Chico Leitoa assume amanhã

Chico Leitoa se afasta amanhã do cargo de diretor geral do DNIT para asumar vaga, por 120 dias, de deputado estadual.
Ele substituirá a Pedro Veloso, titular da cadeira, que encontra-se em São Paulo se submetendo a tratamento para vencer a leucemia.
Pedro Veloso, segundo fui informado hoje pelo presidente da Assembléia Legislativa, deputado Marcelo Tavares, fará operação de médula para combater o câncer.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

O silêncio das ruas

Manifestantes favoráveis a permanência do mandato do governador Jackson Lago, saíram hoje às ruas de São Luís, em carreatas. Poderia – se houvesse um governo presente, uma passeata.

O que houve, na verdade, foi um desfile de carrões. Organizada pelo ex-presidente da Caema, Rubem Brito, a carreata parecia mais um cortejo fúnebre.

Se o governo do Doutor Jackson Lago fosse presente, atuante e voltado, por menor parte de que lhe cabia decidir, a quem foi decisivo a sua vitoriosa eleição – São Luís – a coisa teria sido diferente.

Jackson Lago, antes mesmo de sair consagrado nas urnas pelo primeiro mandato de prefeito da capital, despontara como líder numa campanha para deputado federal.

Eleito três vezes prefeito da cidade, ainda assim, tinha popularidade e aprovação da maioria do eleitorado de São Luís. Tanto que a cidade “Patrimônio da Humanidade” lhe deu 70% dos votos para a sua vitória como candidato a governador.

Assumiu o governo e, ao que parece, esqueceu da sua maior base eleitoral. Os professores da rede estadual de ensino de São Luís entraram em greve. O restante no interior aderiu ao movimento.

Os policiais civis cruzaram os braços na capital. O movimento se estendeu ao interior. Os defensores públicos entraram em greve na cidade. Logo ganharam o apoio dos que militam na Defensoria dos Municípios.

A omissão da Prefeitura de São Luís fez deixar a cidade em estado de caos. De abandono completo.

O que fez o governador Jackson Lago? Entregou R$ 11 milhões aos cofres da Prefeitura da capital para equacionar o problema, sem a menor fiscalização, sem nenhum acompanhamento.

O governador nomeou para a direção da Caema, o engenheiro Rubem Brito, a quem só chamava de preguiçoso e displicente.

As ruas da capital foram brindadas com esgotos estourados de toda espécie. Um problema a ser e nunca foi solucionado pelo Governo do Estado.

Não causou surpresa, portanto, a apatia da população da capital, ao processo de cassação do mandato do governador.

Nenhuma voz dos moradores de São Luís se uniu ao MST, no agrupamento forçado e equivocadamente classificado de “Balaiada”.

As ruas, praças e avenidas ficaram caladas. Ninguém se entusiasmou a engrossar o movimento.

Jackson Lago, só então, percebeu que estava só. Refém da sua própria solidão.

Talvez, arrependido de deixar de lado quem lhe deu um mandato de governador do Maranhão.

E assim, com carretas, balaiadas e outras frustradas manifestações, possamos hoje entender a valorização de importantes aliados.

As ruas estão silenciosas, as praças já não gritam mais, as avenidas estão reduzidas ao mero papel de assistentes de uma causa anunciada.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Habitação e geladeira

A ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, anunciou ontem no interior da Bahia, que o Governo Federal pretende, via o PAC, construir e entregar 1 milhão de casas populares em todo o país para famílias carentes.
E mais: quem tiver renda familiar inferior a três salários míninos, pode pagar como bem entender. Em parcelas pequenas ou , como devem acontecer, simbolicamente.
Por outro lado, o presidente Lula determinou ao ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, que seja posto logo em prática o programa “Bolsa Geladeira”, que consiste na entrega do aparelho às famílias carentes, sem nenhum custo.
O programa visa proporcionar aos carentes a utilização do importante objeto eletrodoméstico e, ao mesmo tempo, reduzir o consumo de energia elétrica com o uso das velhas geladeiras.
Lobão, com os olhos voltados para o Maranhão, pediu ao presidente que a execução do programa começe a partir de abril.
Portanto, A ministra Dilma e, provavelmente, o presidente Lula estarão no interior do Maranhão fazendo as primeiras entregas, ao lado do governador ou governadora de plantão. Tá explicado!

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Enquete aponta que melhor seria nova eleição

Enquete (que não tem o menor valor científico) feita pelo blogue do jornalista Ricardo Noblat, oferece três opções aos internautas que queiram decidir como deve ser resolvida a substituição de um governador cassado pela Justiça.
Resultado até o presente momento:
1 – O segundo candidato mais votado deve ser empossado, 24,59%.
2 – A Assembléia Legislativa deve eleger o novo governador, 4,87%.
3 – Deve ser convocada nova eleição para que o povo elega o governador, 70,54%.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Dia Internacional da Mulher

Hoje, 8 de Março, Dia Internacional da Mulher. Tenho mãe, esposa e uma única filha. Não tenho flores para lhes dar. Muito menos jóias para presenteá-las.

