Ao contrário do que esperavam os aliados do Palácio dos Leões, o apoio declarado de Flávio Dino faz o pré-candidato a governador, Carlos Brandão, estagnar nas pesquisas e o senador Weverton Rocha crescer.

Nas pesquisas anteriores, Brandão oscilam entre 11% até 13%, mas depois que o governador o declarou como seu candidato pessoal, diversas lideranças não se empenharam mais.

Ocorre que Dino quer embarcar na carona de Brandão para alancar seu projeto de conquistar uma vaga no Senado Federal e melhorar a imagem desgastada que vem mantendo nos últimos dois anos do seu segundo mandato. Flávio Dino vem caindo em todas as pesquisas e corre o sério risco de perder a eleição.

Levantamento divulgado na noite de terça-feira, 28, foi realizado pela Engrácia Pesquisa de Mercado e Opinião, entre os dias 8 a 18 de dezembro e aponta que o senador Weverton Rocha tem quase o triplo da intenção de votos de Brandão. A pesquisa passou passou por 74 cidades maranhenses.

Rocha obteve 35% e Brandão não ultrapassou dos 12%, o que leva a pensar que o governador é igual cerca velha: cai e derruba os outros.

por aliados do senador Weverton Rocha (PDT) aponta que o pedetista já tem 35% das intenções de votos para o Governo do Maranhão.

A margem de erro da pesquisa é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95,5%.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.