PF prende médica acusada de fazer consulta grátis em troca de votos para Roseana, Luciano Moreira e Ricardo Murad e Manoel Ribeiro

 O blog postou, po volta das 16h, a prisão de uma médica que estava realizando consultas em troca de votos para os candidato Luciano Moreira.

Ele foi presa em sua residência no Recanto dos Vinhas. O blog do jornalista Roberto Kenard e mais o jornal O Globo Online trazem mais detalhes sobre o assunto. Veja abaixo:

A Polícia Federal prendeu nesta terça-feira uma médica, em São Luís do Maranhão, acusada de fazer consulta em troca de promessa de voto para a reeleição da governadora Roseana Sarney (PMDB). No consultório da médica foram apreendidos peças de campanha de Roseana e dos candidatos a deputado Luciano Moreira (federal), Ricardo Murad e Manoel Ribeiro ( estaduais).

A PF fez a busca no consultório da médica a partir de uma denúncia do Ministério Público Eleitoral (MPE). Na operação a polícia prendeu também a dona da casa onde estava instalado o consultório e uma paciente que estava sendo atendida. A paciente foi presa porque reagiu contra ação da polícia. Com a dona da casa foram apreendidos duas carteiras de trabalho e dois títulos de eleitores.

NOTA À IMPRENSA

São Luís/MA – A Polícia Federal informa que na manhã de hoje, dia 21/09/2010, em atendimento a uma demanda do Ministério Público Eleitoral do Estado do Maranhão, uma equipe de policiais federais deslocou-se até uma residência no bairro Recanto dos Vinhais, nesta capital, a fim de verificar a denúncia de que estariam sendo realizadas consultas médicas gratuitas, possivelmente, em troca de votos para os candidatos locais.

No local, a PF encontrou uma médica realizando consultas, gratuitamente, vários panfletos (santinhos) com propaganda em favor de dois candidatos à Câmara Federal e à Assembléia Legislativa do Maranhão, títulos eleitorais e medicamentos de uso exclusivo hospitalar, cuja venda é proibida no comércio. A residência estava caracterizada com cartazes de outros candidatos colados nos muros e paredes.

Foram presas a médica, a proprietária da residência e uma paciente que estava sendo atendida. Com a proprietária da residência, foram encontradas ainda duas carteiras de trabalho, com sua foto e dois títulos de eleitor.

O flagrante está sendo lavrado na sede da Superintendência da Polícia Federal no Estado do Maranhão.

(Com informações de O Globo)

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

#ForaRoseanaSarney: cerca de sete mil pessoas protestam contra candidatura de Roseana Sarney

Movimento #ForaRoseanaSarneyEstudantes gritam #ForaRoseanaSarney

Desde que se iniciou com o tweet do usuário @yurisalmeida, o #ForaRoseanaSarney, vem ganhando forças e ja não se resume a internet.

Há poucos dias, em Urbano Santos, uma manifestação #ForaRoseanaSarney foi confrontada pelos seguranças da Prefeitura da cidade, que tomaram bandeiras e cartazes na marra.

Em São Luis, hoje pela manhã, cerca de sete mil estudantes e twitteiros de todo o Maranhão realizaram um novo protesto contra a candidatura a reeleição da governadora Roseana Sarney.

Segundo a organização do evento, a ação reuniu estudantes de pelo menos 20 escolas públicas de São Luís, 20 entidades ligadas a movimentos sociais, estudantil e sindical, além de representantes de seis partidos de oposição à governadora do Estado (PSTU, PSOL, PCdoB, PCB PDT e PSB) mais membros da ala do PT contraria a aliança do partido com o PMDB.

A mobilização também conseguiu trazer pelo menos dez caravanas de estudantes de algumas cidades do interior do Estado, como Caxias, Santa Inês e Bacabal.