Mas como filho, marido e pai, convido-as a uma reflexão profunda do mundo, da ainda condição de explorada da mulher, do desumano e insistente domínio do homem pela fraqueza de querer se impor como homem e da cotidiana violência que faz da mulher vítima eterna.

Faltando cinco dias para para o Dia Internacional da Mulher, uma menina de nove anos, que um dia se tornará mulher, é obrigada a abortar gêmeos em um hospital.

Há três anos, ou três datas comemorativas ao Dia Internacional da Mulher, a mesma menina, criança de apenas seis anos, era estuprada pelo padrasto, um homem cruel que diariamente espancava a esposa e a enteada.

Faltando quatro dias para o Dia Internacional da Mulher, um bispo de Pernanbuco excomunga a mãe da menina, o médico e todas as enfermeiras que conduziram o aborto necessário.

Faltando três dias para o Dia Internaciional da Mulher, a mesma igreja católica, na pessoa do bispo, canoniza o estuprador. No mesmo dia, o Vaticano expede nota de apoio ao bispo.

Faltando seis dias para o Dia Internacional da Mulher, um pastor evangélico é preso em Carutapera, cidade do interior maranhense, e confessa que estuprou quatro meninas, que um dia serão mulheres. Uma de 9 anos, outra de dez anos, a terceira de 11 anos e a última de 12 anos.

Há três datas comemorativas ao Dia Internacional da Mulher, o mesmo pastor, de nome Fábio Costa, tinha uma igreja na zona rural de São Luís, e fez duas vítimas menores de sua prática lidibinosa. Não passou uma semana preso.

Faltando três dias para o Dia Internacional da Mulher, Deysy Hroenny Rocha, mulher nova de apenas 21 anos, foi assassinada com 8 facadas pelo ex-marido, Irlan Evangelista da Silva, em um motel de São Luís.
Faltando dois dias para o Dia Internacional da MUlher, Irlan Evangelista se apresenta a uma delegacia e volta para sua casa, como se nada de errado tivesse acontecido.

Faltando um dia para o Dia Internacional da Mulher, uma jovem mulher, ainda de identidade desconhecida, foi encontrada morta, com dois tiros na cabeça, numa cidade próxima de Teresina.

Faltando um dia para o Dia Internacional da Mulher, em Campo Maior, uma mulher teve a mão decepada pelo próprio irmão, que sequer foi preso.

Faltando um dia para o Dia Internacional da Mulher, no bairro da Liberdade, a jovem mulher Andréa Cristina foi morta a facadas.

Hoje, Dia Internacional da Mulher, Marias, Cristinas, Dolores, Deysys, Andréas, Claras, Firminas, Lúcias, Remédios, Fátimas e tantas outras mulheres estarão mortas por atos violentos praticados pelos homens.

Hoje, Dia Internacional da Mulher, Reginas, Clarisses, Lurdes, Antônias, Josefas, Zezés, Mirians, Anas, e tantas outras mulheres continuam sofrendo todo tipo de humilhação, vendendo o corpo, por falta de oportunidade de trabalho para que possam levar uma vida mais digna.

Hoje, Dia Internacional da Mulher, Cláudias, Carmens, Carlas, Carlotas, Valérias, Lucianas, Raquels, Dilmas, Marlis, Rosas e tantas outras mulheres já não têm mais a certeza de no dia seguinte estarão empregadas, porque a crise faz demitir primeiro as mulheres na indústria e nos comércios em geral.

Hoje, Dia Internacional da Mulher, Fabrícias, Leilas, Glórias, Joanas, Marlenes, Zélias, Cassandras, Alciones, Vanessas, Varndeléias e tantas outras ainda estão perplexas com o fato da renda média das mulheres permanenecer menor qua a dos homens. Não entendem a razão da ampla maioria dos altos cargos em empresas públicas e privadas serem preenchidos por homens.

Hoje, Dia Internacional da Mulher, Kátias, Clarisses, Rosanas, Glendas, Sofias, Gertrudes, Sônias, Kilmas, Telmas, Vivianes e tantas outras mulheres ainda não consegue explicação ao fato de que o Brasil tem um dos maiores índices de laqueaduras irriversíveis do mundo.
Hoje, Dia Internacional do Mulher, Luanas, Florindas, Mirtes, Luandas, Normas, Roses, Elmas, Anitas, Carmelitas, e milhões de anônimas não conseguem, pela ausência de assistência médica, realizar nenhuma consultoria pré-natal.
Hoje, Dia Internacional da Mulher, a taxa de mortalidade materna permanece crescente. Hoje, que seria o dia comemorativo ao Dia da Mulher, as mortes de mulheres provocadas pela violência dos homens, cresce a cada dia.

Hoje, Dia Internacional da Mulher, Clores, Fernandas, Marcelas, Danielas, Alessandras, Rutes, Luizas, Joelmas, Julianas e tantas outras mulheres estão sendo vítimas de estupros, sem que ao menos lhes fosse dado a liberdade de escolher com quem praticariam seu primeiro momento de prazer.
Hoje, 8 de Março, não deveria ser o Dia Internacional da Mulher. Bom seria que todo o dia fosse o dia da Mulher. Bom seria que a Mulher pudesse a cada dia ser tratada como pessoa humana, respeitada e amada.
É o que penso!

