na liberação dos recursos na Educação, Infraestrutura e, agora, na Saúde.

Sabe que os recursos não podem ser liberados após o período vedado, depois das convenções partidárias. Daí o motivo da pressa.

Tem dois objetivos: garantir o apoio dos políticos para a reeleição de Roseana Sarney e, agora, seu projeto maior. Ricardo decidiu sair candidato à presidência da Assembléia Legislativa, eleição marcada para o início de 2011.

A governadora sabe, mas finge que não entende. Sabe que, se reeleita, Murad terá mais poderes que tem agora, caso renove o mandato e ganhe a presidência da AL. Uma dor de cabeça dupla para o governo.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.