Movimento #ForaRoseanaSarney ganha as rua de São Luis com 7 mil estudantesMovimento #ForaRoseanaSarney ganha as rua de São Luis com 7 mil estudantes

Sob gritos de “fora Roseana Sarney” ou “cadeia para Sarney e Roseana”, os estudantes fizeram uma caminhada, com faixas, cartazes e bandeiras da praça da Bíblia, no Centro de São Luís, até a sede do governo estadual, o Palácio dos Leões. A caminhada foi de aproximadamente quatro quilômetros.

Parte do protesto foi transmitido via twitter, pelo idealizador do movimento #ForaRoseanaSarney, @yurisalmeida, e um dos perfis mais retwittados no Maranhão, @rosengana. Internautas também puderam acompanhar toda a transmissão por este blog.

Em sua página, o blogueiro roseanista, Décio Sá, publicou uma foto do momento em que manifestantes chegavam à Praça da Bíblia, local de onde o movimento #ForaRoseanaSarney começou a passeata.

O fato do principal blogueiro da Mirante ter ido bem cedo ao local de inicio da passeata #ForaRoseanaSarney, às 7h00 da manhã, numa tentativa de desmoralizar o movimento que tem jogado a reeleição de Roseana Sarney pelo ralo, só reforça o desespero de Roseana Sarney.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Agora lascou para Roseana: Transporte de eleitores no dia da votação será proibido

Reunião envolvendo os promotores de JustiçaReunião envolvendo os promotores de Justiça

Candidatos da chapa majoritária dos governos de plantão sempre se beneficiaram da estrutura montada para carregar os eleitores dos rincões e dos povoados de grande municípios.

Transportar eleitores de lugarejos distantes para os locais de votação também tem sido uma prática comum dos candidatos da oposição, mas em menor escala em comparação a frota disponibilizada pelos governistas.

Hoje, pela manhã, promotores, em votação,

consideraram o ato irregular. A Procuradora Regional Eleitoral, Carolina da Hora, informou que levará a

decisão ao TRE.

A Procuradora Regional Eleitoral, Carolina da HoraA Procuradora Regional Eleitoral, Carolina da Hora

A medida vai atingir, principalmente, a candidata Roseana Sarney, que tem programado com lideranças no interior a montagem da estrutura para levar os leitores em transportes coletivos ou carros particulares contratados às urnas. Abaixo matéria do Ministério Público.

Ministerio Publico – MA

Uma reunião envolvendo os promotores de Justiça com atribuições eleitorais foi realizada na manhã desta terça-feira, 21, no auditório da Procuradoria Geral de Justiça. A reunião foi conduzida pela procuradora-geral de Justiça Maria de Fátima Rodrigues Travassos Cordeiro e pela procuradora regional eleitoral, Carolina da Hora Mesquita Höhn.

Também estiveram presentes a corregedora-geral do MPMA, Selene Coelho de Lacerda, o diretor da Secretaria para Assuntos Institucionais, Marco Aurélio Fonseca Barros, e o promotor eleitoral Cláudio Frazão.

Foi ressaltado por Carolina da Hora que não há impedimento do transporte pago pelos próprios eleitores, em táxis ou moto táxis, por exemplo. A proibição é de fretamento de veículos por candidatos, partidos ou coligações.

INSTRUÇÕES – A procuradora Carolina da Hora deu uma série de instruções sobre os procedimentos a serem adotados antes e no dia das eleições. Comícios, por exemplo, só poderão acontecer até o dia 30 de setembro, enquanto passeatas e carreatas poderão ser realizadas até a véspera da votação. Pesquisas de intenção de votos podem ser divulgadas inclusive no dia 3 de outubro, desde que as pesquisas tenham sido realizadas previamente.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

PF prende médica que consultava em troca de votos para Luciano Moreira

Médica envolvida na campanha do candidato a deputado federal, Luciano Moreira é presa pela PFMédica envolvida na campanha do candidato a deputado federal, Luciano Moreira é presa pela PF

O blogueiro e jornalista Marcelo Vieira encontra-se neste momento na sede da Polícia Federal para obter maiores informações sobre a prisão de uma médica que consultava de graça em troca de votos para o candidato a deputado federal Luciano Moreira.

