O secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão (PT), oficializa ontem sua retirada da pré-candidatura ao Governo do Estado através de catas encaminhadas à cúpula e a todo o diretório do PT. E informou que disputará uma vaga à Câmara Federal pelo partido. 

Ele vai lutar para aumentar a bancada federal do PT maranhense, bem como estará focado nas eleições de Lula presidente, Carlos Brandão pra governador e Flávio Dino ao Senado.

Felipe Camarão e Carlos Brandão

Indagado hoje pela jornalista Carla Lima, no quadro “Bastidores”, do Bom Dia Mirante sobre a vice na chapa de Brandão, o secretário de Educação considerou justo que o PT busque o cargo para ter uma vaga na chapa majoritária.

Aliás, o nome de Felipe Camarão é bastante cogitado com o apoio do governador Flávio Dino e conta com a simpatia de Carlos Brandão, além de ter o apoio do ex-presidente Lula.

Confira abaixo o comunicado de Felipe Camarão ao PT:

“Em virtude da atual conjuntura política vivenciada em nosso estado; pelo bem de um projeto nacional do nosso Partido dos Trabalhadores, cuja tática principal é clara, no sentido de eleger o presidente Lula e constituir uma forte bancada federal nas eleições de 2022; pela minha posição de aliado do governador Flávio Dino, que já apresentou o nome do vice-governador Carlos Brandão como sua escolha pessoal para a sucessão no Governo do Maranhão e, neste sentido, não há como ser aliado e adversário ao mesmo tempo, venho manifestar, através desta carta, minha decisão de retirar minha pré-candidatura ao cargo de Governador do Estado, no pleito de 2022.

Assim sendo, coloco meu nome para disputar uma vaga na Câmara Federal, como Deputado Federal, como fora minha decisão inicial quando me filiei nesse honroso partido, ou em outra missão partidária que nosso PT deliberar em suas instâncias e níveis de decisão.

Como militante, professor atuante da Educação Pública e gestor do extraordinário Programa “Escola Digna”, considerado o maior em volume de investimentos e ações transformadoras da história do Maranhão e quiçá do Brasil, realço meu apoio pessoal à Flávio Dino, Senador da República; Carlos Brandão, governador do Maranhão, e Lula, presidente da república para o bem do povo brasileiro.

Destaco que irei participar ativamente de todos os debates sempre primando pela soberania partidária, porém, torcendo muito para que no devido tempo e na instância adequada, o Partido dos Trabalhadores e das Trabalhadoras anuncie seu apoio em 2022 para estes nomes por entender ser uma questão de justiça, reconhecimento e reciprocidade política.

Mui respeitosamente e com votos de vitórias para nosso Partido em todas frentes eleitorais de 2022.

Desta forma, como esperado, Felipe Camarão chega como um dos favoritos a disputa por uma vaga na Câmara Federal e, com essa decisão, reforça a pré-candidatura de Brandão ao Governo do Maranhão em 2022.”

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.