A convite do governador em exercício, Carlos Brandão, o presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), participou sexta-feira (6) de uma série de inaugurações na cidade de Grajaú, com destaque para a assinatura da ordem de serviço visando à recuperação da malha viária da MA-006, no trecho abrangendo Arame, Grajaú, Sítio Novo, Formosa da Serra Negra e Itaipava de Grajaú, que receberá obras de manutenção com ações de conservação e melhoramento.

Sob a ótica do presidente Othelino Neto, o início das obras de recuperação da MA-006 representa a materialização de um sonho. O deputado estava acompanhado de uma das principais lideranças da cidade, Simone Limeira.

Othelino afirmou ter ficado honrado com o convite do governador em exercício, ao mesmo tempo em que destacou a atuação do governo Flávio Dino. “Esse momento sintetiza o governo produtivo de Flávio Dino. Enquanto obras são inauguradas e anunciadas, ele está nos Estados Unidos, proferindo palestra sobre o sucesso de sua gestão. É apontado pelo portal da Globo como o melhor governador do Brasil. Nunca atrasou salário, realizou vários concursos públicos e está com muitas obras em andamento. Sua administração chamou a atenção dos Estados Unidos”, acrescentou.

São 125 quilômetros de extensão contemplados com os serviços. O investimento é de R$ 22 milhões. O governador em exercício assinou a ordem de serviço para início das obras no bairro Canoeiro. De acordo com o secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, os trabalhos deverão ser finalizados em seis meses.

Para Carlos Brandão, a recuperação desse trecho da MA-006 demonstra o potencial do governador Flávio Dino. Ele anunciou que esse serviço deverá ser estendido, dentro de pouco tempo, até Fortaleza dos Nogueiras. Também foram inaugurados sistemas de abastecimento de água, beneficiando moradores dos povoados Macaúba e Novo Macambiral, totalizando dois mil metros de ligações, distribuídas em 100 residências.

Antes das inaugurações, o governador Carlos Brandão reuniu-se com empresários do Polo Gesseiro de Grajaú.  A cadeia produtiva conta com reservas de gipsita (a matéria-prima do gesso) em grande quantidade e qualidade, fazendo com que o Maranhão ocupe o segundo lugar desta produção no país. Em 2017, foram 350 mil toneladas e tem capacidade para aumentar em 10 vezes essa produção, atendendo demanda de mercados consumidores.

O deputado federal Deoclides Macedo (PDT), o deputado estadual Rigo Teles (PV), além do ex-secretário de Indústria e Comércio, Simplício Araújo, destacaram as obras inauguradas e a importância da recuperação do trecho da MA-006, assim como a força econômica representada pelo polo gesseiro do município.

Num emocionado pronunciamento, o prefeito de Grajaú, Mercial Arruda, agradeceu por todas as obras que a cidade está recebendo do Governo do Estado, falou sobre a sólida amizade com o governador em exercício, Carlos Brandão, e dos laços que tem com Flávio Dino, pois o pai do governador, o ex-deputado Sálvio Dino, é natural de Grajaú.

“Aqui é um encontro político ecumênico, porque neste palanque estão todas as alas políticas de Grajaú. Somos adversários na campanha, mas, depois, nos juntamos pelo benefício dessa cidade”, disse o prefeito Mercial.

Além da classe empresarial e de diversos vereadores, participaram da solenidade os prefeitos João Piquiá (Sitio Novo), Jule Meneses (Arame), Moisés Ventura (Jenipapo dos Vieiras) e Joãozinho do Dimázio (Itaipava do Grajaú).

Assistência social

Também foi inaugurada uma sede do Centro de Referência Especializada de Assistência Social (Creas), na Avenida Antônio Borges. A unidade recebe pessoas em situação vulnerável, além de crianças retiradas do trabalho infantil e inscritos no Cadastro Único e Bolsa Família. “É um importante passo no projeto de governo para erradicação da extrema pobreza no Estado”, destacou o secretário de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes), Francisco Oliveira Junior.

O titular da Sedes reforçou que o Governo do Estado está ampliando esse serviço, em todo o Maranhão, com a construção e reforma dessas unidades, que são portas de entrada para o acesso dos grupos mais vulneráveis à assistência social.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.