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Igor Lago não falou o que disseram

Convidado, fui a um almoço no restaurante Cheiro Verde. Lá estava o médico e filho do governador Jackson Lago, o cardiologista Igo Lago.
Ao ser aprsentado a ele, lembrei que em 2005 tivera um problema de hipertensão. Minha pressão bateu em 12×18. Fui aconselhado a ir, imediatamente, ao um centro cardiológico.
Procurei, então, o Pro-cárdio, na lateral da rua do Passeio. Fui atendido pelo jovem médico Igor Lago. Fez todos os procedimentos médicos.
Saí de lá reestablecido. Igo Lago, a mim me fez prescrições radicais. No almoço, lembrei ao filho do governador, que aceitei a receita por apenas uma semana. Ele sorriu e disse que médicos advertem quando necessário. E só.
Leio, para minha surpresa, que Igor Lago tenha feito recomendações políticas e administrativas sobre o governo do pai.
Ao contrário. O médico falou apenas da época em que o PDT nacional era dirigido por Leonel Brizola e foi mais profundo ao dizer que a qualidade soma mais que a quantidade. E só.
Não citou, em nenhum momento, os nomes dos secretários Aziz Santos, Aderson Lago e outros. Teve blogueiro mais afoito que chegou a pedir a cabeça de Zeca Pinheiro, secretário de comunicação. Lago, o filho, ao que observei, não deu a menor atenção.
Quase nada e muito pouco conversamos sobre a política estadual, até porque o cardápio era o principal assunto da mesa.
Saí de lá sabendo que acessos que tenho em Ribeirão Preto, cidade interiorana de São Paulo, são acessado pelo médico Igor Lago.
E mais ainda quando soube que o médico terá, a partir de agora, bater o ponto em um hospital de São Luís, porque fora aprovado em concurso nacional para exercer a sua verdadeira porfissão.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Rezek acha que TSE vai manter a cassação de Jackson Lago

O ex-ministro do Supremo Tribunal Federal e ex-presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Francisco Rezek, que atuou como advogado no processo contra a cassação do mandato do governador Jackson Lago, foi taxativo ao afirmar que não enxerga a menor possibilidade do TSE mudar a posição no julgamento dos Embargos de Declaração para que o atual governador permaneça no cargo.
Em entrevista à revista Consultor Jurídico, Rezek, agora atuando como advogado de uma das bancas mais caras do país, diz: “não creio que se possa reverter a decisão do TSE com os Embargos de Declaração, mas tenho esperanças na solução da questão constitucional pelo Supremo, sobre a possibilidade de virar o jogo no TSE”.
O ex-ministro diz que os Embargos de Declaração, que serão apresentados pelos advogados do governador Jackson lago, tão logo seja publicado o Acórdão que cassou seu mandato pelo TSE, provavelmente na quarta-feira, “não têm virtudes de reverter o quer que seja”.
Aposentado em um dos mais altos cargos públicos do país, com salários acima de R$ 22 mil, o agora advogado adianta que vai recorrer ao STF para garantir o retorno do seu constituinte ao cargo de governador do Maranhão.
Na Paraíba, Cássio Cunha de Lima, fora do cargo de governador, recorreu ao Supremo e perdeu por unanimidade.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Jackson e Castelo nas obras do PAC

pac-rio-anil_visita_joao-castelo_jackson-lago_foto_baeta_0043

O governador Jackson Lago e o prefeito João Castelo visitaram hoje pela manhã o andamento das obras do PAC Rio Anil. Ainda observaram a balsa capotada, que fez interromper os serviços de colocação de algumas pilastras para construção de novos apartamentos.
Boa parte dos imóveis já foi construída e está no ponto de entrega. Lago e Castelo percorreram juntos a área onde será construida, por cima do manguezal, a pista que dará acesso direto ao conjunto de apartamentos.
O governador parecia à vontade. Foi cumprimentado por populares ao longo do percurso da futura ponte. Nem parecia que teve o mandato cassado pelo TSE.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Cutrim na Segurança

Sondado pela senadora Roseana Sarney, o delegado federal, atualmente exercendo o cargo de deputado, Raimundo Cutrim, aceitou ser o futuro secretário de Segurança Pública, tão logo a senadora venha assumir o cargo de governadora.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Secretário vibrou e deputado foi ao delírio

O blog do jornalista Roberto Kenard informou que o deputado Carlos Braide havia ligado a um deputado deputado roseanista e, eufórico, bradou: “Ganhamos!”, se referindo ao julgamento pelo TSE que cassou o mandato do governador Jacksonh Lago.
Carlos Braide, além de pertencer a bancada governista na Assembléia Legislativa, foi secretário do governo de Jackson Lago durante um ano e dez meses.
A comemoração de Carlos Braide nem de perto se aproximou da vibração de um secretário estadual. Ele teria ligado para o ministro Edison Lobão, com quem tem boa relação de amizade, para dizer que foi “justa e sensata” a decisão do TSE.
O tal secretário faz uma administração apagada. Também, pudera, passa a maior parte do tempo viajando.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.