Segundo o blog do Marcelo Vieira, a prisão aconteceu na residência da médica no Recanto dos vinhais, por volta das 14h de hoje.

Luciano Moreira, que não herdou nem uma grande fortuna e muito menos ganhou na mega sena um prêmio acumulado, faz hoje a maior campanha milionária de toda a história do Maranhão.

São lideranças compradas a peso de ouro, o maior volume de carros de som, excessivo material de propaganda impressa, além do pessoal de apoio e “militância”.

Como Moreira não é milionário e não tem fábrica de fazer dinheiro, circulam comentários de que houve um regime no fundo de previdência do funcioanlismo público estadual, coordenado pela Secretaria de Administração, dirigida por ele.

O Fundo tem que ter R$ 75 milhões em reservas. Espera-se.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Prefeita de Timon divide votos com Edilázio Júnior e Zé Carlos da Caixa

Socorro Waquim, Sétimo Waquim e Zé Carlos da CaixaSocorro Waquim, Sétimo Waquim e Zé Carlos da Caixa

Embora esteja com a administração atravessando um dos seus piores momentos, com salários do funcionalismo atrasados, ruas esburacadas, falta de coleta de lixo, município em estado de caos, a prefeita de Timon se deu ao luxo de dividir os votos entre dois candidatos a deputado estadual: Edilázio Júnior e Zé Carlos da Caixa.

Ao primeiro por uma simples razão: estava com seu mandato correndo risco de ser cassado. Socoro Waquim ficou pendurada em liminares com proteções de alguns magistrados do TRE.

Antes porém, dizia que iria apoiar apenas o candidato Zé Carlos da Caixa (PT) por causa de obras do PAC intermediada pela funcionário da CEF.

Depois de abandonar Zé Carlos da Caixa, a prefeita se redimiu e mandou importante aliados votar agora no candidato petista.

Apoia a candidatura de Zé Carlos da Caixa, por determinação da prefeita, Maurício Ângelo, gerente de Educação, indicado por Sétimo Waquim, além de outras lideranças do município.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Jornal o Estado do Maranhão confirma que Lobão é candidato a ministro

O blog foi o primeiro a informar que estava confirmado o retorno do senador Edison Lobão para o Ministério de Minas e Energia, em eventual governo de Dilma Rousseff.

Hoje, o JP Online traz matéria analisando informação da coluna Estado Maior, do jornal de propriedade da família Sarney. Leia abaixo:

A coluna o Estado Maior, do Jornal O Estado do Maranhão, edição desta terça-feira (21), afirma que o candidato a senador Edison Lobão deverá mesmo ser reconduzido ao Ministério das Minas e Energias, caso a candidato Dilma Roussef seja eleita presidente do Brasil.

Na nota “Para depois”, o jornal da família Sarney, diz:

São cada vez mais fortes os registros, nas colunas políticas, de que o senador Edison Lobão poderá vir a ser ministro de Minas e Energia num provável governo de Dilma Roussef.

Lobão, porém, tem dito que os registros não são a sua prioridade e que sua intenção está voltada agora para sua reeleição e da governadora Roseana Sarney e a eleição de Dilma.

Outros assuntos só para depois de consumado esse projeto.

Ora, claro que neste momento o candidato Lobão está preocupado é com a sua eleição, até porque só voltará a ser ministro caso se reeleja senador. O problema é que caso se reeleja, Lobão passará o cargo para o filho Edinho Lobão, que não terá um único voto sequer para possuir legitimidade no exercício do cargo de senador da República.

