O promotor da Infância e Juventude em Imperatriz, João Marcelo Trovão, pediu o asfastamento do diretor da Funac naquela cidade.

O diretor da Funac foi acusado de mandar espancar um menor que havia fugido e retornado às dependências do órgão.

O juiz da Comarca de Imperatriz acatou o pedido do Ministério Público. Agora o caso será investigado e é provável que o diretor seja demitido do cargo.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.