Servidores que prestam serviços para a prefeitura de Santa Quitéria estão há quatro vezes sem ver a cor dos seus salários, sendo a educação e a saúde as  áreas mais afetadas. São médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, técnicos de enfermagem, farmacêuticos, fisioterapeutas, nutricionistas, professores, vigias, zeladores que não sabem mais a quem recorrer.

A gestão em Santa Quitéria virou um caos logo quando o prefeito Sebastião Moreira, o Moreirão, tornou-se incapaz de continuar administrando a cidade, devido ter sofrido um AVC (Acidente Vascular Cerebral), logo no início de sua gestão. Agora, quem comanda o município de fato é o ex-prefeito Manim Leal.

Manim Leal tem feito da cidade de Santa Quitéria do Maranhão uma terra sem lei. No final do mês de junho ele conseguiu com que o prefeito assinasse um decreto reduzindo o salário de todos os professores para o piso salarial  do ano de 2010. Na época a categoria entrou em greve, mas o “prefeito” conseguiu na justiça que a greve se tornasse ilegal.

Os professores da cidade além de estarem há quatro meses sem receber agora estão sendo ameaçados de terem os dias que estiveram em greve descontados.

kk

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.