No momento em que o pais atravessa uma séria crise econômica, sem capacidade para investimentos, com mais de 13 milhões de desempregados e tem na Reforma da Previdência uma saída, votar contra a proposta é jogar contra o Brasil. Foi exatamente o que fez o deputado federal pelo Maranhão, Eduardo Braide. 

Mas ele não esteve sozinho, não. Foram com ele contra a Nação Bira do Pindaré, Zé Carlos do PT e o lugar tenente do governador, deputado Márcio Jerry. O que levou Braide a ficar nesse time do quanto pior, melhor?

Reforma da Previdência: saiba como votaram os deputados do Maranhão

Flávio Dino não esconde de ninguém que aposta no fracasso de Bolsonaro para que as esquerdas voltem ao poder. Então, é preciso empurrar o Brasil pro fundo do poço. Essa turma esquerdopata não apresenta uma alternativa para nosso país, mas clama todos os dias pela morte do país enquanto a direita estiver no comando.

O governador do Maranhão sempre se posicionou contra a reforma proposta. Eduardo Braide mantinha, até então, o silêncio e ontem seguiu com a turma do PC do B, votando contra o Brasil, o Maranhão e São Luís.

Veja também:

Enquete encerrada: 56% não aprovam acordo entre Flávio Dino e José Sarney

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.