Roberto Rocha afirmou que agora não resta dúvida de que o Lobão não é candidato a senador para valer, mas sim a ministro de estado, e questionou quando o jornal do grupo Sarney irá admitir também que João Alberto é candidato a secretário de governo.

“É contra essa aberração política que estamos chamando a atenção dos eleitores, principalmente dos quase 60% que ainda não escolheram o seu candidato a senador. Está provado pelo próprio jornal O Estado do Maranhão que Lobão é candidato mesmo é a ministro e não a senador. Resta saber agora, quando o jornal admitirá que João Alberto também não é candidato a senador, mas a secretário de governo”, disse o candidato tucano.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Falta de leitos causa 40 mortes em Imperatriz em 2010

Uol Noticias

São Paulo – Quarenta crianças morreram neste ano em Imperatriz (MA) à espera de um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal. Em menos de nove meses, o número de mortes se aproxima do total de 2009: 43.

Segundo o promotor João Trovão, houve poucas mudanças após as primeiras denúncias relacionadas à falta de leitos. Apenas sete leitos foram instalados no Hospital Municipal de Imperatriz, e os recursos do Ministério da Saúde prometidos para ajudar na reestruturação da saúde nunca foram alocados, segundo ele. “Somos obrigados a ajuizar liminares para conseguir atendimento a dezenas de crianças, mas nem sempre as ações são deferidas a tempo. Acho que o número de mortes em 2010 será maior que em todo o ano passado”, afirmou Trovão.

A Secretaria Estadual de Saúde, porém, não concorda com os números apresentados. “É preciso fazer um estudo mais preciso sobre essas mortes. Nem todas são fruto realmente da falta de UTI”, disse o secretário de saúde, José Márcio Leite.

Em abril, o ministério aprovou um plano de estruturação da saúde de Imperatriz que previa investimento de R$ 11,3 milhões. Desses, R$ 4,1 milhões para infraestrutura e R$ 7,2 milhões para ampliação do atendimento e abertura de leitos de UTI. Além da instalação de leitos de UTI no Hospital Municipal, esses recursos também previam a criação de 27 leitos de UTI neonatal no Materno Infantil de Imperatriz.

O secretário de Saúde do Maranhão informou que o espaço físico da UTI neonatal em Imperatriz está pronto, mas o governo federal ainda não repassou recursos para equipá-la. “Acredito que até outubro isso esteja equacionado. Existem problemas burocráticos que impediram esse repasse”, explicou Leite.

DEFESA

O Ministério da Saúde informou que repassou em maio e em agosto recursos para a instalação de dez leitos de UTI adulto e dez de UTI pediátrica no Hospital Municipal de Imperatriz. E informou que começou a entregar 28 leitos de UTI neonatal no Hospital Regional de Imperatriz, mas confirmou que não recebeu da Secretaria Estadual de Saúde a habilitação dos novos leitos. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Distribuição de combustível: No Maranhão, gasolina grátis para ir à carreata de Roseana Sarney

Jornal O Globo

CODÓ (MA) – Duas horas antes da chegada de Roseana Sarney – ou apenas Roseana – a Codó, no domingo, havia um congestionamento de motos numa fila desorganizada em frente a uma bomba de gasolina no Auto Posto Alencar. Cada motoqueiro recebeu, de graça, três litros de gasolina. Em troca, eles teriam que engrossar a “carreata da vitória” de Roseana, pendurando uma bandeira da candidata na garupa. O carona poderia ir balançando a bandeirola também.

“Se não estiver na carreata, vai devolver o dinheiro”
Um fiscal acompanhava de perto cada abastecimento, anotava placa da moto, o nome do motoqueiro, dava instruções aonde ir e alertava a militância remunerada:

– Se não estiver na carreata, vai ter que devolver o dinheiro. Vamos atrás – avisou um dos fiscais ao grupo.

Perguntado quem estava pagando, respondeu seco:

– Um deputado aí, pessoal da Roseana – disse, desconfiado.

No posto, a gasolina acabou.


Nesses dias, foram umas 3 mil motos e carros abastecendo, por conta dos homens

– Nunca vendeu tanto aqui. Nesses dias, foram umas 3 mil motos e carros abastecendo, por conta dos homens – calculou o frentista.

Sobrou motoqueiro em busca da gasolina. Cada litro, na cidade, custa R$ 2,67.

– Com essa gasolina, dou as voltinhas que pediram e ainda sobra (gasolina) para eu andar mais uma semana – disse Alexandre da Silva, um dos beneficiados, lembrando que uma moto pequena faz de 40 a 50 quilômetros por litro de gasolina.

Em outro posto, o Jeanne, também formaram-se filas. Os motoqueiros já chegavam com a bandeira de Ricardo Murad pendurada na garupa. O cunhado de Roseana é candidato à reeleição como deputado estadual e um de seus principais cabos eleitorais.

Candidato, cunhado também tira o sobrenome: é só Ricardo
Murad foi secretário de Saúde da cunhada e tem o maior comitê eleitoral em Codó, de onde as motos saíam para o posto. Como a governadora, ele não usa o sobrenome na campanha, e se apresenta apenas como Ricardo.

As motos abriam a carreata. Atrás, iam dezenas de carros. Roseana estava numa caminhonete, protegida do sol. A seu lado, estavam os candidatos a senador Edson Lobão e João Alberto.

A assessoria de Roseana negou ter financiado a gasolina dos motociclistas, e informou não autorizar qualquer aliado a adotar o procedimento.

– A campanha de Roseana prima pela lei, pelo cuidado com esse tipo de coisa, porque sabe que é uma vitrine – disse Sérgio Macêdo, chefe de Comunicação da campanha

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Flávio Dino é a candidatura que mais cresce no Maranhão

Carreata pela região do Alto TuriCarreata pela região do Alto Turi

Em visita à cidade de Cândido Mendes, ainda no roteiro de viagens pela região do Alto Turi, o candidato ao governo do Maranhão, Flávio Dino, destacou o crescimento da sua candidatura em todas as regiões do Maranhão.

“Sou o único candidato completamente ficha limpa, porque não respondo a nenhum processo na Justiça. Nunca menti, nunca enganei e nunca roubei. O povo pode depositar em mim o seu voto de confiança, e é por isso que a minha candidatura cresce”, disse Flávio Dino.

Em Buriticupu, onde esteve ontem, Flávio defendeu a exploração sustentável da madeira, o diálogo com os exploradores dessa matéria prima e o respeito integral ás lei ambientais. Nesta segunda, Flávio visitou, também, as cidades de Santa Luzia do Tide, Bom Jesus das Selvas e Açailândia.

Em Cândido Mendes, onde esteve domingo, Flávio Dino liderou mais uma carreata pelas ruas da cidade, por voltas das duas da tarde.

A carreata percorreu durante pouco mais de uma hora várias ruas do município e foi bem recebida pela população, que apesar do sol quente, saiu às ruas para acenar para Flávio Dino.

Em seu discurso à população no final da carreata, Flávio Dino teceu críticas à administração da atual governadora Roseana Sarney. Ele disse que quem governou o Maranhão durante tantos anos precisa mostrar realizações antes de fazer novas promessas.

“A governadora discursa e diz que vai fazer uma revolução no Maranhão. O que nós devemos nos perguntar é porque ela não fez antes, se ela já contabiliza dez anos no governo do Estado”, disse Flávio Dino.

O candidato lembrou também a repercussão da reportagem veiculada no Jornal Nacional recentemente sobre a cidade de Pinheiro, na Baixada Maranhense. “O Brasil pensa que aquilo é que é o Maranhão. Mas nós que somos daqui sabemos que o nosso estado é bonito, forte e rico. O que precisa mudar é a política, para o estado andar para frente”, analisou o candidato.

Da Assessoria

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.